Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Redemocratização

No description
by

Higor Ferreira

on 29 October 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Redemocratização

Redemocratização
Após a Emenda Dante de Oliveira não ter alcançado o seu objetivo de garantir eleições diretas para a presidência da república, ocorreu, no ano de 1985, um pleito de modo indireto que elegeu para a presidência o candidato Tancredo Neves.
DANTE DE OLIVEIRA
As eleições colocaram frente a frente
Paulo Maluf
Tancredo Neves
X
Deputado pelo PDS e ex-governador
de São Paulo
Do PMDB que havia renunciado
o governo de Minas Gerais
Vitória esmagadora de Tancredo Neves,
totalizando 480 votos de 686 eleitores
Antes de tomar posse, Tancredo Neves foi submetido a uma cirurgia em Brasília. Veio a falecer em abril de 1985, deixando a presidência do Brasil para seu vice, José Sarney.

O GOVERNO SARNEY
(1985-1990)
Aliado tradicional do Regime Militar, votou contra as
Diretas Já
Sarney, outrora um opositor, conseguiu ser candidato a vice de Tancredo Neves
Assim que assume, sofre com a desconfiança devido as suas ligações com o PDS e o Regime Militar
Busca a consolidação da democracia no Brasil
Em seu governo acontecem os trabalhos da constituinte que vai acarretar na criação da
Constituição Cidadã (1988)
Estabelece o
Plano Cruzado
Privatização de empresas de pequeno porte devedoras do BNDES

Constituição Cidadã
Direito de voto aos analfabetos
Instituição do Habeas Corpus
Jornada de trabalho de 44 horas semanais
Direito de greve


Plano Cruzado
A extinção do Cruzeiro e a criação do Cruzado
O término da correção monetária
O congelamento dos preços (gerando o ágio)
Congelamento dos salários
Gatilho” salarial. Aumento imediato quando a inflação atingisse 20%


PLANO CRUZADO II – Liberou produtos e serviços.
Na prática, incentivou as importações.
Eleições DIRETAS em 1990
Dois turnos. No segundo, LULA (PT), em uma aliança dos partidos de esquerda, enfrentou FERNANDO COLLOR (PRN), apoiado por partidos à direita.

O GOVERNO COLLOR
(1990-1992)
Empreendeu a modernização administrativa
Privatização das empresas estatais
Combate ao monopólio e a abertura do país ao capital externo
Bloqueio de contas e aplicações financeiras (cerca de 80% do dinheiro que circulava no país)
Extinguiu o Cruzado e restabeleceu o Cruzeiro
ESCÂNDALO NO GOVERNO COLLOR
A Câmara dos Deputados instaurou uma CPI, que, aos poucos, foi desvendando a existência de uma rede de corrupção, sonegação fiscal e contas fantasmas, o chamado ESQUEMA PC
29 de dezembro de 1992 – COLLOR enviou sua carta de renúncia ao Congresso.

O Senado Afastou COLLOR da presidência do Brasil, cassou seus direitos políticos por 8 anos e confirmou Itamar Franco (vice de Collor) para assumir a Presidência do Brasil, cumprindo assim o restante do mandato.

GOVERNO ITAMAR FRANCO (1992-1994)
Popularidade – Alta, devido ao afastamento de Itamar Franco do “Esquema PC”.




O GOVERNO ITAMAR FRANCO
(1992-1994)
Realização de um plebiscito como previa a Constituição de 1988, foi realizado para que o povo escolhesse definitivamente o Sistema e a forma de Governo. Foram eleitos a República e o Presidencialismo.
Alta inflação herdada das gestões anteriores.
PLEBISCITO X REFERENDO
O PRIMEIRO GOVERNO FHC
(1995-1998)
Criação do
PLANO REAL
Objetivos básicos – Dar continuidade ao Plano Real e reformar a máquina do Governo.
Alta taxa de juros para conter o consumo, equilibrar a balança comercial brasileira e atrair investimentos estrangeiros.
Quebra de monopólios – Permite a atuação de empresas estrangeiras em setores até então dominados pelo Estado.
Estatizações - VALE DO RIO DOCE (CVRD) e COMPANHIA SIDERÚRGICA NACIONAL (CSN).
Emenda constitucional nº16, que permite a reeleição para chefia do poder executivo (presidente, governadores e prefeitos).
O referendo é um instrumento, por meio do qual os eleitores devem se posicionar sobre um assunto já definido. O referendo é convocado depois da aprovação da norma, no caso os eleitores são consultados se devem ratificá-la.
 Criação de nova moeda, o Real
 Paridade com o dólar
 Privatizações de estatais
 Alta taxa de juros
 Abertura do mercado aos produtos estrangeiros
Gradual controle da inflação
O SEGUNDO GOVERNO FHC
(1999-2002)
Aumento da dívida externa devido ao esgotamento das reservas cambiais. O governo recorre ao FMI (Fundo Monetário Internacional).
DESVALORIZAÇÂO CAMBIAL – O dólar chega a valer mais de R$ 4. Com isso, há uma maior competitividade para os produtos brasileiros no exterior, beneficiando as exportações. Por outro lado, encareceu as importações, tornando a indústria nacional mais forte.
Tenttiva de equilibrar a economia por intermédio do aumento de impostos e cortou verbas destinadas a investimentos e programas sociais.
CENSO 2002 – Mostrou avanços consideráveis, principalmente nas áreas de saúde e educação, ao mesmo tempo revelando números dramáticos referentes à violência.
O GOVERNO LULA
(2003-2010)
Cenário externo favorável
Continuidade das políticas econômicas de FHC
Moeda mais forte
Pagamento da dívida externa
Redução da taxa de juros
Aumento dos gastos públicos
Indústria Nacional competitiva
Full transcript