Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Transformador de isolamento

No description
by

Alexandr Alexandr

on 20 August 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Transformador de isolamento

O transformador é um aparelho estático, sem partes
em movimento, que se destina a transferir energia elétrica
de um circuito para outro, ambos de corrente alternada
(CA), sem mudança no valor da frequência. O lado que
recebe a potência a ser transferida é chamado de circuito
primário e o lado do transformador que entrega potência
é chamado de circuito secundário. A transferência é
realizada por indução eletromagnética.
INDUÇÃO
O princípio básico de funcionamento de um transformador é o fenômeno conhecido como indução eletromagnética: quando um circuito é submetido a um campo magnético variável, aparece nele uma corrente elétrica cuja intensidade é proporcional às variações do fluxo magnético.
Uma corrente alternada aplicada ao primário produz um campo magnético proporcional à intensidade dessa corrente e ao número de espiras do enrolamento (número de voltas do fio em torno do braço metálico). Através do metal, o fluxo magnético quase não encontra resistência e, assim, concentra-se no núcleo, em grande parte, e chega ao enrolamento secundário com um mínimo de perdas. Ocorre, então, a indução eletromagnética: no secundário surge uma corrente elétrica, que varia de acordo com a corrente do primário e com a razão entre os números de espiras dos dois enrolamentos.
NÚCLEO
TRANSFORMADOR DE ISOLAMENTO
Os transformadores de isolamento, que podem ser chamados de trafos de isolamento, são equipamentos utilizados para transferência de eletricidade de uma fonte de energia para um outro dispositivo, sendo que a principal diferença entre um transformador de isolamento e uma outra variedade de transformador é que o trafo de isolamento isola os dispositivos a partir da fonte. Os transformadores de isolamento são assim chamados normalmente porque são projetados especificamente para o isolamento da eletricidade.
TRANSFORMADOR
de isolamento
Princípio básico de funcionamento
do transformador monofásico
ENROLAMENTO
Responsável pela condução da corrente de carga, os condutores são enrolados em forma de bobinas cilíndricas
e dispostas axialmente nas pernas do núcleo.

Enrolamento primário
bobina de entrada do transformador
Enrolamento segundário
bobina de saída do tranformador
Se o enrolamento do segundário do transformador
tiver um número menor de voltas que o enrolamento
do primário, ele será um
transformador
redutor
de tensão

Se o enrolamento do segundário do transformador
tiver um número maior de voltas que o enrolamento
do primário, ele será um
transformador
elevador
de tensão

CAMPO MAGNÉTICO
O núcleo dos transformadores usados em baixa frequência é feito geralmente de material magnético (melhor transmissão de energia), comumente se usa aço laminado. Os núcleos dos transformadores usados em altas frequências são feitos de pó de ferro e cerâmica ou de materiais não magnético
Os fluxos magnéticos criados pelas correntes nos
enrolamentos de entrada e de saída são opostos um ao outro. Daqui, resulta uma porção de linhas de fluxo magnético que escapam do núcleo de ferro e formam um circuito fechado pelo ar em volta do respectivo enrolamento, que induz esse fluxo. Este fluxo é chamado -
fluxo de dispersão
.
ESQUEMA EQUIVALENTE DE STEINMETZ
R1, R2: resistência das bobinas,(representam as perdas Joule, cobre);
Xl1, Xl2: indutância de dispersão, (representam as perdas de fluxo);

RC: resistência de perdas no ferro

Xm: reatância de magnetização.
Transformadores Simbologia
Ensaio de Curto Circuito
Ensaio em vazio
FLUXO DE DISPERSÃO
RELAÇÃO DE TRANSFORMAÇÃO

N1 número de espiras do enrolamento primário
N2 número de espiras do enrolamento secundário
V1 tensão no enrolamento primário em volt (V)
V2 tensão no enrolamento secundário em volt (V)
I1 corrente no enrolamento primário em amperes (A)
I2 corrente no enrolamento secundário em amperes (A)

RENDIMENTO DO TRANSFORMADOR
Este parâmetro é consequência do fato que as condiciones ideais, em toda a potência fornecida pelo primário é transmitida ao secundário. Verificam-se nos enrolamentos e no núcleo do transformador perdas de potência, que se transforma em calor. Portanto no primário devemos fornecer uma potência superior aquela que é absorvida na saída do secundário.

O rendimento é definido como a razão entre a potência de saída e a potência de entrada.
Onde:
n = rendimento do transformador
Psaída = potência de saída
Pentrada = potência de entrada
Psec = potência do secundario
Pprim = potência do primário

CORRENTE DE FOCAULT
A
Corrente de Foucault
 (ou ainda 
corrente parasita
) é o nome dado à corrente induzida num material condutor, relativamente grande, quando sujeito a um fluxo magnético variável.
Em alguns casos a corrente de Foucault pode produzir resultados indesejáveis, como a dissipação por efeito Joule, o que faz com que a temperatura do material aumente. Para evitar a dissipação por efeito Joule, os materiais sujeitos a campos magnéticos variáveis são frequentemente laminados ou construídos com placas muito pequenas isoladas umas das outras.
A Corrente de Foucault são correntes fechadas, induzidas na massa de um metal que se move num campo magnético. Quando uma folha condutora entra em um campo, uma variação de fluxo ocorre, o que provoca uma força eletromotriz induzida na folha, que por sua vez provoca o movimento dos electrões livres no metal em circuitos fechados de correntes.
Alguns exemplos da utilização da corrente de Foucault:
- na frenagem de comboios controlados por imans magnéticos ou nas balanças de precisão.
- na medição da condutividade elétrica de metais não magnéticos.
O transformador de isolamento, ou isolador, é caracterizado por apresentar uma tensão de saída,em uma relação de 1:1, ou seja, o número de espiras do primário é igual ao do secundário. Suas bobinas não possuem conexão física e são isoladas entre si.

Estes trafos são projetados para isolar frequências instáveis dentro de uma banda larga de um determinado sinal. Eles capturam estas frequências instáveis como sinal de entrada e são capazes de gerar frequências com sinal muito claro. Um exemplo desta utilização são as transmissões de áudio e vídeo, de diversos sinais, o que pode ocorrer gerando ruídos indesejados, provocando distorções nas imagens ou distúrbios no sinal recebido. Com o intuito de eliminar estes efeitos, a instalação de um transformador de isolamento se faz necessário. O uso de um transformador de isolamento não se limita aos campos estritamente de áudio e vídeo, embora estas sejam as utilizações mais comuns para estes dispositivos.



APLICAÇÕES INDUSTRIAL
Os transformadores de isolamento industriais são utilizados para reduzir ou eliminar ruídos e criar um circuito de aterramento isolado. A "blindagem" é considerada um forte recurso desses tipos de transformadores de isolamento, o que favorece a garantia de que a intensificação da tensão e a queda de corrente não permitam o surgimento de linhas de alta tensão ou ruídos eletromagnéticos. Os transformadores industriais de isolamento autônomos servem para o propósito de eliminar o ruído de todas as origens.

Os transformadores de isolamento são utilizados em aplicações como sistemas de áudio, aviônicos, de comunicações de dados, painéis de controle industrial, eletrônica médica, luminárias, controles de motor, robótica, sistemas de teste e medição, entre outros.
Os transformadores de isolamento são muito importantes em uma ampla variedade de dispositivos eletrônicos, particularmente dispositivos de mão como barbeadores elétricos, secadores de cabelo entre outros, pois garantem um funcionamento mais seguro. Como um transformador de isolamento têm a capacidade de transformar um sinal de entrada instável ou distorcido em um sinal limpo e claro, os trafos são utilizados em uma série de diferentes dispositivos eletrônicos. Dentro dos dispositivos, o transformador de isolamento age como um meio de estabilizar o circuito inteiro.
Full transcript