Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Modelo Cognitivo

No description
by

Carla Daolio

on 14 October 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Modelo Cognitivo

Crenças Centrais
Modelo Cognitivo
Entendimentos profundos e fundamentais não articulados conscientemente

Percepções consideradas verdades absolutas e imutáveis
Também chamadas de nucleares

Globais, rígidas, supergeneralizadas e trans-situacionais

Quando disfuncionais, são o principal foco da terapia cognitiva
Exemplos de crenças centrais negativas sobre si nas diferentes categorias
Esquemas Mentais
Crenças Intermediárias
Referem-se a pressupostos, regras/expectativas e suposições

Surgem a partir de uma tentativa de dar sentido ao nosso ambiente

Também chamadas de subjacentes ou condicionais

Representam raciocínio de “se ... então”

São mais enraizadas do que os PA

São responsáveis diretos pelos PA
Distorções cognitivas
Pensamentos automáticos
Nível mais superficial de cognição

Palavras ou imagens reais

São espontâneos

São específicos à situação

São poderosos em desencadear reações: emocionais, comportamentais e fisiológicas
Pensamento
Comportamento
Sentimento
Os indivíduos constroem ativamente a realidade

A cognição medeia o afeto e o comportamento

A cognição é passível de ser conhecida e acessada

A mudança na cognição é um componente central no processo de mudança do ser humano.

Pensamentos Automáticos
Pensamentos Automáticos
Pensamentos Automáticos
Crenças Intermediárias
Crenças Centrais
Catastrofização
Inferência Arbitrária
video
Abstração Seletiva
Maximização
Hiperpersonificação
Minimização
Hipergeneralização
Pensamento Dicotômico
Modelo Cognitivo Modal de Beck
(Beck em Salkovskis, 2005)
Modos - uma teia de suborganizações específicas dentro da organização da personalidade que incorporam seus sistemas básicos: cognitivo, emocional, comportamental, fisiológico e orientativo.

O modo produz uma resposta síncrona às demandas externas, implementando objetivos internos.
Funcionamento do modo
Funcionamento do modo
A ativação do modo em particular é geralmente previsível a partir das circunstâncias, ou seja, da interpretação que a pessoa faz dos eventos.
Funcionamento
do
Modo
Reações Normais e Excessivas
O modo quando ativado recorre a sistemas congruentes para implementar seu “objetivo”

As reações variam em intensidade e limiar

Fenômeno da sensibilização: quando um modo é subliminarmente energizado, acaba sendo ativado por evento relativamente insignificante
Modos e transtornos psiquiátricos
Os transtornos psiquiátricos podem ser caracterizado em termos de um modo especifico.

Os modos primários não são necessariamente disfuncionais (ex: construtivo, expansivo, alegria, defensivo, ansiedade, tristeza, ataque ou agressão, etc.)
“Descarregando” os Modos
Terapia Cognitiva busca:
Desativar os modos (são modos reduzidos para um nível de repouso)

Modificar sua estrutura e conteúdos;

Construir modos mais adaptados para neutralizar os disfuncionais.

A farmacoterapia neutraliza diversos modos patológicos, mas como não altera sua estrutura, não impede a recorrência do transtorno
Profa. Dra. Carmem Beatriz Neufeld

Monitoras: Carla C. Daolio e Gabriela Affonso.

Situações
Rede estruturada e inter-relacionada de crenças que orientam o indivíduo em suas ações e posturas do dia-a-dia

Os esquemas podem conter outros esquemas

Formam toda a organização do conhecimento (RM, Conceitos, Esquemas)

Podem estar inativos ou ativados (Nodos)
São ativados por estímulos ambientais (internos ou externos)
Conceito/RM
- regador
Conceito/RM-cor
Conceito/RM-água
Esquema-materiais para jardinagem
Conceito/RM-pá
Conceito/RM-rastelo
Conceito/RM-terra
Conceito/RM-cor
Conceito/RM-terra
Conceito/RM-cor
Esquemas
Família
Emoções
Trabalho
Pai
Mãe
feliz
triste
chefe
colegas
Esquemas cognitivos
Atribuição de significado
Expectativas
Memórias
Crenças
Esquema orientativo
Esquemas afetivos
Esquemas motivacionais
Esquemas comportamentais
Sistema fisiológico
Linha de ativação
S
i
t
u
a
ç
ã
o
A
A
B
C
C
Situação:
Quem costuma catastrofizar...
Quem costuma inferir arbitráriamente...
Quem costuma abstrair seletivamente...
Quem costuma maximizar...
Quem costuma minimizar...
Quem costuma se hiperpersonificar...
Quem costuma hipergeneralizar...
Quem costuma ser "tudo ou nada"...
Conceito/RM
Full transcript