Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Perfil do Profissional de Educação Física

Excercise Science Final Project
by

Fabiano Soares

on 6 October 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Perfil do Profissional de Educação Física

Perfil do Profissional
de Educação Física Dominar técnicas de atendimento ao cliente;
Dominar os conhecimentos técnicos de sua área de atuação;
Saber trabalhar em equipe;
Falar e ler em inglês;
Dominar a informática e usá-la de forma produtiva; Estar atualizado com as novidades do mercado do fitness;
Além do conhecimento técnico e de atualização constante, precisa ter CULTURA GERAL;
Ter iniciativa, criatividade e trazer mais soluções do que problemas;
Criar novas áreas de atuação e projetos; PRECISA GOSTAR DE GENTE Encontrar seu espaço na equipe;
Ter ambições de crescer e de aprender;
Visitar outras academias e manter contato com outros profissionais da área da saúde;
Não dar aula de... e sim trabalhar na... (ginástica, musculação, atc.) Praticar atividades físicas regularmente;
Trabalhar em várias atividades na academia;
Fazer a diferença e criar vínculos;
Ser comprometido e dedicado ao seu trabalho;
Apresentar um grau elevado de inteligência emocional: ter comportamento adequado em situações de estresse, pressão ou liberdade; Ter uma boa composição corporal;
Ser lider e possuir uma energia pessoal elevada: CARISMA;
Ser bem relacionado pessoal e profissionalmente;
Administrar bem seu tempo, dinheiro, negócios, vida profissional e vida pessoal;
Comunicar-se bem de forma oral e e escrita; Ter noções de hierarqia e respeito aos superiores;
"Quebrar" as hierarquias burocráticas tradicionais apresentando novas ideias e soluções;
Participar dos eventos internos e externos, confraternizando com os clientes de colegas de trabalho; Qualquer cliente independente da idade ou condicionamento físico pode e deve fazer musculação. Na dúvida, consulte a coordenação. O mais importante no treinamento da musculação é a alta intensidade/sobrecarga a ser usada;

Mais do que as séries, repetições e frequência semanal, enfatizar já no primeiro treino a execução de repetições máximas e aumentá-las assim que puder. Ensine-o como mudar as cargas no programa;

Não esqueça de colocar a trava de segurança dos agachamentos no Smith e não deixe ninguém fazer exercícios de supino com a barra longa sem a assistência de um professor ou aluno experiente; Recomendações práticas para o atendimento na musculação Ao prescrever os exercícios recomende os aparelhos menos usados. Estimule os pesos livres.

Recomende ginástica localizada sempre que possível, além das outras atividades coletivas. Melhora a retenção.

Quando a sua academia comprar aparelhos, teste--os antes para evitar surpresas desagradáveis
Estilo de vida Para iniciantes, prescreva um programa pequeno, simples de fazer e máximo de 10 exercícios. Utilize grandes massas musculares e sempre com alta intensidade. Utilize poucas séries.
Pense primeiro na aderência aos exercícios do que em resultados. EM ALTA TEMPORADA... Colocar os dados mais importantes no software ou na ficha de musculação. Etratégias de confecção do programa de exercícios Análise da avaliação funcional: Ler os dados da avaliação funcional e revisar os pontos mais importantes com o cliente. Antes de prescrever exercícios deve-se conhecer os valores iniciais para os seguintes componentes do fitness: Avaliação Flexibilidade Força e Resistência Muscular Composição Corporal Condição Cardiovascular Muscular Strength Perguntas complementares: a) Aparelhos que não gosta e que mais gosta

b) Disponibilidade de tempo para a musculação

c) Preferências por pesos livres ou máquinas

d) Já fez musculação e caso sim em que academia Confecção do Programa Confecção do programa:
Enfatizar a importância da avaliação funcional e da marcação de uma reavaliação.
Somente dividir o programa caso o cliente faça musculação pelo menos 4 vezes por semana.
Preencher o máximo de informações possíveis na ficha/computador.
Explicar ao cliente o que é cada dado do programa: Séries, repetições, aumento de sobrecarga, alongamentos, etc.
Não esqueça de divulgar os diferenciais da nossa sala e do software de musculação. Prescrição prática dos exercícios: Falar um pouco sobre cada aparelho aeróbio com a sua duração ideal e intensidade - F.C. e escala de Borg.
Explicar o funcionamento dos aparelhos que o cliente utilizar.
Colocar as regulagens e sobrecargas de cada aparelho. Comece de cima para baixo a colocar no programa.
Comente sobre os grupos musculares trabalhados, respiração e postura ideais. Faça o mesmo nos aeróbios e alongamento. Enfatize o treinamento de alta intensidade.
Evite ficar um tempo prolongado com o mesmo cliente.
Não esqueça de orientar sobre as normas da academia: dividir aparelhos, secar o suor, guardar no devido lugar o material utilizado, etc.
Deixar claro que qualquer exercício que o cliente não gostar poderá ser modificado sem nenhum problema.
Ao final do treinamento perguntar se há dúvidas. Reveja oralmente todos os exercícios e não esqueça de explicar as variáveis do treinamento.
Marque uma reavaliação do programa com você, após 15 a 30 dias e fixe estas datas no software ou na ficha de musculação.
Marque pelo menos dois agendamentos e até três para a confecção e prescrição do treinamento. Atendimento na Ergometria PRIMEIRO ATENDIMENTO: Se apresentar ao cliente, explicando o resultado obtido na avaliação
Explicar o funcionamento do aparelho a ser utilizado (programas, controles de velocidade, inclinação, botões de pausa, mensuração de FC)
Explicar as fases do exercício (aquecimento, estímulo e volta à calma) e procedimento de segurança
Indicar os possíveis sinais de desconforto que o cliente vai sentir e o controle da FC pelos professores da musculação
Use ao máximo os recursos dos equipamentos
DICAS Procure mostrar para o cliente que ele pode ter melhoras de 10 a 30% no VO2 nas 4 primeiras semanas de treino regular;
O exercício não precisa ser contínuo, você pode separá-lo em sessões de no mínimo 10 minutos durante o dia;
Educar o cliente para não utilizar a FC como único parâmetro de intensidade do exercício; associar sempre com a EPE (Borg).
Recomenda-se um gasto energético de 150 a 400 kcal por sessão de exercício para melhorias na saúde e estética.
Para indivíduos obesos o mínimo recomendável é 300kcal caso ele tenha condições.
Procure mostrar com números os progressos obtidos pelo cliente e comemore esses Resultados.
Por exemplo: se umcliente possui um VO2 de 30 ml/kg/min e está começando a treinar, ele pode ter um progresso até 33 a 39 ml/kg/min (10 a 30%);
Designing Aerobic Programs Procurar ser gentil, diga bom-dia, boa-tarde, boa-noite;
Analise o calçado que o cliente está usando e se ele é adequado;
Pergunte a quanto tempo o cliente está realizando a atividade e quanto tempo irá fazer, como os seus objetivos;
Verifique a intensidade do exercício perguntando por sinais de desconforto (Sua respiração está muito ofegante? As suas pernas estão muito cansadas?) e dê recomendações sobre hidratação, intensidade e duração de exercício de acordo com os objetivos do cliente;
Verifique a FC do cliente e associe o valor a EPE. Utilize sempre que possivel a medição do próprio aparelho;
Ofereça uma revista para os clientes nas bicicletas e transports, e pergunte se ele quer mudar algum canal da televisão.
Atendimento na Musculação Importante... Importante: Em qualquer aparelho que colocar o cliente oriente a postura e mecânica ideais mesmo que ás vezes você não ache necessário. Muitos reclamam desta falta de orientação. Fale do que para você é básico mas desconhecido para o cliente: Melhor local para segurar, frequência da passada ou pedalada por minuto, movimentação ideal de membros inferiores e etc. Recomendações na Sala de Musculação Hoje em dia o cliente não reclama tanto do nosso atendimento na musculação e sim da nossa supervisão e correção dos exercícios. Então a nossa recomendação é que você corrija/oriente cada cliente pelo menos uma vez.

Utilize pelo menos duas recomendações /dicas de correção. Utilize também essas padronizações ao colocar o cliente pela 1a vez nos aparelhos. Não se esqueça de citar os músculos envolvidos.

Importante : Coloque também no programa de exercícios as regulagens personalizadas. Estas devem ser feitas na ordem de cima para baixo.
Atendimento de Rotina Cheque se o cliente não está com nenhuma dor ou lesão. Caso esteja, oriente, toque e faça testes musculares.
Veja se está fazendo aquecimento antes dos exercícios. Caso não, mostre a importância do mesmo para a prevenção de lesões e melhor rendimento nos exercícios. Comente que na 1ª série de cada exercício é interessante diminuir a intensidade para prevenção de lesões.
Dê dicas sobre variações nos exercícios tipo unilateral / alternados e com programas variados.
Nos abdominais sugira outros: na prancha, com halter, caneleira, etc. Nos pulleys sugira pegadas variadas. Nunca deixe o cliente ir embora sem alongar. Oriente-o e toque-o, é uma ótima hora para você passar as informações;
Nos aeróbios você tem uma riqueza de informações e atendimento. Crie-os. Não se limite a ver a frequência cardíaca;
Elogie: esta é outra arma poderosa de abordagem.Você emagreceu! Está mais forte! Que tenis bonito! Ou seja, invente um jeito de falar algo de bom e que aumente a auto- estima da pessoa;
Cheque a validade do programa de treinamento, e, se estiver com mais de 3 meses oriente a confecção de um novo por você. Mostre-lhe as vantagens: Melhores resultados,mais motivação,etc.;
A avaliação funcional é de grande valia no treinamento. Cheque se a mesma está em dia. Caso não, convença a fazer uma reavaliação;
Somente cuidado para falar a mesma língua e trabalharmos em equipe. Perguntas? Criar vínculos emocionais positivos entre clientes e exercício. Prescrever exercícios conjugados e/ou com grandes grupos musculares sempre que possível e especialmente para iniciantes/sedentários/obesos.

Orientar os clientes a dividirem/revezarem os aparelhos e limparem os mesmos após o uso. Recomendar toalha.

Ao lanchar, procure um horário vazio e que não tenha muitas coisas a fazer

Sempre que possível, procure treinar na academia que trabalha. Assim você conhece bem a aparelhagem e tem um maior contato com os clientes da academia.

Utilize sempre os dados da avaliação funcional e valorize-a. Estimule a reavaliação
Em meses cheios, tipo agosto, setembro, março, etc., o seu trabalho aumenta. A sua movimentação em sala precisa ser mais rápida, dinâmica e com mais criatividade para atender a todos. Idéias:
1. Prescrever o treinamento (escrever ou digitar) enquanto o cliente aquece.
2. Passar programas a 2 clientes ao mesmo tempo.
3. Prescrever o treinamento após o trabalho em sala.
4. Ao alongar, diminuir o tempo e dar ênfase aos grupamentos musculares mais encurtados.
5. Orientação mais rápida da frequência cardíaca e/ou para os que mais precisarem.
6. Dar descansos de 3 a 5 minutos ao passar programas a iniciantes. Passar direto 3 séries com 1 a 2 minutos de intervalo pode em alguns casos ser uma boa estratégia, e se necessário, diminuir o número de exercícios. Não se esquecer de devolver o relatório da avaliação imediatamente
Fazer o possível para engajar o cliente nas aulas coletivas, em especial a ginástica localizada ou as que estejam mais vazias ou as que o cliente mais goste ou precise.
Explique a importância do treinamento de flexibilidade com a duração parecida com a dos outros treinamentos.
Não esquecer de esclarecer que em certos dias mais tumultuados não podemos alongar de forma personalizada.
Não esqueça de orientar as normas da academia. Indivíduos com doenças cardiovasculares conseguem ter melhorias na aptidão cardiorrespiratória com intensidades menores de exercício(40 a 70% VO2RES.)
Quando um cliente perguntar sobre perda de adaptações procure evitar tal termo. As adaptações ao treinamento são revertidas. Desta maneira, um cliente que parou de se exercitar por 3 meses irá recuperar sua forma física muito mais rápido do que um cliente não treinado;
Os valores de VO2 retornam aos níveis pré-treinamento após 1 a 3 meses de inatividade física;
A realização de uma sessão de exercícios semanal é capaz de manter as adaptações cardiorrespiratórias;
O mais importante quando um cliente pretende manter as suas adaptações é a intensidade. Assim, se um cliente que corre 40 minutos, 4 x por semana a 75% FC, é melhor ele fazer 15-20 minutos com a mesma intensidade para manter as suas adaptações.
Treinos longos e intensos, várias vezes por semana, melhoram a performance mas diminuem a aderência ao treinamento. Use a arte da prescrição.
1. Explicar o Exercício: Nome e Músculos
2. Pré-Regular o aparelho
3. Colocar o cliente no aparelho e checar se as regulagens estão adequadas.
4. Explicar o movimento e fazer ele executar. Tocando e orientando.
5. Corrigir tocando e em 2 a 3 planos diferentes e com observações atentas. Corrigir posição dos músculos não exercitados também. Citar os erros mais comuns de execução.
6. Ficar do lado dele em todas as repetições. Nas outras séries não.
7. Retirar o cliente e orienta-lo dos procedimentos a executar ao sair.
8. Educa-lo de como evitar sobrecargas na coluna, principalmente ao colocar as sobrecargas e pegar halteres e caneleiras.
9. Tirar dúvidas e orientações finais
Pergunte quantas séries e repetições está fazendo.

Cheque o seu programa de treinamento semanal e veja se ele está adequado para os seus objetivos e englobando força/endurance muscular/flexibilidade e aeróbios com duração e intensidade ideais.

Olhe o programa de musculação. Dê dicas, veja se o cliente está satisfeito e tem alguma dúvida.

Pergunte se está aumentando as sobrecargas dos exercícios regularmente. Mostre a importância deste procedimento para que alcance seus objetivos. Ensine-o a mudar no software de musculação.
Full transcript