Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Da Segurança à Soberania Alimentar

No description
by

Jéssica Bortoletto

on 18 October 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Da Segurança à Soberania Alimentar

Da Segurança à Soberania Alimentar
Introdução
• Vulnerabilidade do sistema agroalimentar;

• Segurança alimentar;

• Soberania alimentar;

O Campo de Debate Agroalimentar
Sentidos e Controvérsias em Torno da Segurança Alimentar
A Construção da Noção de Soberania Alimentar
Estratégias da Agricultura Familiar e a Soberania Alimentar
• Estímulo de Políticas Públicas;

• Questão Cultural;

• Organização Diferenciada;
Miguel Altieri
Riscos e Ameaças profundas contra a segurança alimentar;

Marc Dufumier
• Defesa de uma profissão:


Jacques Capdevielle
Conclusão
• Segurança alimentar ineficiente em proporcionar melhoras, no combate a fome e prover alimentação adequada;

• Soberania alimentar ganha força, impulsionada por insatisfação em relação a segurança alimentar, e por ter referências fortes impulsionam tais ideias.
Muito Obrigado!
Emily Martini
Felipe Cardoso
Jéssica Bortoletto
Julio Nunes
Mariana Baptistini
• Disseminanação da noção de Segurança Alimentar - Pós-Guerra;

• Contexto das políticas de bem-estar social:
"Assegurar uma oferta abundante e com preços reduzidos de produtos alimentares europeus".
Ponto Central:
Europa
Brasil
Plano Internacional
• Busca pela modernização agrícola;
• Políticas de segurança alimentar atingidas nesse contexto.
• A busca por segurança alimentar passa a ter repercussão quando PNSA é proposta;
Ideias:
• Democratização e acesso à cidadania;
• Equidade no acesso de alimentos.
• Isso faz com que a visão de soberania alimentar torne-se abrangente no país.
• 1996 - Cúpula Mundial da alimentação em Roma;
• Via Campesiana não assina o documento final, pois:
Contrária ao produtivismo , pois acredita que o acesso ao alimento em quantidade e qualidade não se resume à oferta abundante de alimentos baratos.
Mudanças nos hábitos alimentares dos brasileiros
Urbanização/ industrialização
Desenvolvimento das indústrias alimentares.
Alimentação caracterizada pelo estilo de vida moderno, marcada pela escassez de tempo para preparo e consumo de alimentos,
Fast Food x Slow Food

Efeitos na Saúde
Obesidade no Brasil
Slow Food
• Carlo Petrini:
Prazeres da mesa se multiplicam com o conhecimento que os alimentos podem nos proporcionar;

• Ecogastronomia;

• Bom, Limpo e Justo;

• Sustentável.
Insegurança Alimentar
Superpopulação: incapacidade de inserção no mercado e mudanças climáticas

Alimentos x Biocombustíveis







Redução do Desperdício


• Solução:

Paradigma alternativo de desenvolvimento agrícola, redesenhado a partir de sistemas alimentares mais equitativos e viáveis para agricultores e consumidores.
• Favorecimento da preservação de hábitos alimentares locais
• A proteção tarifária da agricultura, como direito essencial dos países, principalmente os mais pobres;
Slow Food: uma nova proposta de alimentação!
É definido como a " forma de garantir a todos condições de acesso a alimentos básicos de qualidade, em quantidade suficiente, de modo permanente e sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais, com base em práticas alimentares saudáveis, contribuindo, assim, para uma existência digna, em um contexto de desenvolvimento integral da pessoa humana”.
Conceito
Segundo a FAO.
• Implantação de políticas com vistas à segurança alimentar;
• Inauguração do Conselho Nacional de Segurança Alimentar;
• Portanto, a proposta de segurança alimentar no país estimulou uma forte mobilização e democratização da sociedade, priorizando o acesso à uma alimentação adequada.
• Visão de que a agricultura possui múltiplas vocações;
• Forja-se a ideia de soberania alimentar.
Forma clara e imediata de agir -> Resistência à desregulamentação do sistema econômico e social.
Causas:
Sedentarismo
Dieta nutricional pobre

No Brasil, em 2011, 48,5% da população estava acima do peso, representando 94 milhões de pessoas.

Segundo um estudo da Universidade de Brasília, o SUS paga R$488 milhões por ano para tratar doenças ligadas ao aumento do peso.
Desequilíbrios
1/3 das crianças do Brasil estão acima do peso;
4 a cada 5 crianças obesas, tornam-se adultos obesos;
56% dos bebês tomam refrigerante frequentemente antes do primeiro ano de vida
Obesidade Infantil
Full transcript