Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Aula 2 - fototecnia

Parte do programa de aulas teóricas do curso "Corpo, Espaço e Tecnologia: O audiovisual em cena" na SP Escola de Teatro
by

Lina Lopes

on 30 August 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Aula 2 - fototecnia

gravar com a luz
luz ideal = diafragma + obturador + ISO
foto-grafia
diafragma
obturador
temperatura de cor
sensibilidade
iso/asa
erro de paralaxe
Rangefinder significa medidor de distância e se traduz por telêmetro, que é um dispositivo óptico que serve para verificar a distância entre o aparelho e um determinado ponto;

Pequenas e silenciosas;

Uma câmera telemétrica tem um visor, pelo qual se compõe a foto. No visor, há a sobreposição das imagens vindas de duas janelas (1 e 2). A imagem da janela 2 passa por um sistema de prismas e espelhos que projeta, no centro do quadro, uma parte da imagem sobreposta à que vem da janela 1. O foco é ajustado fazendo com que as duas imagens coincidam. Quanto maior a distância entre a janela 1 e 2, mais preciso será o foco.
câmeras telemétricas
câmeras reflex
Uma câmera reflex monobjetiva digital (SRL digital ou DSLR "digital single-lens reflex cameras") é uma câmera digital que usa um sistema mecânico de espelhos e um pentaprisma para direcionar a luz da lente para um visor óptico na parte traseira da câmera.
As câmeras reflex dominaram o mercado de amadores avançados e profissionais por resolverem muito bem três problemas técnicos da fotografia: o foco, a medição de luz e o erro de paralaxe. Ao colocar no visor, através de um espelho móvel, exatamente a imagem que vai sair na foto, permitindo ao usuário visualizar o enquadramento com precisão, o foco e a profunidade de campo, além de medir a luz não do ambiente, mas a que passa pela objetiva e efetivamente sensibilizará o filme ou sensor, esses equipamentos criaram uma maneira prática, intuitiva e eficiente de fazer fotos. As reflex logo vão completar 100 anos e ainda são o modelo para as modernas câmeras digitais de alta performance.
Corpo, espaço e tecnologia - Aula 2
O diafragma fotográfico é o dispositivo que regula a abertura de um sistema óptico;

É composto por um conjunto de finas lâminas justapostas que se localiza dentro da objectiva, e que permitem a regularem da intensidade de luz/iluminada que ira sair na material foto-sensível;
Cada número maior, ou seja, mais fechado, representa a metade da luz que a abertura anterior permite passar, assim como a cada número menor, ou seja, mais aberto, permite a entrada do dobro de luz;

A atual escala de abertura utilizada é obtida através da função f= DF/A
em que f é o valor do diafragma obtido, DF é a distância focal, em milímetros e A é o diâmetro, em milímetros, da abertura efetiva do diafragma;
fotometria
É um dispositivo mecânico que abre e fecha, controlando o tempo de exposição do filme (ou do sensor das câmeras digitais) à luz em uma câmera fotográfica. É uma espécie de cortina que protege a câmera da luz, e quando acionado o disparador, ele se abre. Quanto mais tempo aberto, mais luz entra. Ele fica embutido no interior do corpo da câmera após o diafragma. A velocidade do obturador, é um dos fatores utilizados para alterar o resultado final de uma fotografia;

O tempo de exposição é normalmente dado no formato 1/x , em que X representa uma fracção de tempo em segundos. Os valores comuns são:
1/8000 s
1/4000 s
1/2000 s
1/1000 s
1/500 s
1/250 s
1/125 s
1/60 s
1/30 s
1/15 s
1/8 s
1/4 s
1/2 s
1 s
B (de bulb) — Que mantém o obturador aberto enquanto o botão disparador estiver pressionado.
Sensibilidade ISO é um termo utilizado para se referir à sensibilidade de superfícies fotossensíveis (sensíveis à luz) utilizadas na fotografia (filme fotográfico ou sensor de imagem);

O índice de exposição ou de sensibilidade do filme segue uma escala do padrão ISO que agrupa as escalas ASA (Estados Unidos) e DIN (Alemanha);

A norma ISO 1232:20062 disciplina a sensibilidade do sensor em relação à quantidade de luz, ao ruído do sensor e à aparência da imagem resultante como parâmetros interdependentes;

Quanto maior a granularidade, maior a sensibilidade da película fotográfica. Na eletrônica, ocorre o recíproco: quanto maior a amplitude do sinal, maior o ruído.
LENTES NORMAIS: a imagem projetada tem distorção perspectiva muito próxima da distorção perspectiva do olho humano;
LENTES GRANDE ANGULARES: são objetivas que apresentam distâncias focais menores que a diagonal da imagem projetada, tendo, portanto, um grande campo de visão, fazendo com que seja capturada uma maior área do que com a lente normal. Nas bordas da imagem apresentam uma distorção bem notável.;
LENTES TELEOBJETIVAS: estas objetivas são sistemas ópticos cujas distâncias focais são maiores que as das objetivas normais. Geralmente utilizadas para fotografar detalhes.

dirceu maués
fotografia com caixas de fósforo.
guilherme maranhão
fotografia com sensor de imagens de scaners velhos desmontados.
lentes
Full transcript