Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Sistema nervoso

Sistema nervoso
by

André Thomé

on 21 September 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Sistema nervoso

Sistema Nervoso O sistema nervoso tem como funções a percepção do ambiente e do interior do corpo, a integração das informações e, junto com outros sintemas realiza as funções necessárias para o funcionamento corporal. Os Neurônios Os neurônios são as principais células do corpo. Eles são responsáveis por receber, processar e transmitir informações enviadas pelo sistema sensorial.

Os neurônios podem receber mensagens através de um impulso nervoso ( sinal elétrico que percorre todo o axônio) e transmiti-las para outras milhares de células. Partes do Neurônio Os neurônios são formados por corpo celular, extensões finas e ramificadas chamadas de dendridos, e um prolongamento mais extenso chamado de axônio. Os dendritos recebem informações de outros neurônios, essas informações podem iniciar um impulso nernoso.
As extremidades do axônio pode se comunicar com os dendritos de outros neurônios para transmitirem um impulso nervoso e/ou uma imformação. Tipos de Neurônio Os neurônios que recebem informações do orgão são chamados de neurônios sensoriais. Os que transmitem uma resposta do sistema nervoso para a contração muscular ou um funcionamento de um orgão são chamados de neurônios motores. Os que fazem a conexão entre os neurônios sensoriais e os neurônios motores são os neurônios associativos. Comunicação entre os neurônios O impulso nervoso que passa de um reurônio ao outro não é imediato, pois há um espaço ente ele chamado de fenda sináptica. O impulso nervoso libera substânsias químicas (neurotransmissores) que permitem a imformação ser transmitida dos axônios para os dendritos através de receptores. Depois dos axônios leberarem os neurotransmissores eles os recolhem para que tenham neurotransmissores para um futuro impulso nervoso e para que a senssação acabe. O sistema nervoso central compreende os órgãos de comando nervoso do organismo. É composto pelo encéfalo e pala medula espinal. O encéfalo é um conjunto de mecanismos que trabalham a partir de impulsos nervosos. Ele é o centro de processamento das informações enviadas pelos neurônios. O equilíbrio e o domínio dos movimentos dos músculos são controlados pelo encéfalo.
O encéfalo é formado pelo cérebro, cerebelo, que fica logo embaixo do cérebro, e pelo tronco encefálico, que fica à frente do cerebelo, abaixo do cérebro. O cérebro é quem toma as decisões e coordena também as atividades de aprendizado. Além disso ele recebe e interpreta informações da visão, da audição, do paladar e do tato.
O cerebelo é responsável pela manutenção da postura e do equilíbrio corporal, e ainda atua com o cérebro no controle acurado dos músculos das mãos.
E as decisões involuntárias são tomadas pelo bulbo, que também funciona como ponte de comunicação entre a medula espinal e o cérebro. A medula espinal reúne informações sensoriais do corpo e as leva para o cérebro, além de distribui essas informações vindas do cérebro para o resto do corpo. Os nevos que levam essas informações fazem parte do sistema nervoso periférico. As respostas voluntárias são aquelas que se pode exercer controle consciente, como andar e falar. Essas tarefas ocorrem de acordo com suas vontades. É o cérebro que inicia essas ações que chegam aos músculos através da medula espinal e dos nervos motores.
As respostas involuntárias são aquelas sobre as quais não se tem controle. É o sistema nervoso atômico junto com o bulbo que controlam essas ações como o batimento do coração. Sistema Nervoso Central Encéfalo Medula Espinal Respostas volutarias e involuntarias O sistema periférico tem como função levar as informações do encéfalo e da medula aspinal para os músculos e orgãos e retornar informações sensoriais para o sistema nervoso central, atavés de nervos gânglios. Sistema nervoso periférico Sistema Nervoso Simpático As funções do sistema simpático estão associadas às chamadas reação de luta ou fuga, em geral, atividades de quando estamos em perigo e/ou sob pressão. Assim esse sistema acelera os batimentos cardíacos dilata as pupilas e os brônquios dos pulmões, diminui a circulação do sangue na pele e aumenta a circulação nos músculos. Sistema Nervoso Parassimpático O sistema nervoso parassimpático tem função de realizar ações de reação de repouso, que trazem o organismo de volta a condição normal após o estímulo do sistema simpático. Ele pode diminuir os batimentos cardíacos, contrai as pupilas e os brônquios, aumenta a circulação na pele, etc.
Ele trabalha junto com o sistema simpático fazendo a manutenção do equilíbrio interno do organismo. A saude mental é um estado de bem-estar no qual as pessoas realizam suas capacidaes, lidam com o estresse normal da vida, trabalham de forma produtiva e contribuem para a comunidade em que vivem. Saúde Mental Quando acontece uma ação involuntaria para a proteção de organismo sem o uso do encéfalo essa atividade é chamada de ato reflexo medular. Atos Reflexos Medulares A depressão é caracterizada pela tristeza constante, uma das consequências da depressão é a falta de interesse em atividades como esportes, ouviu música, etc. A anorexia é uma doença que resulta em uma redução dramática na quantidade de alimentos ingeridos e a bulimia ocorre quando se ingere o alimento e eu seguida é induzidos o vomito ou ingestão de laxantes. Ambas são causadas por uma grande preocupação com o corpo. Os sintomas das desordens de ansiedade são: medo e ansiedade constantes que interferem no modo de vida do adolescente, ataques de pânico, tensão muscular, palpitações e dores de cabeça. Ambas são desordens que interferem no aprendizado. A dislexia causa dificuldade com linguagem escrita, principalmente em leitura e ortografia. Já o TDAH tem como sintomas: falta de atenção, falha da memória, impulsividade e dificuldade de ficar parado. As drogas fazem modificações no nosso corpo quando são introduzidas no organismo. Algumas drogas tem efeito psicotrópico, ou seja, atuam sobre o sistema nervoso central (álcool, nicotina, cafeína, solventes, calmantes, maconha, cocaína, heroína, etc).

As drogas psicotrópicas atuam no sistema nervoso de três formas: bloqueando os receptores de neurotransmissores, agindo como neurotransmissores ou impedindo o recolhimento e a destruição dos neurotransmissores nas sinapses isso pode causar o aumento da atividade cerebral ou diminuir drasticamente o funcionamento do mesmo e também podem destorcer a percepção da realidade.

A dependência física dessas drogas pode até levar à morte. As drogas aceitas pela sociedade também podem fazer mal ao organismo, como o álcool e a nicotina. A dependência de drogas leva a pedra de liberdade e põe o usuário em risco. Drogas Dislexia e Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) Desordens e Ansiedade Anorexia e Bulimia Depressão André Thomé Ferreira 8°A
Full transcript