Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Poesia de Cesario Verde

No description
by

Eduardo Rafael

on 27 May 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Poesia de Cesario Verde

Cesário Verde
José Joaquim Cesário Verde foi um poeta português, sendo considerado um dos precursores da poesia que seria feita em Portugal no século XX.

Filho do lavrador e comerciante José Anastácio Verde e de Maria da Piedade dos Santos Verde, Cesário matriculou-se no Curso Superior de Letras em 1873, mas apenas o frequentou alguns meses.

Ali conheceu Silva Pinto, que ficou seu amigo para o resto da vida. Dividia-se entre a produção de poesias e as actividades de comerciante herdadas do pai.

Em 1877 começou a ter sintomas de tuberculose, doença que já lhe tirara o irmão e a irmã. Estas mortes inspiraram contudo um de seus principais poemas, Nós.

Tenta curar-se da tuberculose, mas sem sucesso, vem a falecer no dia 19 de Julho de 1886. No ano seguinte Silva Pinto organiza O Livro de Cesário Verde, compilação da sua poesia publicada em 1901.

No seu estilo delicado, Cesário empregou técnicas impressionistas, com extrema sensibilidade ao retratar a Cidade e o Campo, que são os seus cenários predilectos. Evitou o lirismo tradicional, expressando-se de uma forma mais natural.

Trabalho realizado por: Eduardo Pereira
Simão Cardoso
Poesia de Cesário Verde
Obras de Cesário Verde
A Débil A Forca
Ao Diário Ilustrado Ao Gáz
Arrojos Ave-Marias
Cadências tristes Cinismos
Contrariedades Cristalizações
De tarde De Verão
Desastre Deslumbramentos
Em Petiz Eu e ela
Eu, que sou feio… Explêndida
Flores Velhas Frígida
Heroísmos Horas Mortas
Humilhações Impossível
Ironias do Desgosto Lágrimas
Loira Lúbrica
Manhãs Brumosas: Versos de um Inglês
Manias! Meridional
Merina Na cidade
Nevroses/Contrariedades Noite Fechada
Nós Num álbum
Num Bairro Moderno Num tripúdio de corte rigoroso
Ó áridas Messalinas O Sentimento dum Ocidental
Pró Pudor Provincianas
Responso Sardenta Setentrional Vaidosa
Influencias artisticas e literarias
Fernando Pessoa
Temática da sua Poesia
Mulher da cidade: fatal, fria, bela, distante, ativa, sem sentimentos e calculista
Pró Pudor
Todas as noites ela me cingia
Nos braços, com brandura gasalhosa;
Todas as noites eu adormecia,
Sentindo-a desleixada a langorosa.

Todas as noites uma fantasia
Lhe emanava da fronte imaginosa;
Todas as noites tinha uma mania,
Aquela concepção vertiginosa.

Agora, há quase um mês, modernamente,
Ela tinha um furor dos mais soturnos,
Furor original, impertinente...

Todas as noites ela, ah! sordidez!
Descalçava-me as botas, os coturnos,
E fazia-me cócegas nos pés...

Tema
O poema que escolhemos insere-se no tema da mulher do campo, porque retrata uma mulher simples.
António Nobre
Camilo Pessanha
Roberto de Mesquita
Mário de Sá Carneiro
Mulher do campo: pobre, simples e angelical
Campo: saúde, fertilidade e atividade útil. Caraterísticas presentes nos poemas: “Setentrional”, “Nós”
Cidade: morte, progressão, agitação, opressão social, doença.
Caraterísticas presentes nos poemas: “Setentrional”, “Nós”, “A Débil”, “Avé-Marias”

Questões sociais: Preocupação com os mais desfavorecidos; Revolta com: a opressão, humilhação e abandono dos mais desfavorecidos.
Caraterísticas presentes nos poemas: “Deslumbramentos”, “Contrariedades”, “Avé-Marias”
Poetização da realidade: Impressões reais; Atenção voltada para o quotidiano; Transmissão de perceções.
Impressionismo
Pariasianismo
Realismo
Naturalismo
Surrealismo
Full transcript