Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Teoria Cognitiva - Aprendizagem Multimédia

Richard. E Mayer, trabalho realizado por José Carneiro e Sandra Bolinhas
by

Sandra Bolinhas

on 2 December 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Teoria Cognitiva - Aprendizagem Multimédia

Teoria Cognitiva
Aprendizagem Multimédia
Richard E. Mayer


Quem é Richard E. Mayer?

Richard E. Mayer é professor de psicologia na Universidade da Califórnia, Santa Barbara (UCSB), onde lecionou desde 1975. Fez o doutoramento em Psicologia pela Universidade de Michigan, em 1973, e lecionou como Professor Auxiliar Convidado de Psicologia na Universidade de Indiana entre 1973 e 1975. A sua investigação tem como ponto de interesse o estudo da psicologia educacional e cognitiva. Atualmente está involvido no estudo do cruzamento da cognição, instrução e tecnologia, com um foco especial na aprendizagem multimídia e no computador como suporte de aprendizagem.

In http://www.psych.ucsb.edu/people/faculty/mayer/index.php
Plausibilidade
Critérios base da teoria
Testabilidade
Plausibilidade Impirica
Aplicabilidade
Canais duplos
Esta teoria assenta em três pressupostos.
Capacidade limitada
Processamento Activo
1. Seleccionar palavras relevantes a processar na memória de trabalho verbal
O que é a Teoria Cognitiva da Aprendizagem Multimédia?
2. Seleccionar imagens relevantes a processar na memória de trabalho visual
3. Organizar as palavras selecionadas num modelo verbal
4. Organizar as imagens selecionadas num modelo pictórico
5. Integrar as representações verbais e pictóricas entre si e com os conhecimentos existentes.
É a teoria sobre a forma como as pessoas aprendem a partir de palavras e imagens.
O ser humano possui canais de processamente de informação distintos para processar recursos
VISUAIS & VERBAIS
Em cada canal o processamento da informação é limitado
A aprendizagem requer um processamento cognitivo adequado em cada um dos canais
Para que a aprendizagem em ambiente multimédia seja significativa o aprendiz terá de proceder a cinco processos cognitivos.
Para que a aprendizagem multimédia tenha êxito, é necessário que o aprendiz coordene e monitorize estes cinco processos.
Exemplos de como os três tipos de materiais apresentados são processados
Apresentação de uma imagem estática e palavras impressas
Apresentação de uma imagem dinâmica e palavras ditas
Processamento de imagens
Imagens
Olhos
Imagens
Modelo Pictorial
Conhecimentos
pré-existentes
Integração
Apresentação
multimédia
Memória sensorial
Memória de trabalho
Memória de longo prazo
Processamento de palavras ditas
Palavras
Ouvidos
Sons
Modelo verbal
Conhecimentos
pré-existentes
Integração
Apresentação
multimédia
Memória sensorial
Memória de trabalho
Memória de longo prazo
Processamento de palavras impressas
Palavras
Olhos
Imagens
Modelo Verbal
Conhecimentos
pré-existentes
Integração
Apresentação
multimédia
Memória sensorial
Memória de trabalho
Memória de longo prazo
Sons
Memória Humana

Sem memória não aprenderíamos nada e perderíamos o sentido do próprio eu, isto é, a ligação connosco próprios e com os outros.

Definição

É o processo através do qual o que aprendemos persiste no tempo. (Squire & Kandel, 1999)

Memória e aprendizagem são dois conceitos relacionados “Somos o que somos em função do que aprendemos e do que nos lembramos”. (Squire & Kandel, 1999)

É um conjunto de mecanismos biológicos e psicológicos que permitem a codificação, o armazenamento e a recuperação das mais diversas informações, quer seja para uso imediato quer para serem usadas posteriormente. (Lieury, 1997).
Memória sensorial

Captada pelos órgãos sensoriais é retida por breves segundos;
Retém a informação sensorial bruta;
Cada órgão sensorial tem a sua própria memória.
Memória de trabalho

Memória Instrumental, activa ou primária;

Primeiro sistema de armazenamento da informação codificada na memória sensorial;

Capacidade limitada: 7 ítens (+/- 2) (Miller, 1956);

Duração Limitada (+/- 30 segundos).
Memória de longo prazo

Esta memória é um sistema complexo e dinâmico.

Está relacionada com tarefas cognitivas (raciocínio, compreensão e a aprendizagem) Badeley, 1977,1997.
Referências
Miranda, G. (Dezembro, 2009), Organizado por, Ensino Online e Aprendizagem Mulltimédia, Relógio D´Água Editores
Mayer, R. (Dezembro, 2009), Teoria Cognitiva da Aprendizagem Multimédia, Relógio D´Água Editores
Trabalho realizado por:

José Carneiro
Sandra Bolinhas

11 de Outubro de 2012
Full transcript