Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Projeções cartográficas e fuso horário

6º ano
by

Patrícia Batista

on 17 October 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Projeções cartográficas e fuso horário

Projeções cartográficas, fusos horários e dinâmica interna da Terra
. São linhas imaginárias que cortam a Terra no sentido Leste Oeste;
. A distância entre paralelos chama-se
LATITUDE
e deve ser sempre Norte ou Sul;
. O principal paralelo chama-se Equador e seu valor é 0º (zero grau);
. Delimitam as zonas climáticas.

. Linhas imaginárias que cortam a Terra no sentido Norte-Sul;

. A distância entre os meridianos chama-se
LONGITUDE
e deve ser sempre Leste - Oeste;

. O principal meridiano chama-se
Greenwich
e seu valor é 0º (zero grau);

. Definem as zonas horárias do planeta.
Projeções Cartográficas
PARALELOS
Principais Paralelos
Equador;
Círculos Polares: Ártico e Antártico;
Trópicos: Câncer e Capricórnio.
Meridianos
Zonas Climáticas:
- Polares;
- Temperadas;
- Intertropicais.
1- Qual a importância dos paralelos e meridianos?
2- O que são paralelos?
3- O que são meridianos?
4- Quais são os paralelos principais?
5- Qual é o principal meridiano?
6- Quais são as zonas climáticas?
Exercício de fixação
projeção cilíndrica
projeção cônica
projeção plana (azimutal)
Projeção de Mercator
1569
Projeção de Peters
1970
Profª Patrícia
Cada lugar da Terra, no sentido Oeste-Leste, utiliza um horário diferente, conhecido como hora local que é marcada pelo movimento aparente do SOL. Mas à medida que o desenvolvimento foi acontecendo, surgiu a necessidade de uma nova proposta de padronização do tempo em todo planeta, então desenvolveram o sistema conhecido como
fuso horário
que passou a ser adotado a partir de 1925.
Fusos Horários
No Brasil é adotado um sistema diferenciado de hora geográfica. Por questões políticas e econômicas, possui quatro (4) fusos horários que podem ser alteradas suas delimitações por lei.
1º-
Com atraso de duas horas em relacão a Greenwich, utilizado nas ilhas:
Fernado de Noronha, São Pedro e São Paulo, Trindade e Martim Vaz
;
2º-
Atraso de três horas a oeste de Greenwich, é o mais utilizado no Brasil, do oficialmente denominado o horário de Brasília, atinge todo o
Nordeste, Sudeste e Sul. No Centro-Oeste: Goiás e Tocantins, no Norte: Pará e Amapá
;
3º-
Atraso de quatro horas a oeste de Greenwich, atinge no
Norte: Rondônia, Roraima
e
grande parte do Amazonas; no Centro-Oeste: Mato Grosso e Mato Grosso do Sul
;
4º-
De 2008 a 2013 não era utilizado, mas em 2013, todo estado do
Acre e Oeste do Amazonas
voltou a utilizar esse fuso horário com atraso de cinco horas.
O horário de verão é uma adaptação no horário de agumas localidades, determinadas pelo governo federal, com intensão de economizar energia elétrica
Uma rachadura enorme que surgiu em 2004 em uma área remota do deserto na região etiópica, à 990 quilômetros da capital do país, cresce metros a cada ano. Nos primeiro meses de 2005 a falha já alcançava 60 metros de comprimento por 4 de largura. A região tem atividade vulcânica e sísmica constante e nas profundezas da fissura já é possível observar um lago de lava proveniente da cratera do vulcão Erta Ale. Terremotos e fontes térmicas de águas sulfurosas não faltam no local.Leia mais em: http://ciencia.me/sD9KX
Sua extensão é cerca de 6.500 África Oriental (Etiópia, Uganda, Quênia, República do Congo, Tanzânia, Malui e Moçambique)
Dobramentos
Falhamentos
Diacláse
Rift Valey ou Vale do Rift na África
Mas por que as placas deslizam?
Hipocentro: Parte interna da litosfera onde se origina o terremoto.
Epicentro: Parte externa da litosfera que recebe as ondas de energia originada no hipocentro.
Tsunamis: Ondas gigantes formadas pelo movimento abrupto de uma placa no piso oceânico.

Rochas e Minerais
Escala de Mohs

As rochas magmáticas são rochas formadas pela solidificação do magma. O magma é uma massa incandescente que existe no interior dos vulcões.
Quando o magma é resfriado no interior da Terra transformam-se em rocha intrusiva como exemplo o granito. Quando o magma é lançado para fora da Terra em forma de lava transforma-se em rocha extrusiva; como exemplo, o basalto e a pedra-pomes.
Rochas Ígneas ou magmática
Granito
Basalto
Pedra-pomes
Quartzo
Biotita
Mineral – É um elemento ou um composto químico, via de regra, resultante de processo orgânico de composição química geralmente defendia e encontrado naturalmente na crosta terrestre. Os minerais em geral, são sólidos. Somente a água e o mercúrio se encontram no estado líquido, em condições normais de pressão e temperatura.

Rocha – É um agregado natural formado de um ou mais minerais (podendo eventualmente tratar-se de um vidro vulcânico), que constitui parte essencialmente da crosta terrestre e é nitidamente individualizado. Por isso, as rochas ocorrem em extensões consideráveis na crosta terrestre, podendo, na maioria das vezes, ser representada em mapas geológicos. São elas nitidamente individualizadas, porque os minerais se agregam obedecendo as leis físicas, químicas ou físico químicas, dependendo das situações em que se formam esta ou aquela rocha. Esta agregação, portanto, não se da ao acaso. Não é necessário que a rocha seja consolidada. As areias, as argilas, etc., desde que representem corpos independentes, individualizados e extensos, são considerados rochas.
Full transcript