Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Salmo 23 - O CUIDADO DE DEUS: Nosso Consolo

No description
by

Jônatas Cunha

on 19 June 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Salmo 23 - O CUIDADO DE DEUS: Nosso Consolo

Há no coração humano uma expectativa de consolação Gênesis 5.29 – pôs-lhe o nome de Noé, dizendo: Este nos consolará dos nossos trabalhos e das fadigas de nossas mãos, nesta terra que o SENHOR amaldiçoou. Qual tem sido a fonte do seu consolo? “Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso; refrigera-me a alma. Guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome” (vv.2-3). Há uma iniciativa de Deus para consolar. O Senhor é o nosso verdadeiro consolador. 2.Uma oferta de restauração profunda 1.Uma oferta de paz 3.Uma oferta de direção 1.
Uma oferta de paz “Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso” (v.2). Essa é a promessa de Paz do evangelho todo aquele que Nele crê tem a garantia de uma herança eterna, incorruptível, sem mácula, imarcescível, reservada nos céus, que é glória incomparável a qualquer sofrimento presente. a paz indescritível de Cristo repousa imediatamente em nosso coração. João 14.25-27 – Isto vos tenho dito, estando ainda convosco; mas o Consolador, o Espírito Santo, a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo o que vos tenho dito. Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como a dá o mundo. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize. teremos uma paz que não é a ausência de problemas, mas a capacidade de não fixar os olhos nas circunstâncias momentâneas, percebendo a alegria da herança eterna que nos está prometida, reservada e garantida. 2.
Uma oferta de restauração profunda “Refrigera-me a alma…” (v.3a). Deus nos oferece em Jesus Cristo o alívio para nossa alma cansada, produzindo nela vida novamente. Mateus 11.28-29 – Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. “entrega o teu caminho ao SENHOR, confia nele, e o mais ele fará”. Essa restauração é sempre acompanhada de transformação. 2Coríntios 5.17 – E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas. “Guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome” (v.3b). 3.
Uma oferta de direção Promessa de Deus que seremos dirigidos por Ele a cada passo e em cada instante e conduzidos aos céus. Mateus 7.13-14 – Entrai pela porta estreita (larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz para a perdição, e são muitos os que entram por ela), porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que conduz para a vida, e são poucos os que acertam com ela. Deus nos oferece a direção e nos conduz pelo caminho. Mas isso requer obediência e submissão. Requer dar ouvidos à sua voz em sua Palavra Revelada na Escritura e não endurecer o coração. Requer quebrantamento do seu coração e arrependimento no íntimo de sua alma de seus pecados. Salmo 94.19 – Nos muitos cuidados que dentro de mim se multiplicam, as tuas consolações me alegram a alma. 2Co 1.4 – É ele que nos conforta em toda a nossa tribulação, para podermos consolar os que estiverem em qualquer angústia, com a consolação com que nós mesmos somos contemplados por Deus. Salmo 42.5,11; 43.5 – Por que estás abatida, ó minha alma? Por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, a ele, meu auxílio e Deus meu.
Full transcript