Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Trilhas

No description
by

Rosemeire Colin

on 7 November 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Trilhas

Os jogos, como promotores da aprendizagem e do desenvolvimento, podem ser considerados nas práticas escolares como importante aliados para o ensino, mas não podem ser utilizados como únicas estratégias didáticas e nem garantem a apropriação dos conhecimentos que buscamos.

"A utilização do jogo potencializa a exploração e a construção do conhecimento, por contar com a motivação interna, típica do lúdico, mas o trabalho pedagógico requer a oferta de estímulos externos e a influência de parceiros bem como a sistematização de conceitos em outras situações que não jogos." Kishimoto (2003, p. 37/38) Nos jogos de regras, as crianças aprendem que a participação em grupos exige atendimento a regras, aprende que essas regras são compartilhadas e são mutáveis, desde que haja um acordo entre os participantes.

“Dominar as regras significa dominar seu próprio comportamento, aprendendo a controlá-lo, aprendendo a subordiná-lo a um propósito definido”. Leontiev (1988, p. 139) Jogos de linguagem Há desenvolvimento moral e social das crianças nas brincadeiras: tanto nos jogos de enredo quanto nos jogos de regras. Para se apropriarem do sistema alfabético, os aprendizes precisam descobrir as unidades sonoras (sílabas, fonemas) e compreender como elas correspondem às unidades gráficas. Precisam descobrir que:

As palavras orais são unidades que podem ser divididas em unidades menores (sílabas e fonemas);
Cada letra corresponde, via de regra, a algo (que chamamos de fonema) menor que as sílabas;
As sílabas são formadas por uma ou mais letras e que em cada sílaba há uma vogal;
A ordem de escrita das letras corresponde à ordem de emissão dos sons da palavra oral;
Existe um sentido predominante na escrita.
Jogos ajudam a refletir sobre os princípios do sistema alfabético “Trabalhar com jogos junto às crianças de seis anos de idade favorece que princípios básicos característicos das aprendizagens nessa etapa da vida das crianças possam ser garantidos. Os jogos as convidam a uma participação ativa em suas experiências, pois, ao jogar, as crianças exploram, perguntam e refletem sobre a realidade e as formas culturais nas quais vivem, desenvolvendo-se psicológica e socialmente.” Os jogos na alfabetização Os jogos de faz de conta “fazem com que as crianças experimentem a vida em sociedade e exerçam papéis sociais diversos, de modo que as regras sociais são o alicerce da brincadeira”.  Leal, Albuquerque e Leite (2005, p. 114)

As crianças representam os papéis sociais mobilizados nas situações encenadas e, entre outras características sociais imitadas, está o “modo de falar”, incluindo-se o vocabulário e o estilo do texto, assim como o grau de formalidade e polidez.  Nessas situações, as crianças brincam de falar “como se fossem outras pessoas”. Jogos de faz de conta As manifestações linguísticas revelam capacidades infantis de prestar atenção à língua. Elas aprendem que há variações no modo de falar ao exercerem tais papéis.  

Ao brincarem, elas vivenciam situações em que imitam o mundo adulto, e, consequentemente, aprendem sobre a sociedade, sobre as relações sociais e sobre o papel da linguagem nas variadas situações. Vivenciam experiências em que exercitam a produção de textos diversos, realizando variações decorrentes dos tipos de interação social. As crianças também brincam de pensar sobre os sons. Realizam jogos de palavras e exploram a dimensão sonora dos textos.
 
No caso das brincadeiras com as palavras, o foco de atenção das crianças recai não apenas sobre os aspectos referentes ao significado das palavras ou aos sentidos dos textos, mas também sobre os recursos mais diretamente ligados aos aspectos sonoros da linguagem. Jogos Trilhas Mercado: comparação oral de palavras (sílaba inicial)
Descubra o invasor: comparação oral de palavras (sílaba inicial)
Batalha de nomes: comparação oral de palavras (quantidade de sílabas)
Passo a passo: comparação oral de palavras (sílaba inicial / final)
Bichos malucos: decomposição / composição oral de palavras
Rimas: comparação oral e/ou escrita de palavras para identificar rimas
Nomes escondidos: decomposição oral e/ou escrita de uma palavra para forma outra palavra
Que brinquedo é esse?: pareamento de palavras e figuras (leitura de palavras com pistas)
Contrários: identificação de palavras antônimas
Agrupando imagens: classificação de palavras quanto ao campo semântico
Full transcript