Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Desenvolvimento Embrionário

No description
by

Margarida Nunes

on 17 February 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Desenvolvimento Embrionário

Desenvolvimento Embrionário
Biologia 12º ano
Quando se inicia a vida?
Gastrulação
Organogénese
Período Fetal
Fecundação
Segmentação
MÓRULA
BLASTOCISTO
comprimento: 10 cm
peso: 30g
3º mês
peso: 150g
comprimento: 16 cm
4º mês
8ª SEMANA
Período Embrionário
Período Fetal
ERA UMA VEZ
União
de um
espermatozoide
com o
óvulo
nas
Trompas de Falópio.
(Fenómeno do qual resulta uma única célula -
OVO
ou
ZIGOTO
)
GESTAÇÃO
Espaço de tempo que decorre entre a
fecundação
e o
parto
.
É dividida em duas etapas diferentes
Aproximadamente

38 semanas
PERÍODO EMBRIONÁRIO
PERÍODO FETAL
Desde a
fecundação
até ao final do
1º trimestre
Desde a
8ª semana
de gestação até ao
nascimento
SEGMENTAÇÃO
GASTRULAÇÃO
ORGANOGÉNESE
FECUNDAÇÃO
BLASTOCISTO
BOTÃO EMBRIONÁRIO
TROFOBLASTO
BLASTOCÉLIO
CERCA DE
1 SEMANA
APÓS A FECUNDAÇÃO:
Estas saliências infiltram-se na parede uterina – o
endométrio
.
(Processo denominado
NIDAÇÃO
)
Saliências que se formam a partir do trofoblasto
Botão Embrionário
Endométrio
Nesta etapa do período embrionário, devido à
MORFOGÉNESE
, forma-se a
GÁSTRULA
A partir dos
três folhetos germinativos
formados durante a gastrulação, constituem-se, por
diferenciação celular
, os diferentes tecidos e órgãos do novo ser.
ECTODERME
MESODERME
ENDODERME
Sistema nervoso
Epiderme e pêlos
Órgãos sensoriais
Derme
Esqueleto
Ossos
Cartilagens
Músculos
Sistema reprodutor
Sistema excretor
Sistema circulatório
Sistema respiratório
Pâncreas
Fígado
Revestimento de alguns orgãos
NO ENTANTO
É necessária a existência de estruturas transitórias que sustentem e protejam a formação e crescimento do bebé
ANEXOS EMBRIONÁRIOS
O
embrião
passa a ser denominado
FETO
Parto
38ª SEMANA
Expulsão do bebé
Dilatação do colo do útero
Expulsão da placenta
Abertura e dilatação do
cérvix

Início das
contrações uterinas

Rutura
da bolsa de líquido amniótico
Fortes
contrações uterinas
forçam o bebé para fora do útero

O bebé é
expulso
do corpo da mãe

No mundo exterior ao ventre materno, enche os seus
pulmões de ar
pela primeira vez

O
cordão umbilical
é cortado
DILATAÇÃO DO COLO DO ÚTERO
EXPULSÃO DO BEBÉ
EXPULSÃO DA PLACENTA
Dequitação/expulsão
da placenta e dos restantes anexos embrionários

Equipa médica verifica se as
hemorragias cessaram
e se
não há resíduos
da gestação dentro do corpo da mulher

O
útero contrai-se
e o seu organismo
diminui
o fluxo sanguíneo
Quando a cabeça do bebé aparece, o médico ou a parteira
fazem um pequeno corte
à entrada da vagina, para que seja
mais fácil para a mulher expulsar o bebé
.
EPISIOTOMIA
Desenvolvimento Embrionário
Escola Secundária Campos Melo
Fevereiro 2014
Bruna Luciano
Catarina Macedo
Gonçalo Louro
Marco Inácio
Margarida Nunes
Sofia Costa
12ºB
FUNÇÕES
PROTEÇÃO TÉRMICA
PROTEÇÃO CONTRA A ENTRADA DE ORGANISMOS PATOGÉNICOS
AUXILIA AS TROCAS GASOSAS ENTRE A MÃE E O EMBRIÃO
FUNÇÕES
PROTEGE O EMBRIÃO DA DESIDRATAÇÃO
PROTEGE O EMBRIÃO DOS CHOQUES MECÂNICOS
CONCEDE AO EMBRIÃO UMA TEMPERATURA CONSTANTE
vesícula vitelina
alantoide
PLACENTA
ENCONTRA-SE LIGADA AO EMBRIÃO ATRAVÉS DO CORDÃO UMBILICAL
É ATRAVÉS DELA QUE OCORREM TROCAS DE NUTRIENTES E PRODUTOS DE EXCREÇÃO ENTRE O EMBRIÃO E A MÃE.
REALIZA UMA IMPORTANTE ATIVIDADE ENDÓCRINA (
PRODUÇÃO DE HORMONAS
)
A
placenta
funciona como uma
barreira
, bloqueando a passagem de muitas substâncias nocivas. Porém,
deixa passar algumas substâncias potencialmente perigosas
para o embrião:
Químicos
Vírus
Álcool
Tabaco
ÂMNIO
GÂMETAS
Full transcript