Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

A crítica social por meio do humor

No description
by

laurie borges

on 19 November 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of A crítica social por meio do humor

O GRUPO

O presente trabalho pretende estudar como o canal Porta dos Fundos, do
Youtube
, constrói uma crítica social aos temas de grande repercussão na sociedade por meio do humor. A pesquisa é dividida em quatro capítulos, nos quais são apresentados estudos sobre o humor e sobre a construção da crítica social em um cenário de convergência midiática, bem como uma análise do discurso do canal e da audiência.
A pesquisa visa analisar como o Porta dos Fundos consegue, por meio da ambivalência do humor, atrair um grande público, produzindo um conteúdo que é crítica e entretenimento, simultaneamente. Além disso, pretende-se entender como se dá o diálogo entre o canal e o público. É preciso ressaltar que o foco do trabalho são os vídeos que realizam uma crítica social.



Palavras-chave: Porta dos Fundos. Hibridismo. Humor. Crítica social. Cultura de Convergência. Entretenimento. Midiatização.
Resumo
4.1 Como o Porta dos Fundos se configura em relação ao discurso?
4.1.1 Informação, humor, entretenimento e crítica
4.2 Análise de recepção da crítica social


Proposta: Pensar os vídeos como texto; indagar o modo como as pessoas percebem o humor e a crítica social nos vídeos do Porta dos Fundos; verificar se elas dialogam com o canal; de que maneira esse diálogo acontece.

Capítulo IV Análise final
Roteiristas do Porta dos Fundos


Nesse capítulo, fizemos o reconhecimento do objeto empírico. Mapeamos todos os vídeos do canal, analisamos suas formas discursivas, evidenciamos a multiplicidade de seus autores, os pontos de convergência entre eles e como essas questões influenciam a produção dos vídeos.
Por fim, levantamos as questões que norteiam a pesquisa bibliográfica.
Capítulo I
Porta dos Fundos: hibridismo, independência, autoria e gênero
PORTA DOS FUNDOS: O USO DO HUMOR COMO ESTRATÉGIA DISCURSIVA PARA CRÍTICA SOCIAL NA WEB
2. Introdução que explica o uso do humor como estratégia de comunicação
2.1 Humor como crítica
2.2 Humor como entretenimento
- Estudamos as diversas formas de humor exploradas, estrategicamente, pelo Porta dos Fundos para a realização da crítica e atração do maior número de visualizações possíveis. Enfatizamos a ambivalência do humor, que pode se tornar ambíguo, dependendo da audiência.
- Principais autores trabalhados: Gilles Lipovetsky, Marcio Acselrad, Beth Brait, Oswald Ducrot, Verena Alberti, Henri Bergson e Lélia Duarte.

Capítulo II
Poder do riso: crítica e entretenimento
Capítulo III
Crítica social em um cenário de convergência midiática
Equipe Porta dos Fundos
3.1 Cultura de convergência
3.2 Construção do canal em uma lógica de midiatização
3.3 Construção da crítica social, através do humor, no cenário de convergência midiática
- Proposta: Analisar a interatividade dos espectadores e os processos de produção de sentido pelos mesmos; questionar o conceito de agente ativo e passivo; verificar se o humor no cenário de convergência se torna ambíguo; como esses fatores interferem na construção da audiência.
- Principais autores: Fausto Neto, Muniz Sodré, Raquel Recuero, André Lemos, Jenkins e Vera França.

Combinar a análise do discurso dos vídeos com a análise de conversação.

Analisar os comentários dos vídeos no Youtube.

Estudo de recepção baseado na netnografia (categoria que analisa a interação e a conversação).

Escolha dos vídeos de crítica a serem analisados por meio de critérios qualitativos.



Metodologia
Carolina Moura
Clarissa França
Laurie Andrade
Letícia Carvalho
Luísa Borges
Maria Isabela Fernandes
Rafaela Mansur
Orientadora: Vanessa Brandão Supervisor: Márcio Serelle

Análise do vídeo Pobre
Tópicos Apresentação - Análise do Discurso Pobre
· Beth Brait: Ironia como um meio de desvendamento dos aspectos de uma dada cultura, em uma sociedade.

Humor possui uma natureza de deslindamento de valores sociais, culturais, e de qualquer outra espécie. Ele dessacraliza tudo aquilo que é tido como majoritário.



· O vídeo faz crítica sociocultural à imagem preconceituosa que a classe média brasileira têm da forma com que classes mais baixas vivem.

Características do Vídeo
· Safári na favela.

· Texto nonsense fazendo assim com que, por ser absurda, a situação gere o humor em cada cena.

· Sentimento de hierarquia entre classe média alta e a classe média baixa, representantes da atual situação socioeconômica brasileira. / “Nova Classe Média”

· Comportamentos criticados no vídeo como sendo “de pobre”, são reproduzidos pela classe média tradiconal

· Câmera voyeur



Característica das Vozes presentes
· Passividade do turista.

· Ar de superioridade do guia.
· Passividade do pobre.
Full transcript