Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

EFEITO DAS PLANTAS CIANOGÊNICAS EM ANIMAIS DOMÉSTICOS - UFRPE

SEMINÁRIO APRESENTADO JUNTO A DISCIPLINA INTITULADA DE "AGROSTOLOGIA", DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA, DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO - UFRPE, MINISTRADA PELO DOCENTE MÁRCIO VIEIRA CUNHA, VINCULADO AO DEPARTAMENTO DE ZOOTECNIA.
by

Júlio Cesar

on 30 August 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of EFEITO DAS PLANTAS CIANOGÊNICAS EM ANIMAIS DOMÉSTICOS - UFRPE

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO
DEPARTAMENTO DE ZOOTECNIA
AGROSTOLOGIA
CURSO DE BACHARELADO EM MEDICINA VETERINÁRIA
EFEITOS DAS PLANTAS FORRAGEIRAS CIANOGÊNICAS
NOS ANIMAIS DOMÉSTICOS
ANA CAROLINA CAMPOS, ANDRÉ FELIPE TORRES, JÚLIO CESAR PEREIRA, OTÁVIO NASCIMENTO.
RECIFE
2013
fonte:
http://fatosefotosdacaatinga.blogspot.com.br/2013/04/as-plantas-da-caatinga-e-seca-no-sertao.html
PLANTAS CIANOGÊNICAS
Princípio ativo:
HCN
- Ácido Cianídrico
glicosídeos cianogênicos
"Manihot spp."
Fonte: http://2.bp.blogspot.com/_tRWjcDi_XbI/SYN894IxVCI/AAAAAAAAFs0/BOn9aIw_hXw/s400/cassava.jpg
ÁCIDO CIANÍDRICO
Cianeto de hidrogênio
Ácido prússico - Scrader (1802 - Prusia)
Formonitrilo
Gás cianídrico
Plantas cianogênicas;
Fungos cianogênicos;
Bactérias cianogênicas;
Rodenticidas;
Manufaturados de plásticos.
Líquido incolor
Volátil
Alta toxicidade
PRINCIPAIS GÊNEROS DE PLANTAS FORRAGEIRAS CIANOGÊNICAS NO BRASIL
"Manihot"

"Sorghum"

"Cynodon"

"Manihot esculenta (Crantz)"
"Sorghum sudanense"
"Cynodon dactylon (tifton 68)"
CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS GLICOSÍDEOS CIANOGÊNICOS
METABOLISMO SECUNDÁRIO VEGETAL
GLICOSÍDEOS (OU HETEROSÍDEOS) INATIVOS
Ação enzimática
Glicosídeos ativados
Monossacarídeo
Aglicona (hidroxinitrila)
HIDRÓLISE
HCN
ACETONA
Glicosídeos cianogênicos
ENZIMAS
A CONCENTRAÇÃO DE GLICOSÍDEOS CIANOGÊNICOS É VARIÁVEL
ADUBAÇÃO RICA EM NITROGÊNIO AUXILIA AO AUMENTO DA CONCENTRAÇÃO
FATORES GENÉTICOS, SAZONAIS, NUTRICIONAIS, AMBIENTAIS ETC.
INTOXICAÇÃO AGUDA PELO SORGO ("Sorghum sp.") EM CAPRINO
MELO, H.P.C.
ARAÚJO, S.A.C.
SOTO-BLANCO, B.
2005
MATERIAL E MÉTODO
UMA CABRA ADULTA, SPRD.;
HV DA ESAM - MOSSORÓ/RN;
ANIMAL ENCONTRADO MORTO NO PASTO PELO TUTOR;
INFORMAÇÕES EPIDEMIOLÓGICAS E SINTOMATOLÓGICAS CONFORME CITADO PELO TUTOR E VISITAS À PROPRIEDADE
NECRÓPSIA (LAB. PATOLOGIA)
RESULTADOS E DISCUSSÕES
Cabra morta, encontrada em decúbito lateral;
Relato de outros 12 caprinos mortos da mesma forma;
Não foram observados sinais clínicos;
Quadro clínico classificado como morte súbita;
Achados necroscópicos.
Achados necroscópicos
Hidropericárdio;
Hemorragia petequial na traquéia;
Congestão renal e pulmonar;
Odor de cianeto no rúmem;
Folha de sorgo quase que intacta no rúmem
Intoxicação por ácido cianídrico (HCN)
Dose tóxica de HCN é de 2 a 4 mg de HCN por kg/pv por hora
(TOKARNIA et al., 2000)
SINAIS DE INTOXICAÇÃO POR ÁCIDO CINANÍDRICO
Dispinéia;
Taquicardia;
Mucosas cianóticas;
Sialorréia;
Tremores musculares intensos;
Nistagmo;
Opistóno;
Decúbito lateral.
Nos achados necroscópicos, não são comumente observados lesões características.
Destaca-se:
Cor vermelho-brilhante do sangue;
A musculatura apresenta-se escurecida;
Congestão pulmonar, renal e hepática.
Os exames histológicos não revelam alterações
significativas
.
TRATAMENTO FARMACOLÓGICO
Solução aquosa de
tiossulfato de sódio a 20%
na dosagem de de 0,5mL/kg/PV por via endovenosa a qual funciona como antídoto (BURROWS 1981).

Abolido
o uso de
nitrito
de sódio + tiossulfato de sódio (RIET-CORREA Et Al. 1993)

ACHADOS DE NECRÓPSIA
Hidropericárdio;

Hemorragia petequial na traquéia;

Congestão renal e pulmonar;

Odor de cianeto no rúmem;

Folha de sorgo quase que intacta no rúmen.
PROFILAXIA
Composição botânica
Manejo vegetal e animal
Detoxificação
CONCLUSÃO
Primeiro caso de intoxicação fatal por sorgo em cabra;

Espécie caprina também é sensível a intoxicação cianídrica promovida pelo sorgo;

Medidas preventivas;

Significantes prejuízos econômicos.
INTOXICAÇÃO POR "Cnidoscolus phyllacanthus" (Euphorbiaceae) EM CAPRINOS
OLIVEIRA, D. Et al, 2008
Forte associação com metáis.

Fe (Fe3+)
enzima citocromo oxidase mitocondrial
Ação do citocromo a-a3
(
C.T.E.
)
Uso de O2 pela célula
CIANETO
+
METABOLISMO ANAERÓBIO
PIRUVATO
Ác. Lático
[OXIHEMOGLOBINA]
HIPÓXIA
HISTIOTÓXICA
INTOXICAÇÕES
AGUDAS
CRÔNICAS
NERVOSA
BOCIOGÊNICA
HISTÓRICO DA PLANTA
Arbórea, xerófila, lactiscente, com pêlos urtigantes;
Nativa;
Planta com espinhos
valor forrageiro das folhas e ramos novos
Período chuvoso
folhas verdes e frutos
Período de final de chuvas
folhas maduras
Seca
brotos e cascas
Farelo para bovinos, ovinos e caprinos dos caules novos, folhas e ramos.
Caça de animais.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
Importância econômica das plantas forrageiras tóxicas
Conhecimento as plantas tóxicas da região e problemas ocasionados por elas;
Sinais clínicos;
Diagnósticos diferenciados;
Profilaxia
REFERÊNCIAS
RIET-CORREA, F., MÉNDEZ, M. del C., SHILD, A.L.
INTOXICAÇÕES POR PLANTAS E MICOTOXICOSES EM ANIMAIS DOMÉSTICOS
. EDITORIA AGROPECUÁRIA HEMISFERIO SUL S.R.L., URUGUAY, 1993, 340 P.
GFELLER, R., MESSONIER, S.
MANUAL DE TOXICOLOGIA E ENVENENAMENTOS EM PEQUENOS ANIMAIS
. ED. ROCA, SÃO PAULO/SP, 2006, 376.
MELO, H.P.C., ARAÚJO, S.A.C, SOTO-BLANCO, B.
INTOXICAÇÃO AGUDA PELO SORGO (Sorghum SP) EM CAPRINO
. Rev. CAATINGA, Mossoró, 2005. p. 279-287.
Obrigado!
MATERIAL E METODOS
Reprodução experimental da intoxicação
A planta foi administrada a 23 caprinos da raça Moxotó, pesando de 7,3 a 28 kg e com idade de 7 meses a 2 anos. Os experimentos foram realizados no Hospital Veterinário (HV) do CSTR/UFCG, Campus de Patos, PB, no período de julho de 2006 a julho de 2007.
Determinação de glicosídeos cianogênicos em Cnidoscolus phyllacanthus com espinhos
Para determinar a presença de glicosídeos cianogênicos em C. phyllacanthus com espinhos foi utilizado o teste do papel picrosódico.
RESULTADOS
Pelos históricos mencionados na introdução, a planta,
em condições naturais, somente causa intoxicação quando os animais ingerem folhas de galhos ou árvores que foram cortados e ficaram ao alcance dos animais.
Potencial cianogênico após processos de destoxificação
Intoxicação em aves
Diagnósticos diferencias (Ex: "Manihot spp.")

DISCUSSÕES
Full transcript