Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

MBI (Molecular Breast Imaging) - Nova aplicação na detecção precoce de câncer mamário.

Monografia de Final de Curso apresentada ao Curso de Graduação em Tecnologia em Radiologia. Graduanda: Fabiane Souza. BH/MG - Maio 2014
by

Fábio Souza

on 28 May 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of MBI (Molecular Breast Imaging) - Nova aplicação na detecção precoce de câncer mamário.

MBI - Molecular Breast Imaging
Nova aplicação na detecção precoce de
Cancêr Mamário

Fabiane de Souza Luiz

Orientador: Prof. Marcelo Mamede
Belo Horizonte - Maio 2014
ASSUNTO:
Nova aplicação para detecção precoce do câncer mamário.

Sua viabilidade e eficácia em face das tecnologias contemporâneas.
HIPÓTESE:
MBI- melhora a sensibilidade e especificidade na detecção de pequenas lesões na mama densa em relação a outros métodos diagnósticos .
OBJETIVO:
Apresentar um parâmetro geral do índice de incidência do câncer mamário no Brasil, com destaque para região sudeste, estado de Minas Gerais.
Analisar os outros métodos de detecção para mamas densas.
Realizar uma revisão bibliográfica para avaliar a utilização do MBI e correlacionar a eficiência desta técnica experimental em relação às formas de detecção atual do câncer mamário.
Apresentar parâmetros gerais desta nova tecnologia para o incentivo de estudos voltados ao diagnóstico precoce e eficaz do câncer mamário no Brasil.
METODOLOGIA:
Foram utilizados livros, artigos e periódicos, revisão dos últimos 6 anos, na plataforma Pub Med. e capes, foram gerados 19 artigos dos quais todos eram da língua inglesa.Todos consultados e utilizados de forma direta e efetiva dos quais estão referenciados. Publicações disponíveis em língua Portuguesa, das quais foram utilizadas de forma a complementar e elucidar o assunto aqui apresentado.
Desenvolvimento:
Anatomia da mama;
Localização e correlação.
Padronização da Mama
fonte: www.ted.com/talks/deborah_rhodes
O CÂNCER
DE MAMA

Cancer de mama
Fonte: maoamiga-anuncios.com.br/NEW-SITE/mulher-E.html

Ano 2030, podem-se esperar 27 milhões de casos incidentes de câncer, 17 milhões de mortes por câncer e 75 milhões de pessoas vivas,com câncer.
(Fonte: OMS)
O câncer de mama no Brasil
No Brasil, tem-se a particularidade nas dimensões territoriais muito grandes que levam a diferenças regionais, sejam nos aspectos culturais e socioeconômicos; seja na ocorrência das patologias e na distribuição dos fatores de risco associados a essas diferenças. 
Distribuição proporcional de câncer em mulheres em 2012/2013
Nota: Localização primária Neoplasia Maligna - Fonte: Dados do INCA. www.inca.gov.br/

Incidência do câncer mamário entre a região sudeste
Fonte: Dados do INCA. www.inca.gov.br/
Incidência do câncer mamário no estado de Minas Gerais
Fonte: Dados do INCA. www.inca.gov.br/

MÉTODOS DE IMAGEM
Os métodos de imagem são indicados em situações de rastreamento e diagnóstico.

Rastreamento, os exames têm como finalidade detectar precocemente o câncer de mama.

Como diagnóstico, os métodos de imagem são utilizados para confirmar ou não a suspeita de câncer a partir dos sinais detectados no exame clínico.
Mamografia analógica (convencional ou alta resolução).
A) Esquema do Equipamento
B) Mamografia Convencional

Fonte:
Figura A) www.tecnologiaradiologica.com
Figura B) http://radiologiapontocom.blogspot.com.br/search?q=mama

Mamografia digital
A) B) C) D)
A) e C) – Mamografia Analógica; B) e D) – Mamografia Digital. A ampliação da escala de tons de cinza da mamografia digital exibe melhor a presença de nódulo com densidade radiolucente localizado na junção dos quadrantes laterais da mama esquerda, em relação à imagem analógica.
Fonte: http://www.mamaimagem.com.br/areaPaciente2.asp?tipo=2&cod=25

Ultrassonografia
A)Imagem mama em destaque cisto com conteúdo espesso;
B) e C) Imagem ultrassonografia com o foco na mama direita.
Fonte: http://projetocicatrizar.blogspot.com.br/2013_07_01_archive.html#.U1A64lVdUXY

Ressonância Magnética (RM)
A) A imagem demonstra os parâmetros de aquisição utilizados em um exame padrão RM de rastreio da mama. Toda a aquisição envolve cerca de 15 minutos de varredura. B) mostra um câncer invasivo, 7 mm de tamanho, na sequencia com supressão em T2 como uma massa de sinal intermediária. C) demonstra a massa em uma sequencia pré-contraste T1; D) imagem de origem pós-contraste.
Fonte: http://www.medscape.org/viewarticle/774824

Tomossíntese
Mamografia Convencional

Tomossíntese.
Fonte: http://www.radimagem.com.br/site/html/content/noticias/Detalhe. aspx?id=50

PEM (Mamografia por Emissão de Pósitron)
PET/CT revelando concentração anômala do 18F-FDG no nódulo na mama esquerda (seta).  (A): Imagem metabólica de corpo inteiro (B): CT axial no nível do nódulo mamário (C): Fusão PET/CT axial no nível do nódulo mamário.
Fonte: http://www.rb.org.br/detalhe_artigo.asp?id=2291&idioma=Portugues

O MÉTODO MBI: (
MOLECULAR BREAST IMAGING
)
O sistema MBI, Molecular Breast Imaging, é uma nova técnica de medicina nuclear;

É um procedimento invasivo;

Utiliza o mesmo radiofármaco da cintilografia miocárdica (99mTc-sestamibi);

complementar à mamografia para mulheres com mama densa e com risco aumentado de desenvolver câncer de mama;

A técnica também é conhecida como BSGI (Breast-Specific Gamma Imaging).
MBI composto por dois detectores CZT
A fotografia mostra um MBI de duplo detector, ambos compostos por de telureto de cádmio e zinco montado em pórtico mamográfico modificado.
Fonte: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3885170/figure/F1/
SEMICONDUTORES
Semicondutores são sólidos geralmente cristalinos de condutividade elétrica intermediária entre condutores e isolantes.

Quando puros e cristalinos, a temperaturas muito baixas, excelentes isolantes, em temperatura ambiente condutores.
CZT Cadmium Zinc Telluride
CdZnTe - Telureto de cádmio e zinco, liga metálica semicondutora ;
Apropriada para detecção de raios X e o gama na faixa de energia de 10 keV até 500 keV;
Alto numero atômico (Z ~ 50);
Matriz 80x80 cm,dimensões de pixel é 2,5 mm x 2,5 mm x 5 mm;
FOV (20x16 ou 20x20 cm)
Baixa corrente de fuga e ruído térmico;
Fabricados com eletrodos metálicos (ânodo e catódo)
Densidade de 5,8 g/ cm2 .
Detector semicondutor CZT
Nota: 2,5 mm x 2,5 mm módulo de imagem CZT tem uma matriz de 80 x 80 pixels.O CZT é de 5 mm de espessura.
Referências: Pesquisa - Northridge / EUA
Comparação da imagem mamografia digital com MBI
Fonte; Cortesia do Dr. Michael O'Connor,  Mayo Clinic (Rochester, Minnesota)
Comparação Gama câmera convencional e Gama câmera com Semicondutor CZT
Sensibilidade do detector
Fonte: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3885170/figure/F2/
Diagrama esquemático e Phantom da Mama
Nota: Diagrama esquemático mostra o tamanho e localização de tumores simulados. Phantom da mama de plástico com gabarito de suporte de matriz de tumores simulados (9,8 a 1,8 mm de diâmetro).
Fonte: http://jnm.snmjournals.org/content/44/4/602. full.pdf
MBI - Equipamento em funcionamento
Nota: O MBI (Equipamento LumaGem) é um sistema de imagem da mama composto com telureto de cádmio e zinco (CZT) detectores digitais.
Fonte: https://www.auntminnie.com/index.aspx?sec=spt&sub=mbi&pag=dis&itemID=91850
VANTAGENS
Serve como estudo de triagem da população de alto risco;
Pode detectar com segurança lesões mamárias pequenas, ou seja, lesões menores de 15 mm de diâmetro;
Através dos seus semicondutores aumentam a sensibilidade e especificidade na detecção dos tumores de mama e diminuem o tempo de aquisição das imagens;
Quantifica as alterações na absorção e pode ter aplicação potencial na monitorização da resposta à terapia neoadjuvante;
Para determinar a extensão da lesão primária.
Rastreamento de mulheres com história familiar ou pessoal de câncer de mama.

Em pacientes de alto risco para neoplasia maligna de mama;
Em pacientes com anomalias mamárias indeterminadas e restantes preocupações de diagnóstico, como por exemplo, secreção mamária sanguinolenta;
Tecido mamário radiodenso, para verificar a existência de metástases nos linfonodos axilares ou para determinar os cânceres de mama multifocal.
Contraindicação à Ressonância Magnética.
Em doentes submetidos à quimioterapia pré-operatória que requerem monitoramento da resposta do tumor neoadjuvante.
Planejamento terapêutico, auxiliando na detecção de lesões adicionais.
VANTAGENS
DESVANTAGENS
A radiação da mamografia é apenas mamária enquanto a cintilografia é corpórea;
A dose de 20 mCi é baixa em comparação com doses utilizadas em muitos procedimentos de medicina nuclear, porém elevado em relação ao que é empregado em mamografia.
Resultados falso-positivos em alguns processos benignos, como necrose de gordura, que pode demonstrar o aumento da captação do 99 m Tc - mibi.
Mulheres na pré-menopausa, ou dentro de alguns dias após o pico lútea do ciclo menstrual, causam absorção irregular, mascarando a presença de um tumor.
Alto custo do CZT.
Caso clínico 01
(Hruska CB et al. 2014 Jan 08. P. 18)
Caso clínico 02
(Hruska CB et al. 2014 Jan 08. P. 19).
Caso clínico 03
(Hruska CB et al. 2014 Jan 08. P. 20)
CONCLUSÃO
De acordo com os resultados percebidos na revisão bibliográfica, e análise dos casos clínicos, é possível constatar que a adição de um segundo detector basicamente diminuiu a distância máxima entre as lesões e o detector á metade da espessura total da mama em compressão.
 
A aquisição de ambos os pontos dos detectores, forneceram informações adicionais importantes que ajudaram na leitura dos exames de imagem molecular da mama e a detecção de lesões mamárias imperceptíveis e sem acréscimo do tempo de aquisição da imagem.
Outro benefício potencial do sistema de duplo detector é a capacidade de realizar análises de lesões de forma quantitativa e a melhora da imagem usando visualizações do detector. Com a redução do tempo de aquisição das imagens haverá também uma redução na dose administrada de 99m Tc- Mibi.

A avaliação da absorção do tumor com 99m Tc-Mibi pode permitir melhor distinção entre processos benignos e malignos na mama. Além disso, a capacidade de quantificar as alterações na absorção pode ter aplicação potencial na monitorização da resposta à terapia neoadjuvante.
REFERÊNCIAS BILIOGRÁFICAS
Bontrager KL. Tratado de técnica radiológica e base anatômica. 5ª ed. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Koogan SA. 2003: 575-581.

BRASIL. Ministério da Saúde. Instituto Nacional de Câncer. Mamografia: da prática ao controle. Ministério da Saúde. Instituto Nacional de Câncer. – Rio de Janeiro: INCA, 2007: 29-35.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica.
Controle dos cânceres do colo do útero e da mama / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. – 2. ed. – Brasília : Editora do Ministério da Saúde, 2013: 83-84 e 93.

Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Coordenação geral de ações estratégicas. coordenação de prevenção e vigilância. estimativa 2010: incidência de câncer no Brasil / Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, Coordenação Geral de Ações Estratégicas, Coordenação de Prevenção e Vigilância. – Rio de Janeiro : Inca, 2009: 46-47, 70-72.

Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Coordenação geral de ações estratégicas. coordenação de prevenção e vigilância. estimativa 2012 : incidência de câncer no Brasil / Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, Coordenação Geral de Ações Estratégicas, Coordenação de Prevenção e Vigilância. – Rio de Janeiro : Inca, 2011: 54-57, 83-86.

Magalhães MG, Casicava J, Peixoto JE, Canella E, Almeida CE. Manual de Técnicas Mamográficas. Universidade do estado do rio de janeiro – UERJ. Projeto de capacitação profissional para detecção precoce do câncer de mama, por intermédio da mamografia. 2006. VIII. 60 p. Il.
Formato eletrônico
Freitas AG, Kemp C, Louveira MH, Fujiwara SM, Campos LF. Mamografia digital: perspectiva atual e aplicações futuras. [Internet] Radiologia Brasileira 2006. 39 (4): 287–296.
[acesso em 2014 mai 02] Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rb/v39n4/31265
Furquim TAC, Costa PR. Garantia de qualidade em radiologia diagnóstica - Quality assurance in diagnostic radiology. [Artigo] [Internet] Associação Brasileira de Física Médica. Revista Brasileira de Física Médica. 2009: 95 [acesso em 2014 Abr 19]
Disponível em: http://www.abfm.org.br/rbfm/publicado/RBFM_v3n1_91-9.pdf
Goldsmith SJ, Parsons W, Guiberteau MJ, Stern LH, Lanzkowsky L, Weigert J et al. SNM Practice guideline for breast scintigraphy with breast-specific gama-cameras. Copyright ª by the Society of Nuclear Medicine, Inc. Journal of nuclear medicine technology. Vol. 38.No. 4. December 2010: 219-224. [acesso em 2014 mai 02].
Disponível em: http://www.eanm.org/publications/guidelines/2010_Breast_scintigraphy_with_breast_specific_gamma_cameras_1_0.pdf
Hruska CB . Molecular Breast Imaging More Effective than Mammography at Detecting Cancer in High-Risk Women with Dense Breasts - The Breast Cancer Symposium 2008. [periódico internet] 2008. [acesso em 2013 Set 15] Disponível em: http://grisham.net/wp-content/uploads/2009/10/asco-breast-meeting-2008b.pdf
Hruska CB, Phillips SW, Whaley DH, Rhodes DJ, O’Connor MK. Molecular breast imaging: use of a dual-head dedicated gamma camera to detect small breast tumors. [Dissertação] [Internet] National Institutes of Health - Public Access Author Manuscript Expert Rev Anticancer Ther. Author manuscript; available in PMC. 2014 January 08 : 01-25. [acesso em 2013 Dez 15]
Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3885170/pdf/nihms-542086.pdf
Hruska CB, Rhodes DJ, Collins DA, Tortorelli CL, Askew JW, O’Connor MK. Evaluation of molecular breast imaging in women undergoing myocardial perfusion imaging with tc-99m sestamibi - MBI in women undergoing nuclear cardiac imaging [Dissertação] [Internet]. Journal of women’s health. Volume 21. Number 7. 2012: 730 - 737 [acesso em 2013 Dez 03]
Disponível em; ftp://80.91.178.233/ebooks/articles/Carrie%20B.%20Hruska.pdf
Hruska CB, Weinmann AL, O’Connor MK. Proof of concept for low-dose molecular breast imaging with a dual-head CZT gamma camera. Part I. Evaluation in phantoms.[Internet] Medical Physics, Vol. 39, No. 6, June 2012: [Introdução: 3466] [acesso em 2014 mai 02]
Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3376156/pdf/MPHYA6-000039-003466_1.pdf
Hruska CB, Weinmann AL, Skjerseth CMT, Wagenaar EM, Conners AL, Tortorelli CL, Maxwell RW, Rhodes DJ. O’Connor MK. Proof of concept for low-dose molecular breast imaging with a dual-head CZT gamma camera. Part II. Evaluation in phantoms.[Dissertação][Internet] Medical Physics, Vol. 39, No. 6, June 2012: 3479-3480 [acesso em 2014 mai 02]
Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3376156/pdf/MPHYA6-000039-003466_1.pdf
Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Recomendações para redução da mortalidade por câncer de mama no Brasil: balanço 2012. [Internet] Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. – Rio de Janeiro: Inca, 2012. 52 p [acesso em 2013 Nov 15] Disponível em: http://www.sbradioterapia.com.br/pdfs/mama2012.pdf
Mueller B, O’Connor MK, Blevis I, Rhodes DJ, Smith R, Collins DA, Phillips SW. Evaluation of a small cadmium zinc telluride detector for Scintimammography. [Internet] The journal of nuclear medicine. Vol. 44. No. 4. April 2003: 602-609. [acesso em 2013 Nov 19]
Disponível em: http://jnm.snmjournals.org/content/44/4/602. full.pdf+html
O’Connor MK, Phillips SW, Hruska CB, Rhodes DJ, Collins DA. Molecular breast imaging: advantages and limitations of a scintimammographic technique in patients with small breast tumors - Detection of Small Breast Tumors with MBI. [Dissertação] [Internet]. The Breast Journal. Volume 13. Number 1. 2007: 3–11 [acesso em 2013 Dez 03]
Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17214787
O'Connor M, Rhodes DJ, Hruska CB. Molecular breast imaging. [Internet] National Institutes of Health - Public Access Author Manuscript Expert Rev Anticancer Ther.Author manuscript; available in PMC 2010 June 1: 01-14. [acesso em 2014 mai 02].
Disponível em: http://www.pkdiet.com/pdf/BreastMolecular.pdf
Obrigada.
Fabiane Souza
fabianedesouzaluiz@gmail.com
“Comece fazendo o que é necessário, depois o que é possível e de repente você estará fazendo o impossível.”

São Francisco de Assis
Full transcript