Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Tipos De Roscas

No description
by

Raphael Silva

on 11 October 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Tipos De Roscas

Tipo De Roscas
Definição
A rosca é uma saliência (filete) de secção uniforme que se desenvolve com uma inclinação constante em torno de uma superfície cilíndrica.
Rosca de Filetes Múltiplos (duplos, triplos, etc...)
Uma rosca é de filete duplo (ou triplo), quando duas (ou três) saliências (filetes) se desenvolvem lado a lado ao redor do núcleo. Também conhecida como rosca de duas (ou três) entradas
Filete Dente de Serra e Filete Trapezoidal
Rosca de filete dente de serra: parafusos que exercem grande esforço num só sentido.

Rosca de filete trapezoidal: parafusos que transmitem movimento suaves e uniformes.
Filete Redondo ou Arredondado
Rosca de filete arredondado ou
redondo: parafusos de grandes
diâmetros sujeitos a grandes
esforços.
Identificação das Roscas
As roscas não seriadas são geralmente identificadas por:
- tipo de perfil ou filete.
- dimensão (diâmetro da rosca).
- passo (em milímetros ou polegadas).
- quantidade de fios contidos em cada milímetro ou polegada (conforme o caso).
- espessura do filete (rosca grossa ou fina).
Filete
O filete (ou fio) pode apresentar secção transversal de vários tipos, e dá nome as roscas acabando também por condicionar sua aplicação.
Filete Quadrado e Filete Triangular
Rosca de filete quadrado: parafusos que sofrem grandes esforços e choques.

Rosca de filete triangular: padrão mundial em parafusos e porcas seriadas de fixação na união de peças.
Rosca à Direita e Rosca à Esquerda
Rosca à Direita - Uma rosca é à direita quando, para que o parafuso entre na porca é necessário dar-lhe o movimento de rotação da esquerda para a direita, ou no sentido dos ponteiros do relógio (sentido horário).

Rosca à Esquerda - Uma rosca é à esquerda quando, para que o parafuso entre na porca é necessário dar-lhe o movimento de rotaçãoda direita para a esquerda, ou no sentido contrário ao dos ponteiros do relógio (sentido anti-horário).
ROSCA DE FILETE SIMPLES
Uma rosca é de filete simples, quando apenas uma saliência (filete) se desenvolve ao redor do núcleo.Também conhecida como rosca de uma entrada.
Ultilidades da Rosca
- Possibilita a união não permanente de peças e a facilidade de desmontá-las, quando necessário.
- Possibilita o movimento de avanço de um elemento de máquina, quando há movimento de rotação em uma daspartes do conjunto; uma morsa ou o fuso de um tôrno mecânico são bons exemplos da aplicação do desserecurso.
Matéria:
Processo de Fabricação

Turma:
ELTPM 1301
Docente:
Carlos Eduardo
Tema do Trabalho:
Roscas
Grupo:

Aline Santos, Jessica Rayza,
Mateus Oliveira e Taciana Lima.
SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL -
SENAI

P = Passo da rosca é distância compreendida entre dois filetes consecutivos, medida no mesmo ponto; é sempre um filete e um vão.
i= Número de filetes ou entradas que se desenvolvem lado a lado ao redor do cilindro.
h= Deslocamento axial correspondente a uma volta completa do parafuso.
a= Ângulo de inclinação da hélice, é dado pelas expressões:
tg a = h / p x Ømédio
ou
tg a = P x i / p x Ømédio
Simbologia Para Identificação de Roscas
1º) Perfil:
Tr = Trapezoidal.
Rd = Redonda.
S = Dente de Serra.
2º) Diâmetro externo
da rosca e o passo (em milímetros ou polegadas).
3º) Número de fios (por milímetro ou fios por polegada).
4º) Espessura do filete (rosca fina ou grossa).
Rosca métrica triangular (normal e fina)
P = passo da rosca
d = diâmetro maior do parafuso (normal)
d1 = diâmetro menor do parafuso (Æ do núcleo)
d2 = diâmetro efetivo do parafuso (Æ médio)
a = ângulo do perfil da rosca
f = folga entre a raiz do filete da porca e a crista do filete do parafuso
D = diâmetro maior da porca
D1 = diâmetro menor da porca
D2 = diâmetro efetivo da porca
he = altura do filete do parafuso
rre = raio de arredondamento da raiz do filete do parafuso
rri = raio de arredondamento da raiz do filete da porca
Formulários da rosca métrica triangular
Sistemas normalizados das roscas triangular
Sistema métrico
No sistema métrico, as medidas das
roscas são determinadas em milímetros.
Os filetes têm forma triangular, ângulo de
60º, crista plana e raiz arredondada.

Sistema whitworth
No sistema whitworth, as medidas
são dadas em polegadas. Nesse sistema, o
filete tem a forma triangular, ângulo de
55º, crista e raiz arredondadas.

Sistema Americano
No sistema americano, as medidas são expressas em polegadas. O filete
tem a forma triangular, ângulo de 60º, crista plana e raiz arredondada.

Calculos de Roscas Triangulares
Rosca métrica normal
Exemplo - Calcular o diâmetro menor de um parafuso (d1) para uma rosca de
diâmetro externo (d) de 10 mm e passo (p) de 1,5 mm.
Cálculo: d1 = d - 1,2268 • P
Substituindo os valores dessa fórmula:
d1 = 10 - 1,2268 • 1,5
d1 = 10 - 1,840
d1 = 8,16 mm
Portanto, o diâmetro menor da rosca é de 8,16 mm.

Exercício
Conforme foi feito no exemplo acima, calcule o diâmetro menor de uma
rosca métrica normal, a saber:
diâmetro externo: 6 mm
Passo: 1 mm
Fórmula: d1 = d - 1,2268 • P

Rosca métrica fina
No caso de cálculo de roscas triangulares métricas finas, são usadas as
mesmas fórmulas das roscas triangulares métricas normais. A única diferença é
a medida do passo.
Exemplo - Calcular o diâmetro menor de um parafuso (d1), sabendo que o
diâmetro maior é de 10 mm e o passo é de 0,75 mm.
Fórmula: d1 = d - 1,2268 • P
Substituindo os valores:
d1 = 10 - 1,2268 • P
d1 = 10 - 0,9201
d1 = 9,08 mm
Portanto, o diâmetro menor do parafuso é de 9,08 mm.

Exercício
Calcule o diâmetro menor de um parafuso (d1), sabendo que o diâmetro
maior é de 12 mm e o passo é de 1 mm.
Fórmula: d1 = d - 1,2268 • P

Exemplo - Calcular o passo em mm de um parafuso com rosca whitworth,
sabendo-se que a rosca tem 32 fios por polegada.
Fórmula: P = 25, 4
nº de fios
Substituindo os valores:
P =25,4
32
P = 0,79 mm
Portanto, o passo deve ser de 0,79 mm.

Exercício
Calcule o passo em mm de um parafuso com rosca whitworth, sabendo-se
que a rosca tem 18 fios por polegada.
Fórmula: P = 25, 4
nº de fios

Rosca whitworth normal (BSW) e fina (BSF)
Full transcript