Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Os Grandes Teatrólogos

No description
by

Sol Barcellos

on 30 March 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Os Grandes Teatrólogos

Os Grandes Teatrólogos
Grupo
Ilberto da Silva Junior
Larissa Almeida
Natalie Lima
Solange Barcellos
MENANDRO
-Nasceu em Atenas na Grécia (342 a.C, 291 a.C)
-Comédia nova (última fase da evolução dramática ateniense)
-Escreveu mais de 100 comédias
Plauto
Tito Mácio Plauto (em latim
Titus Maccius Plautus; Sarsina, cerca de
230 a.C. - 180 a.C.) foi um dramaturgo romano, que viveu durante o período republicano.
Sófocles
Sófocles foi um importante dramaturgo da Grécia Antiga. Nasceu na cidade-estado de Atenas em 496 a.C e morreu em 406 a.C. É considerado um dos grandes representantes do teatro grego antigo, junto com Eurípedes e Ésquilo. Viveu no período de maior desenvolvimento cultural de Atenas.

A obra de Sófocles é de grande reconhecimento até os dias de hoje, pois ele foi capaz de criar inovações na técnica dramática.
Suas comédias estão entre as obras mais antigas em latim preservadas integralmente até os dias de hoje, são quase todas adaptações de modelos gregos para o público romano, tal como ocorria na mitologia e na arquitetura romanas.
Algumas de Suas Obras
- Estico - 200 a. C.
- Persa - 197 a. C.
- O Soldado Fanfarrão - 197 a. C.
- A Comédia da Marmita - 195 a. C.
- Os Menecmos - 195 a. C.
Gil Vicente
É considerado o primeiro grande dramaturgo português. Alguns o identificam como ourives, autor da Custódia de Belém, com o mestre de retórica do rei Dom Manuel.


Sabe-se que Gil Vicente
não se limitou a escrever
peças de teatro, era também
músico e ator.
É considerado, de uma forma
geral, o pai do teatro português,
ou mesmo do teatro ibérico,
visto que escrevia
em castelhano.
A sua obra é vista como
um reflexo da mudança dos tempos, da passagem da Idade Média para o Renascimento. As hierarquias e regras rígidas eram tidas em consideração em cada uma das suas obras.
Considerado o principal representante da literatura, a sua escrita influenciou a cultura popular portuguesa.
A obra de Gil Vicente segue os padrões do teatro ibérico popular e religioso, mas de uma maneira muito mais profunda, tendo uma grande variedade de formas: o auto pastoril, a alegoria religiosa, narrativas bíblicas, farsas episódicas e autos narrativos.
Molière

Jean-Baptiste Poquelin, conhecido
artisticamente como Molière, foi um importante
escritor, ator e dramaturgo francês do século XVII. Nasceu em 15 de janeiro de 1622 na cidade de Paris e faleceu na mesma cidade em 17 de fevereiro de 1673. Ganhou grande destaque no mundo teatral com suas excelentes comédias de tom satírico.
Principais Obras
- As preciosas ridículas (1659)
- A Escola de Mulheres (1662)
- Tartufo (1664)
- O Misantropo (1665)
- Médico a força (1666)
- O Avarento (1668)
- Anfitrião (1668)

MARTINS PENA
-Rio de Janeiro, Brasil (1815, 1848)
-Dramaturgo, diplomata e introdutor da comédia de costumes no Brasil
-30 peças: comédias, sátiras, farças, dramas
Henrik Ibsen
Nascido em 20 de março de 1828 emSkien, Noruega, Henrik Ibsen foi principal representante da literatura escandinava no século 20. Dedicou sua vida ao teatro como diretor e autor.
Em 1849, sob o pseudônimo de
Brynjolf Bjarme, escreveu sua primeira peça, "Catilina", inspirada nas revoluções européias de 1848 e nos escritos do romano Cícero.
Entre suas obras podemos destacar:
- O Túmulo do Guerreiro
- Imperador e Galileu
- Um Inimigo do Povo
- Bygmester Solness
- Casa de Bonecas
- Peer Gynt
Nelson Rodrigues
Nelson Rodrigues nasceu em 23 de agosto de 1912 e foi o quinto filho de uma prole de 14. É considerado um dos maiores dramaturgos brasileiros.
Suas obras são polêmicas e
retratam a realidade da vida, talvez por esta razão ele seja alvo de críticas boas e ruins. Entre os anos de 1941 e 1943, escreveu duas peças teatrais: “A mulher sem pecado” e “Vestido de Noiva”. As amarguras, podridões e tragédias da vida foram transformadas em peças e livros.
Usou uma linguagem simples e inovou os textos teatrais, por isso é considerado um renovador do teatro brasileiro.

Escreveu 17 peças, vários contos e 9 romances.

-Irlanda (1906, 1989)
-Dramaturgo e escritor, uns dos mais importantes dramaturgos da segunda metade do século XX
-Paradoxos e humor negro, rejeira a busca de explicação da existência através do raciocínio
"Humor negro é igual braço: tem gente que não tem"
SAMUEL BECKETT
Jean Genet
Autor francês nascido em Paris, autor de uma obra literária na qual expôs uma explícita crueza unida a um profundo lirismo, fruto de atormentada existência.
Filho de uma prostituta, de pai desconhecido, foi adotado por um casal de Morvan, na Borgonha. Naquele tempo era comum enviar às regiões rurais as crianças abandonadas da capital.
Amplamente reconhecido como escritor de extraordinário talento, a polêmica em torno de sua figura aumentou com o romance Miracle de la rose (1945-1946).

Outras Grandes Obras Foram:
- Querelle de Brest (1947)
- Les Bonnes (1947)
Sua autobiografia: Journal du voleur (1949
- Le Balcon (1956)
- Les Paravents (1961)

Augusto Boal
Foi diretor de teatro, dramaturgo e ensaísta brasileiro, uma das grandes figuras do teatro contemporâneo internacional. Fundador do Teatro do Oprimido, que alia o teatro à ação social, suas técnicas e práticas difundiram-se pelo mundo.
O dramaturgo é conhecido não
só por sua participação no Teatro de Arena da cidade de São Paulo (1956 a 1970), mas sobretudo por suas teses do Teatro do oprimido, inspiradas nas propostas do educador Paulo Freire.
Venceu muitos premios ao longo de sua carreira
Sua obra escrita é expressiva. Com 22 livros publicados e traduzidos em mais de vinte línguas, suas concepções são estudadas nas principais escolas de teatro do mundo.
Algumas de
Suas Obras são:

- Arena conta Tiradentes. São Paulo: Sagarana,1967.
- Crônicas de Nuestra América. São Paulo: Codecri, 1973.
- Teatro do oprimido e outras poéticas políticas. Rio de Janeiro. Civilização Brasileira. 1975.
- Jane Spitfire. Rio de Janeiro: Codecri,1977.
- Murro em Ponta de Faca. São Paulo: Hucitec, 1978.
William
Shakespeare
Nascido em 23 de abril de 1564, na pequena cidade inglesa de Stratford-Avon, Shakespeare é considerado um dos mais importantes dramaturgos e escritores de todos os tempos. Seus textos literários são verdadeiras obras de arte e permaneceram vivas até os dias de hoje, onde são retratadas freqüentemente pelo teatro, televisão, cinema e literatura
Romeu e Julieta
“Romeu e Julieta” conta uma afamada história de amor que envolve um casal de jovens apaixonados proibidos de vivenciar sua experiência amorosa mediante a rivalidade de suas famílias.
Este clássico da literatura universal vem há séculos seduzindo gerações de leitores apaixonados, que encontram nas páginas tecidas pelo inglês William Shakespeare uma das mais belas e trágicas histórias de amor de todos os tempos.
Sonho de
Uma Noite de Verão
uma comédia escrita em meados da década de 1590.
Acredita-se que a peça foi escrita e apresentada entre 1594 e 1596. Alguns autores defendem que a peça possa ter sido escrita para o casamento de Sir Thomas Berkeley e Elizabeth Carey, em Fevereiro de 1596.
Não existe uma fonte direta que tenha servido de inspiração para a peça, ainda que se possam encontrar elementos relacionados com a mitologia greco-romana e respectiva literatura clássica.
Obrigado!
Aristófanes
Aristófanes foi um dramaturgo grego. É considerado o maior representante da comédia antiga. Nasceu em Atenas e, embora sua vida seja pouco conhecida, sua obra permite deduzir que teve uma formação requintada.

Escreveu sátiras com duras críticas
políticas e sociais. Seus alvos eram políticos, filósofos, poetas e ricos comerciantes.Muitas vezes usava de linguagem obscena e diálogos inteligentes e vivos.
Algumas de suas obras são:
- As Nuvens
- As Vespas
- Assembléia de Mulheres
- As rãs
Em suas tragédias, mostra dois tipos de sofrimento: o que decorre do excesso de paixão e o que é conseqüência de um acontecimento acidental (destino). Reduziu a importância do coro no teatro grego, relegando-o ao papel de observador do drama que se desenrola à sua frente. Também aperfeiçoou a cenografia e aumentou o número de elementos do coro de 12 para 15, porém esse número pode variar de acordo com o poeta que define a tragédia. Sua concepção teatral foi inovadora e elevou o número de atores de dois para três.
De acordo com historiados, Sófocles escreveu aproximadamente 120 peças de teatro. Porém, com o passar dos tempos, somente sete peças sobreviveram até nossos dias.

- Ajax
- Antígona
- As Traquíneas
- Édipo Rei
- Electra
- Filoctetes
- Édipo em Colono
Gustavo Gasparani e Eliane Giardini em cena da peça "Édipo Rei", versão contemporânea da tragédia de Sófocles
“Édipo e Antígona exilados em Tebas”, por Eugene-Ernest Hillemacher (1843)
As obras de Menandro foram quase todas consumidas pelo tempo. Somente em 1958 foi encontrado um papiro egípcio contendo a obra “Misantropo”, que conta a história de um homem, cujo nome é emprestado a obra, e sua filha, Cnemon.
Full transcript