Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

scrum apresentação

No description
by

leonardo silva

on 23 October 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of scrum apresentação

• Transparência;

• Monitoramento; e

• Adaptação.


• REUNIÃO DE PLANEJAMENTO DA SPRINT;

• MONITORAMENTO DIÁRIO; e

• ENCERRAMENTO DA SPRINT.


Pilares do SCRUM
FLUXO
EVENTOS SCRUM
ARTEFATOS SCRUM
• LISTA DE PRODUTOS

• LISTA DA SPRINT

• PRODUTO

• GRÁFICO DE BURNDOWN


TEMPOS DO SCRUM
O que é Scrum?
SCRUM
SCRUM
Como o Scrum funciona?
O processo fundamental do Scrum é governado por três principais funções:
1. Scrum Masters;

2. Product Owners; e

3. Time
Ministério das Cidades
Secretaria Executiva
Escritório de Gerenciamento de Projetos
Scrum Master garante que o processo aconteça tão bem quanto possível e ajudam a melhorar continuamente o processo, a equipe e o produto que está sendo criado. É o responsável por sanar os impedimentos detectados pelo time.
Product Owner determina o que precisa ser construído nos próximos 30 dias ou menos (período de uma Sprint). É o responsável pelos produtos a serem desenvolvidos.
O Time constrói o que é necessário fazer em 30 dias ou menos e, em seguida, demonstra o que construiu. Com base nessa demonstração, o Product Owner determina o que será construído na sequência.
A transparência garante que os aspectos do processo que afetem o resultado sejam visíveis àqueles que gerenciam os resultados. Esta transparência, além de facilitar a compreensão das atividades que estão sendo realizadas, torna público os processos e as atividades a toda equipe e organização.
Os diversos aspectos do processo precisam ser monitorados com uma frequência suficiente para que variações inaceitáveis no processo possam ser detectadas. A frequência do monitoramento deve levar em consideração o fato de que qualquer processo é modificado pelo próprio ato de monitoramento.
Se verificado, no monitoramento, que um ou mais aspectos do processo estão fora dos limites aceitáveis, deve-se ajustar o processo, o mais rápido possível, para minimizar desvios posteriores.
A reunião de planejamento é um momento no qual o Scrum Master, o PO e o Time se reúnem para definir as tarefas da Sprint. Ela pode ser dividida em 02 (dois) momentos:

1º) Definição do que fazer e das prioridades (atribuição do PO)

2º) Definição de quem fará cada atividade e do tempo necessário para executá-la.
Reunião de monitoramento diário da Sprint é um momento em que a equipe se reúne rapidamente com o objetivo de monitorar a execução das atividades e promover as mudanças necessárias na Sprint, com vistas a aumentar a probabilidade de alcance das metas.

Reunião de encerramento da Sprint é uma reunião, geralmente de 4 horas, na qual se revisa o que foi construído e se adapta o plano da Lista de Produtos da nova Sprint.

O Time Scrum também analisa o aprimoramento do processo da Sprint levantando pontos de melhoria para próxima Sprint.

A apresentação do que foi construído destina-se a motivar o Time e promover sua colaboração, obtendo comentários e sugestões para otimizar a gestão do trabalho.
A Lista de Produtos é uma lista ordenada de tudo o que é necessário para a construção do produto. O responsável por esta lista, inclusive por seu conteúdo, disponibilidade e ordenação, é o PO (Responsável pelo negócio).

As primeiras listas apenas demonstram o conhecimento inicial dos produtos existentes.

Destaca-se que esta lista e o ambiente no qual ela será utilizada também evoluem, logo ela é dinâmica e muda constantemente para identificar o que se necessita para ser mais apropriada e útil.

A lista da Sprint é o conjunto dos itens priorizados da lista de produtos selecionados para serem desenvolvidos em uma determinada Sprint.

O objetivo dessa lista é tornar visível o esforço necessário para implementar tais itens.

Assim, são apresentadas atividades de forma concreta, com duração definida e classificadas em status “a fazer”, “fazendo” e “feito”.

O Time Scrum pode, no decorrer da Sprint, acrescentar novas atividades quando detectar que mais trabalho seja necessário.
Ao final de cada Sprint, o Time entrega uma parte do produto que foi produzido durante a Sprint.

É importante que o Time entenda que essa parte do produto é algo potencialmente entregável, ou seja, está dentro do conceito de “pronto” previamente estabelecido pelo Time.
O gráfico demonstra os itens restantes de uma Sprint, medidos por horas. Em outras palavras, informa quantidade de atividades “a fazer” (em horas).

Ele permite verificar se o time Scrum está adiantado (abaixo da linha do planejado) ou atrasado (acima da linha do planejado).

Informa, também, uma probabilidade de atingimento das metas. Exemplo: se o gráfico informar o quantitativo de 100 horas “a fazer” e o time Scrum só tiver mais 40 h de força de trabalho até o final da Sprint fica demonstrado um possível descumprimento de algumas metas da Sprint.
Prazos em um dia:
0,5h, 1h, 2h, 4h, 6h, 8h;

Prazos que passam de um dia:
12h, 16h ou 20h

O critério utilizado na padronização dos tempos foi o seguinte:
a) para as atividades que durem menos de um dia foram criados tempos menores de 0,5h, 1h, 2h, 4h, 6h, 8h;

b) para abarcar as atividades maiores, com duração de mais de um dia, foram criados tempos que espelham turnos de trabalho (4h): 12h, 16h ou 20h.
A Reunião de Planejamento da Sprint é um momento no qual o Scrum Master, o PO e o Time se reúnem para definir as tarefas da Sprint.

Ela pode ser dividida em 02 (dois) momentos:

1º) Definição do que fazer e das prioridades (atribuição do PO)

2º) Definição de quem fará cada atividade e do tempo necessário para executá-la
SPRINT
As Sprints são compostas por uma reunião de planejamento, reuniões diárias, o trabalho de desenvolvimento e uma reunião de encerramento.

A Sprint define aquilo que deve ser construído: uma lista de tarefas que detalhará as atividades necessárias para se alcançar uma meta ou elaborar um produto;

A Sprint possui intervalos de tempo padronizados, podendo variar de 2 a 4 semanas.
Reunião de Monitoramento diário é um momento em que a equipe se reúne rapidamente com o objetivo de monitorar a execução das atividades e promover as mudanças necessárias na Sprint, com vistas a aumentar a probabilidade de alcance das metas.

Nesta reunião, os membros explicam o que foi realizado, as próximas atividades a realizar e os obstáculos/impedimentos encontrados.

É uma reunião chave para o monitoramento da gestão das atividades e para o surgimento de possíveis adaptações.
ENCERRAMENTO DA SPRINT
É uma reunião informal na qual se revisa o que foi construído, e se adapta o plano da lista de produtos da nova Sprint.

O Time Scrum também analisa o aprimoramento do processo da Sprint levantando pontos de melhoria para próxima Sprint.

A apresentação do que foi construído destina-se a motivar o Time e promover sua colaboração, obtendo comentários e sugestões para otimizar a gestão do trabalho.
Lista de Produtos
São vários produtos para construção. O responsável por esta lista, inclusive por seu conteúdo, disponibilidade e ordenação, é o PO (Responsável pelo negócio).

Ela nunca estará completa.

As primeiras listas apenas demonstram o conhecimento inicial dos produtos existentes.

Destaca-se que esta lista e o ambiente no qual ela será utilizada também evoluem, logo ela é dinâmica e muda constantemente para identificar o que se necessita para ser mais apropriada e útil.
LISTA DA SPRINT
A lista da Sprint é o conjunto dos itens priorizados da lista de produtos selecionados para serem desenvolvidos em uma determinada Sprint.

O objetivo dessa lista é tornar visível o esforço necessário para implementar tais itens.

Assim, são apresentadas atividades de forma concreta, com duração definida e classificadas em status “a fazer”, “fazendo” e “feito”.

O Time Scrum pode, no decorrer da Sprint, acrescentar novas atividades quando detectar que mais trabalho seja necessário.
PRODUTO
Ao final de cada Sprint, o Time entrega uma parte do produto que foi produzido durante a Sprint.

É importante para o Time entender que essa parte do produto é algo potencialmente entregável, ou seja, está dentro do conceito de “pronto” previamente estabelecido pelo Time.
Impedimentos

Situações que impedem uma equipe de entregar o objetivo do sprint.

O Scrum Master não é o líder da equipe (já que as equipes são auto-organizadas), mas atua como um mediador entre a equipe e qualquer influência desestabilizadora.

A Visão do Produto é o Norte do Projeto, ou melhor, o artefato que deve assegurar o alinhamento e o compartilhamento do que deve ser desenvolvido pelo Time.

Por este motivo, a Visão do Produto pode ser definida simplesmente como o conjunto de características-chave (ou features) do produto final.
É uma forma de as equipes trabalharem juntas para desenvolverem determinado produto.
O desenvolvimento de produtos, utilizando-se o Scrum, acontece por pequenas partes, cada uma sendo construída sobre outras anteriormente criadas.
Construir produtos de forma interativa e iterativa, uma pequena parte de cada vez, estimula a criatividade e permite que as equipes respondam às situações das atividades em andamento e de mudanças, com intuito de construir exatamente o que é necessário.

Nesta reunião, os membros explicam o que foi realizado, as próximas atividades a realizar e os obstáculos/impedimentos encontrados. Esta reunião deve ser rápida, para isso as explanações dos integrantes devem ser rápidas, sucintas e objetivas.
O Scrum Master (Gerente) assegura que a Reunião Diária ocorra, porém é o Time o responsável por conduzir a reunião. Reuniões Diárias melhoram a comunicação, eliminam a necessidade de outras reuniões, identificam e removem impedimentos para o andamento das atividades, promovem rápidas tomadas de decisão e melhoram o nível de conhecimento do Time. Esta é uma reunião chave para o monitoramento da gestão das atividades e para o surgimento de possíveis adaptações.
Assim, caso a execução de uma atividade dure mais de 20 h, deve-se decompor esta atividade em atividades menores.
Exemplo: 1 dia = 8h | turno = 4h | meio turno = 2h
Atividade: Participação em Curso (36h) = 4,5 dias;

Logo, a atividade será dividida em módulos: módulo 1 - 8h | módulo 2 - 8h | módulo 3 - 8h | módulo 4 - 8h | módulo 5 - 4h, podendo concluir a atividade parcialmente até o seu término.
Full transcript