Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Edifício Copan (projeto VI

No description
by

Lala Gr

on 21 August 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Edifício Copan (projeto VI

EDIFÍCIO COPAN
Oscar Niemeyer
Oscar Niemeyer (1907-2012) foi arquiteto brasileiro. Responsável pelo planejamento arquitetônico de vários prédios de Brasília. Possui mais de 600 projetos em todo o mundo. É um dos maiores representantes da arquitetura moderna da história. Tem como característica principal o uso do concreto armado para as suas construções, com seu estilo inconfundível, se inspirando nas curvas das mulheres brasileiras.
Ficha Técnica
Projeto:. Edifício Copan
Arquiteto:. Oscar Niemeyer
Arquiteto que Conduziu a Construção:. Carlos Lemos
Projeto de Renovação:. Ciro Pirondi
Local:. Avenida Ipiranga - Centro de São Paulo, 220
Início do projeto:. 1951
Conclusão da obra:. 1974
Área Total do terreno:. 10.572,80 m²
Área Total Ocupado no Terreno:. 6.072,90 m² (0,8%)
Área Total Construída:. 116.152,59 m²
Área de Coeficiente:. 3,5
Altura: 115 m
Andares: 32
Quantidade de Apartamentos: 1.160
Elevadores: 20
Tamanho Apartamentos: 26 a 350m²

Setorização Edifício
Bloco A: Pessoas de renda média.
Bloco B: Bloco de kitinetes.
Bloco D: Pessoas com maior poder
aquisitivo.
Bloco E: Numero de cômodos variados
Bloco F: Inquilinos de renda modesta
Conceitos de Projeto
Elaine C. Granadier RA: 002201201416
Guilherme Barbosa RA: 002201000058
Maíra Garrido RA: 002201201694
Tiago Travassos RA: 002201501466
Referências:
Contexto Histórico do Copan
O edifício COPAN surgiu num período em que a cidade de São Paulo apresentava uma dinâmica de transformação e crescimento espantoso, com o avanço da industrialização para fora dos limites da cidade juntamente com a grande especulação imobiliária em torno do centro, verificaram-se dois aspectos marcantes da época : Uma intensa expansão na malha urbana e o adensamento populacional com verticalização da área central.
O empreendimento foi lançado no mercado sob forte campanha publicitária, que promovia deliberadamente o vínculo entre o novo complexo de edifícios e a figura do arquiteto autor do projeto, na promessa de uma nova referência arquitetônica no centro de São Paulo.
Após alguns problemas financeiros e com a mudança de administrador e financiador durante a obra, foi alterado o projeto, onde era para ser o hotel acabou sendo a sede do banco Bradesco. Assim retomando as obras em 1957 quando o Bradesco assumiu o projeto.

Andar térreo cerca de 70 lojas.
• EDIFÍCIO COPAN. Direção de Luiz Bargmann; Coord. Profa. Dra. Sheila Walbe Ornstein. SãoPaulo: VideoFAU, 2006. DVD (26 min.): Son., color. Narrado. Port.
• GALVÃO, Walter José Ferreira. COPAN/SP: A trajetória de um mega empreendimento daconcepção ao uso. Estudo compreensivo do processo com base na Avaliação Pós-Ocupação.Dissertação (mestrado). Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo,2007.
• IMAI. César. Avaliação Pós-Ocupação (APO) no projeto casa fácil. Dissertação (mestrado).Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, 2000.
• Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo. Manual de Orientação paraExecução Racionalizada de Instalações em Intervenções para ajuda mútua. São Paulo: IPT,1987.
Volumetria e Estrutura
O Edifício Copan é a maior estrutura de concreto armado do país, com cerca de 400 Kg por metro cúbico construído. Tem 115 metros de altura, 120 mil m² de área construída, 1.160 apartamentos que variam de 26 a 350 m² e cerca de 5 mil moradores distribuídos em seis blocos. No térreo distribuem-se cerca de 70 lojas.
Análise Estrutural Edifício
O edifício é Composto por: Base, Transição, Lâmina e Cobertura.
A Base é composta pelos pavimentos subsolo (2 pisos), Térreo, Sobreloja, Cinema, Terraço e Transição (ou Cobertura do Terraço). A Lâmina contém o pavimento igual nos 32 andares de apartamentos residenciais e a Cobertura da Lâmina compreende os pavimentos terraço, segundo piso do terraço e Cobertura- Heliporto
O Copan foi construído sobre fundações diretas, contrariando a tendência da época, da utilização de estacas “Franklin”. Cada um dos pilares curvos que atravessam todos os pavimentos da base é sustentado por um bloco de fundação. A carga de cada bloco é distribuída, em média, por 30 estacas. O pilotis é composto de duas fileiras paralelas, que acompanham a projeção do “S” da lâmina.

Projeto Original e suas Alterações
De acordo com o projeto original, o terraço seria um dos principais pavimentos da base, do ponto de vista do espaço público do edifício. O terraço promoveria a integração entre edifício e cidade, porém de maneira mais enfática, ao considerar a criação de grandes estruturas de circulação com exclusiva finalidade de ligar o pavimento á rua. O terraço construído perdeu muito da qualidade urbanística idealizada por Niemeyer, através de alterações no projeto, onde não foi executado sua ideia principal e foi proibido o uso público do pavimento.
Características dos Apartamentos
Acessos Edifício Copan
Os blocos que compõem as lâminas são independentes entre si e contam com as entradas principais e secundárias. Todas essas entradas são acessíveis a partir da base, tanto do térreo (contando com serviço de portaria) como do subsolo. Todos os blocos dispoem de elevadores que ficam no saguão, porém, nos blocos A, B e D, o comprimento do saguão dos elevadores é delimitados pela dimensão das próprias máquinas, e a largura das porta de entrada dos apartamentos. Mesmo sendo compacto o acesso no bloco B, ainda ocupa uma área maior de circulação e consta ainda sendo o princípal da circulação compacta que rege o projeto ( incluindo as saídas de emergência principais ).
- O edifício sofre variações no pé direito, no subsolo 2, mesmo ele sendo plano, sua projeção não é, assim pode-se notar um desnível de 4 metros da implantação, do bloco A para o bloco F.
-Assim os Acessos ao estacionamento, é feita pela rampa principal com entrada pela Rua Araujo e saída pela Normanda, onde chega-se a este primeiro pavimento subterrâneo apenas pelo outro ponto da planta onde há uma nova rampa conectando a circulação dos automóveis ao pavimento inferior.
-Ao todo o estacionamento comporta 221 vagas e há duas cotas predominantes no piso subsolo 1, com diferença de 1,25 m entre os patamares, abrigando algumas vagas de estacionamento em trechos em que a ligação aos dois níveis é feita por planos inclinados.
Análise Estrutural Pavimento
Subreloja
O Pavimento sobreloja possui piso inclinado, paralelo ao piso térreo em quase toda sua extensão, apresentando uma variedade de desenhos de esquadrias de ferro e soluções de abertura, onde surgem ambientes formados por patamares.
No último trecho, entre o saguão e o “fim de linha”, o pé direito duplo se torna cada vez mais alto.
Análise Estrutural Cinema
-A estrutura da cobertura do cinema, se eleva aproximadamente até 5m da cota do piso e, em planta, quase tangencia a lâmina, no ponto em que a fachada é mais pronunciada.
-Mesmo sem acesso ao cinema e sem os cortes necessários para a compreensão desta construção e sua relação com o restante do edifício, as visitas aos pavimentos da base e vistas aéreas permitiram verificar que a laje que foi efetivamente contruída para o cinema não segue o padrão arredondado sugerido pelo corte apresentado.

Análise Estrutural Edifíco Conclusão
Foto aérea Copan
Análise Estrutura Edifício Conclusão
- As variações das curva no edifício envolvendo os pilotis e as lâminas, em planta é possível ver como um dos pilares serve como ponto de partida e chegada ao desenho da curva, sendo assim mostrando que os pilares juntos dão a forma do edifício
- A ideia principal de estrutura do edifício foi, que a base e o próprio solo, sustente e garanta as curvas e pavimentos variados. Assim nos trechos em que a sensação é mais atenuada e há grandes varandas de curvas, é quando a base se abre para a acidade envolvendo todo seu entorno.
- O acabamento em suas fachadas é feito através dos brises, onde representa a dimensão cartesiana na curva, com sua sucessão de pórticos que, a principio, nada têm de curvos. A ideia do pórtico é reafirmada pela distribuição do elemento vertical e horizontal no emprego do revestimento das pastilhas de vidro. O pilotis recebeu a mesma pastilha de vidro cinza do elemento vertical do brise.
- Para demarcar os limites das curva, foi criado fachadas menores que organizam o entendimento do espaço ao recorrer a dimensão da ortogonalidade, por meio de retângulos, forma mais familiar na cidade, que poderia pertencer a qualquer outro edifício.
- Diante da presença de revestimento em toda a estrutura, fica claro que Niemeyer utiliza o concreto armado como recurso para criar formas. Assim nesse contexto da defesa da técnica, explorar a aparência do concreto bruto usada por arquitetos modernos.

Levantamento
(Localização, Pontos de Referência e Limites do Lote)
Google Maps - Avenida Ipiranga - Centro de São Paulo, 220 -SP
Referências
Maquete eletrônica
Curiosidades
Edifício Copan cedeu 33 cm em quase 50 anos.
Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2014/11/1545495-edificio-simbolo-de-sp-copan-afundou-33-centimetros-em-quase-50-anos.shtml
Análise Estrutural Subsolo 1 e 2 ( Estacionamento e Cinema)
• Processo de projeto:
O projeto original tinha dois prédios, sendo que um deles deveria conter 30 andares residenciais e um segundo edifício que abrigaria um hotel com 600 quartos. Os dois seriam interligados por uma marquise no térreo e ali deveria ter garagens, cinema, teatro, entre outros.
• Conceito:
O Copan, por ele está localizado no centro da capital paulista, é um símbolo da metrópole. Sua arquitetura em curvas sinuosas formando um "S" traz a marca registrada de Niemeyer, que traduzem o movimento artístico e cultural do período em que foi construído, o Modernismo. O Copan é um potente discurso arquitetônico sobre as tensões de contraste e complementaridade, que afirma que é possível construir sem reproduzir – não só no sentido formal, mas projetando um futuro que não seja o presente
• Ideia principal:
A ideia era inspirada no Rockefeller Center, de Nova York, condomínio que unia um grande centro comercial e de lazer a residências. O prédio foi encomendado pela Companhia Pan-Americana de Hotéis e Turismo e, a ideia principal, era fazer do Copan um grande centro urbanístico.
• Sistema Construtivo – estruturas, vedações:.
A técnica do concreto armado é eleita por ele como a que melhor se presta para conferir liberdade e invenção à arquitetura. A partir do concreto armado, amplia-se o repertório formal e potencial para além do ângulo reto e permite-se a separação entre estrutura e vedos: as paredes libertam-se da obrigatoriedade da função estrutural, o que pode ser traduzido em espaços inusitados, fluídos e, sobretudo, leves. Para Niemeyer, com o concreto armado, toda forma sonhada é possível de ser construída.
Terreno 10.572,80

2º Subsolo 6.072,90

1º Subsolo 6.072,90

Térreo 5.771,90

Sobreloja 1.709,76

Foyer 2.888,23

Terraço 5.771,90

Pav.Tipo (pav.) 86.560,00

Cobertura 1.305,00

TOTAL 116.152,59
Obrigada!
Full transcript