Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Bioquímica celular

No description
by

vitor ramires

on 14 December 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Bioquímica celular

Substancias orgânicas e inorgânicas Bioquímica celular Substancias inorgânicas Agua e sais minerais Como a célula é um meio aquoso, não se encontram sais minerais, mas íons inorgânicos. Alguns deles são encontrados em todos os seres vivos. Os Sais Minerais São lipídios formados pela união de ácido gordo de cadeia longa (de 14 a 36 átomos de carbono) com um álcool de cadeia longa (de 16 a 30 átomos de carbono).As ceras possuem importância biológica no revestimento e proteção de superfícies dos corpos dos seres vivos. II. Cerídios 1) Tensão superficial: 2) Capilaridade: 3) Calor específico elevado: 4) Capacidade solvente: Alguns dos principais papéis da água nos seres vivos são:

1) Solvente da maioria dos solutos, o que permite a ocorrência das reações químicas (é chamada solvente universal).

2) As reações catalisadas por enzimas só ocorrem na água. Em algumas reações, a água participa também como substrato (reações de hidrólise).


3) As substâncias distribuem-se pelo interior da célula graças ao fluxo contínuo de água no seu interior (ciclose).

4) Os sistemas de transporte dos animais (sistema circulatório) e dos vegetais (vasos condutores) usam a água como meio de distribuição de substâncias.

5) Devido ao seu elevado calor específico, a abundante presença de água nos seres vivos impede grandes variações de temperatura.

6) Age como lubrificante nas articulações, nos olhos e, misturada aos alimentos, como saliva, facilita a deglutição.
• Cálcio: estrutura do esqueleto dos vertebrados, da contração muscular e da coagulação do sangue.

• Ferro: faz parte das moléculas dos citocromos, componentes da respiração celular, e da molécula da hemoglobina, pigmento transportador de O2 do sangue.

• O sódio e o potássio são os principais envolvidos na transmissão do impulso nervoso.

• Fosfato: importante componente da estrutura do ATP e dos nucleotídeos do DNA e do RNA.

• Iodo: faz parte da estrutura dos hormônios (tiroxinas) segregadas pela tiróide dos vertebrados. Os Sais Minerais – Cátions: sódio, potássio, magnésio, cálcio, ferro, manganês, cobalto, cobre, zinco.

– Ânions: cloreto, bicarbonato, fosfato, sulfato, nitrato. Hidratos de Carbono ou Glicídicos ou Carboidrato Os glicídicos são moléculas orgânicas formadas por átomos de carbono (C), hidrogênio (H) e oxigênio (O). Substancias orgânicas heterotrófico autotróficos Os glicídicos apresentam muitas funções no metabolismo dos seres vivos Desnaturação das Proteínas Classificação dos glicidios I. Monossacarídeo fórmula geral (CH2O) n ,em que "n" varia de 3 a 7
n = 3 trioses (reações dos processos metabólicos)
n = 4 tetroses
n = 5 pentoses (ribose e desoxirribose )
n = 6 hexoses (glicose, frutose e a galactose.)
n = 7 heptoses (reações dos processos metabólicos) II. Oligossacarídeos Os oligossacarídeos são moléculas orgânicas formadas pela união de 2 a 10 moléculas de monossacarídeos.
dissacarídeos mais importantes são:sacarose, maltose e lactose III. Polissacarídeos Polissacarídeos Estruturais A celulose está relacionada com a estrutura e forma das células vegetais. Nos artrópodes, o polissacarídeo quitina é um material impermeabilizante do exoesqueleto, garantindo boa adaptação à vida terrestre. Nos tecidos animais, a compactação entre as células é facilitada pela presença do polissacarídeo ácido hialurônico (cimento intercelular). A heparina também é um importante polissacarídeo que atua na circulação como anticoagulante, principalmente em regiões de grande irrigação como pulmões e fígado. Os lipídios Os lipídios são moléculas orgânicas formadas pela união de ácidos gordos e um tipo de álcool, que normalmente é o glicerol. I. Glicerídeos Classificação São lipídios formados por ácidos gordos e glicerol. As proteínas III. Fosfolipídios São lipídios formados por ácido gordo, glicerol e o grupo fosfato.Os fosfolipídios estão presentes nas estruturas da membrana celular. lV. Esteróides São lipídios formados por ácidos gordos e alcoóis de cadeia cíclica como o colesterol.Possuem importância metabólica na formação das hormônios esteróides e componentes da bílis. As proteínas são macromoléculas, isto é, moléculas grandes, constituídas por unidades chamadas aminoácidos. O que distingue uma proteína da outra é o número de aminoácidos, o tipo de aminoácidos e a sequência na qual eles estão ligados. As Reações de Síntese e Hidrólise das Proteínas As proteínas diferem entre si pelo número, tipo e sequência dos aminoácidos em suas estruturas. 1) Reação de síntese
2) Reação de hidrólise (digestão) com ação de uma protease As Funções das Proteínas As proteínas desempenham quatro funções importantes para os seres vivos. Entre estas funções podemos citar a função estrutural ou plástica, hormonal, anticorpos (imunização) e enzimática. Ácido Ribonucléico (RNA) Nucleotídeos s s s Ácidos Nucléicos Ácido Desoxirribonucleico (DNA) A ação do DNA, como controlador celular, conta com o RNA, molécula capaz de transcrever e de traduzir as informações genéticas, sintetizando, a partir delas, as enzimas que irão catalisar as reações químicas da célula. 1) RNA mensageiro (RNAm) A função do RNAt é transportar aminoácidos presentes no citoplasma da célula e fazer a ligação dos aminoácidos com o RNAm na síntese de proteínas. 2) RNA de transferência ou transportador (RNAt): 3) RNA ribossómico (RNAr): Embora não totalmente clara, a função do RNAr parece ser orientar o RNAm, os RNAt e os aminoácidos durante o processo de síntese de proteínas. F I M
Full transcript