Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

PUERTO MADERO - BUENOS AIRES

No description

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of PUERTO MADERO - BUENOS AIRES

PUERTO MADERO - BUENOS AIRES
Localizada ao sul do continente americano, a República da Argentina possui uma superficie total de 3.761.274 km2, constituída como uma federação de 23 províncias e uma cidade autônoma, sua capital,
Buenos Aires
.
Buenos Aires, localizada na costa ocidental do estuário do Rio da Prata, a cidade se encontra quase em sua totalidade na região pampeana, salvo algumas zonas como a
Reserva Ecológica de Buenos Aires
, a
Cidade Desportiva do Club Atlético Boca Juniors
, o
Aeroparque Jorge Newbery e
o bairro de
Puerto Madero
, que se têm terras emergidas artificialmente mediante o aterro das águas do Rio da Prata.
¡Qué buenos aires son los de este suelo! - Ruy Díaz de Guzmán
Puerto Madero, é o mais novo bairro de Buenos Aires, do qual tem seu projeto urbanistico dinâmico e em continuo crescimento.
20254831
Projeto de urbanismo:
Intervenções urbanas
Ana Carolina Silva
RA: 20461037
Erika Moraes
RA: 20629207
Carla Tumani
RA: 20502118
Natalia Stefani
RA:
Hernandes Afonso
RA: 20090083
Referências
BRITTO, Fernanda. "
Operação Puerto Madero: Estratégias de gentrificacão em Buenos Aires
" 16, mai. 2013. ArchDaily Brasil. Acessado 8 Nov 2014. <http://www.archdaily.com.br/105278/operacao-puerto-madero-estrategias-de-gentrificacao-em-buenos-aires>
LAZARINI, Kaya. "
A política econômica neoliberal e o planejamento urbano: O caso de Puerto Madero, em Buenos Aires
" jul. 2012. FAU USP. Acessado em 05 nov 2014. <http://www.fau.usp.br/docentes/depprojeto/c_deak/AUP840/6t-alun/2012/m4/12lazarini-neolib-Ag.pdf>
LIERNUR, Jorge Francisco "
Buenos Aires y su río: del puerto de barro al barrio global
" 05, nov. 2004. Vitruvius - arquitextos. Acessado em 22 out. 2014. <http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/05.054/526>
SOMEKH, Nadia ; NETO,Candido Malta Campos. "
Desenvolvimento local e projetos urbanos
" 05, abr. 2005. Vitruvius - arquitextos. Acessado em 08 nov. 2014. <http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/05.059/470>
KRUSE, Fabiana. "
Intervenções em centros urbanos : o caso da antiga área portuária de Porto Alegre
" In: 3.2 Buenos Aires, Argentina. PP. 68-83 Teses e Dissertações - UFRGS. Acessado em 08 nov. 2014. <http://hdl.handle.net/10183/35401>
História Portuária
O Projeto
"Plano Mestre"
- projeto de diretrizes para o desenvolvimento da área, definindo uma estrutura de uso dos espaços, volumes, circulações e recreações.
Bases
-
requalificação da área
, em substituição à situação de deteriorização e abandono em que se encontrava;
recomposição do caráter urbano
, capaz de equilibrar o déficit de áreas públicas e de acessibilidade com a área central;
promoção de locais destinados à atividades terciárias
, tais como, escritórios públicos e privados, comércio e atividades culturais;
espaços residenciais
;
reconquista do rio
, incorporando áreas verdes para a recreação e entreterimento.
Maquete da proposta: Plano Mestre
Fonte: Disponível em: <http://pt.slideshare.net/gabrielranieri/apresentao-porto-madero2>
Acesso em 09 nov. 2014
Fonte: Disponível em: <www.google.com/maps>
Acesso em 03 nov. 2014
Fonte: Disponível em: <http://pt.slideshare.net/gabrielranieri/apresentao-porto-madero2>
Acesso em 09 nov. 2014
O neoliberalismo nas cidades latino-americanas demonstram:
altos índices de desemprego;
grandes corporações monopolistas dominando o mercado interno e esmagando os pequenos empreendimentos locais;
periferização;
darwinismo social;
Na visão urbana, projetos visam:
transformação no uso do solo;
modificação funcional do espaço;
valorização da terra;
construção de um imaginário - ideário da destruição (o existente é tido como degradado, o novo é vendido como uma mudança;
Para promover o desenvolvimento, não há uma procura em discutir as necessidades locais com a população residente, a responsabilidade de compreender as necessidades locais fica a cargo de um grupo que:
escolherá o projeto;
abrirá licitações;
decidirá sobre o espaço;
e irá construir;
Desde sua fundação, os governantes demonstram uma preocupação referente a região conhecida hoje como Puerto Madero.
Durante muitos anos, essa preocupação resultou em diversos projetos e diversas reformulações espaciais na região, até 1989, quando o Ministério de Obras e Serviços Públicos, o Ministério do Interior, a Sociedade Central de Arquitetos e a Prefeitura de Buenos Aires, firmaram um convênio, visando impulsionar a requalificação da antiga área.

Croquis de Le Corbusier
Croquis de Le Corbusier
Informações da Corporação
Distribuição da superfície:
44% - área construida
36% - ruas e passeios
20% - parques
Distribuição em relação aos usos:
36% - ruas e passeios
23% - escritórios
17% - equipamentos públicos
17% - parques
6% - residências
1% - comércio
A mudança na habitação
Levando em consideração a segregação existem dois tipos das quais: a auto-segregação e a segregação imposta. A primeira referindo-se à segregação da classe dominante, ou seja, atores sociais de alta renda desejam segregar-se, mantendo-se assim afastados dos grupos menos favorecidos e impedindo o consumo desse espaço pelas classes mais baixas, devido ao alto preço dos serviços oferecidos. já a segunda refere-se aos grupos sociais cujas opções de como e onde morar são pequenas ou nulas; no projeto de revitalização de Puerto Madero, podem-se encontrar ambos os tipos.
Dependendo da maneira como é realizado, esse processo também pode ser chamado de higienização social ou de limpeza social, especificamente, devido à violência contra direitos humanos com que, por vezes, tais ações são realizadas.
O que pontua o termo getrificação é que este envolve, fundamentalmente, a expulsão de habitantes que ali residiam, devido à revalorização - especulação - imobiliária, em detrimetro de outra classe social, em geral uma classe média alta. Os antigos habitantes, que moravam em residências geralmente alugadas, são obrigados a mudar-se para bairros afastados, o que, aliado a precaridade de transporte público, os causa um grande prejuizo.

Com o deslocamento de setores levando em consderação a expulsão dos residentes da área, vem junto os investimentos e melhoras tanto nas habitações, que são renovadas e reabilitadas, como em toda a área afetada: comercio, equipamentos e serviços. Isso implica na mudança de modo que desempenham um papel decisivo aos agentes do solo: os proprietário, os promotores imobiliários, as imobiliárias, os governos locais e nacionais, as entidades financeiras que passam a ser o novo públco atraido.
Levamos em consideração a disputa do mercado, primordialmente os interesses dos promotores imobiliários, é o principal motor dos projetos de getrificação, visto que esse é um processo orientado pela oferta de imóveis. O termo getrificação como um movimento primordialmente da nova classe média que agrega caracteristicas da pós-modernidade, demonstrando uma necessidade de adquirir capital cultural e para tal, essas 'novas' áreas se apresentam como ideais.
Full transcript