Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Conceito Saúde-Doença

No description
by

Fabiano Soares

on 11 August 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Conceito Saúde-Doença

Conceito Saúde-Doença
Sociedades Primitivas e Civilizações antigas
Idade Média
Época do Regime Feudal
Sociedade Industrial
Era Capitalista
Organização Mundial de Saúde
Em 1978 a OMS define saúde como como “
um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade
”.
Visão Holística e Multidimencional
O modelo
tecnicista
regride o que se expressa no
agravamento
das condições de vida e problemas de saúde da população e na
incapacidade
da ciência, das instituições e da sociedade de responderem de forma eficiente.
Introdução
O termo Saúde, deriva do latim
salus
que significa
salvação
, conservação da vida, cura, bem estar.
Prof. Fabiano Soares
DSC-UFRN/UNI-RN

Dos Gregos a concepção aproxima-se da
higiene
ligada à deusa
Hygea
, abrangendo: o comer, o beber e os hábitos sexuais, morais e religiosos (VILAR, 2010).
É um processo inerente a vida e se manifesta
individualmente
ou
coletivamente
nas populações, famílias, ou grupos sociais mais ou menos homogêneos.
O processo saúde-doença tem tido diversos significados conforme a época.
Depende do
entendimento
que se tem do organismo vivo e de sua
relação
com o meio ambiente.
Já que esta compreensão muda de uma cultura para outra e de um momento histórico para outro, as noções de saúde e de doença também mudam.
Era Paleolítica
Era Cristã
A saúde ou a doença eram explicadas através de uma visão
mística
do mundo natural.
Atribuíam-se aos
demônios
ou
espíritos
malignos as causas das doenças e morte.
Relacionavam o surgimento de
doenças
e à função
curativa
de plantas e recursos naturais a esse mesmo caráter
religioso
.
Na medicina
chinesa
e
hindu
, atribuía-se às causas externas o desequilíbrio entre os princípios
yin
e
yang
, o que levaria a um desequilíbrio dos elementos naturais e ao surgimento da doença.
Na Grécia, causas naturais serviam para explicar os fenômenos que davam à saúde o significado de harmonia entre os quatro elementos que compõem o corpo humano:
água
,
terra
,
ar
e
fogo
.
Longo período que vai do século
VI
ao
XIX
, pode ser considerada como “
Era das Trevas
”, principalmente do ponto de vista da saúde.
Época assolada por
pestilências
, onde os princípios hipocráticos, embora mantidos na concepção teórica, não conseguem alcançar a prática clínica.
A população à mercê de seus problemas, dores e morte, ainda sob a
influência
da concepção
teológica
e
mística
.
Os conhecimentos de
farmacologia
e
cirurgia
, inerentes à medicina árabe e judaica, estavam fora do alcance da cristandade européia.
Contudo as epidemias na Europa (peste, malária e sífilis), fazem retornar as preocupações com a causalidade das doenças infecciosas, deixando clara a noção de
contágio
entre as pessoas.
Começa a surgir uma explicação
social
das causas das doenças, relacionando-as com as
condições de vida
e de trabalho das populações.
Ressalta-se a influência da
pobreza
,
ocupação
,
nutrição
,
habitação
e das
condições sociais
e
econômicas
sobre a saúde e a doença.
Redes de conexões
multicausais
, suplantando a idéia de
unicausalidade
, impulsionando importantes avanços, principalmente no que se refere à explicação das doenças infecciosas e dos fatores de risco.
Ambiente
Hospedeiro Suceptível
Doença
Agente
Em 1986 na
VIII Conferência Nacional de Saúde
, realizada no Brasil o conceito de saúde adquire sua versão mais ampla: “
a saúde é a resultante das condições de alimentação, habitação, educação, renda, meio ambiente, trabalho, lazer, liberdade, acesso a posse da terra e acesso a serviços de saúde
”.
Na rede
multicausal
da determinação do processo saúde-doença,o
agente
é considerado o principal personagem desencadeador, e alvo da atenção especializada.
O modelo
clínico
curativo dominante e a visão biologicista e tecnicista da saúde e da vida permeiam nossas ações até a contemporaneidade.
Rosana Vilar (2010) ressalta a visão
holística
que tem a saúde como “
O estado de harmonia da força, da energia vital que circula em todos os órgãos, em todos os tecidos, tendo a capacidade de regular, por seu fluxo harmonioso, os eventuais desequilíbrios do ser humano, considerado por essas vertentes como um todo bio-psico–social-espiritual
”.
A evolução dos conceitos do processo saúde doença, acompanham a própria evolução da humanidade.
finalmente...
E a compreensão que é dada à saúde e doença tem influências significativas na prática profissional e na produção de conhecimentos da área.
VERANÓPOLIS - RS
O foco agora é pensar da
Determinação Social
do processo Saúde-Doença.
Full transcript