Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Leitura e Produção de Textos Acadêmicos

No description
by

Wilka Soares

on 21 May 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Leitura e Produção de Textos Acadêmicos

A Leitura na academia
conhecer seus objetivos de leitura;
prática
tempo
paciência
pesquisa
leitura ativa
organização
A Leitura para aprender
Leitura e produção de seminário: facilita a reflexão, memorização e divulgação oral do conteúdo estudado
A produção escrita na academia
objetivos da escrita
organização textual
coesão e coerência
escrita formal
adequação ao gênero
Oralidade X Escrita
Leitura e produção de resumo: facilita a reflexão e memorização do conteúdo estudado.
Identificar suas deficiências, ler, estudar e praticar!
Pontuação
Ortografia
Concordância
Revisão textual
Leitura e Produção de Textos Acadêmicos
Leitura e produção de fichamento: facilita memorização e uso posterior do conteúdo escrito.
Leitura e produção de resenha: facilita a reflexão, memorização e futura divulgação das suas impressões acerca do texto estudado.
Normas ABNT (Site da UnP)
Domínio das ferramentas digitais
Vígula (,)
A principal regra para o emprego da vírgula é esta:

Não se separa o sujeito do verbo e o verbo de seus complementos.
Ex: Marina, quando chegou da escola ontem, foi correndo ligar a televisão.
A oração principal é: “Marina foi correndo ligar a televisão”. Veja que há duas vírgulas isolando a oração subordinada para que o sujeito não se separe do verbo.
Ex.: Vou viajar amanhã, isto é, se não houver nenhum contratempo.
Para isolar adjuntos adverbiais quando a eles se quer dar ênfase.
Para separar elementos de um provérbio.
Ex.: Tal pai, tal filho.
Depois do sim e do não, usamos como repostas, no início da frase.
Ex.: Sim, vou a Curitiba.
Não, não vou a Curitiba.
Ponto. Aspas. Parênteses
"isso não tem haver" X"isso não tem a ver"?; "ele não sabe lidar com o problema" X "ele não sabe lhe dar com o problema";
"as pessoas encontrão situações complicadas" X "as pessoas encontram situações complicadas";
"a situação foi mau resolvida" e "ele é um mal elemento" X "a situação foi mal resolvida" e "ele é um mau elemento";
"o governo não investe como deveria em educação, mas cobra muitos impostos" X "o governo não investe como deveria em educação, mais cobra muitos impostos".
"consciente" X "consiente", "siguinificar"X"significar", "extresse"X"estresse", "supérfulos"X"supérfluos".

"encomum" X "em comum",
"com certeza"X"concerteza", "encontra partida"X"contrapartida", "apartir" X "a partir",
"por isso" X "porisso".
concordância do verbo com a palavra que vem imediatamente antes dele, como, por exemplo, "a participação dos manifestantes foram muito importantes" ou "as roupas da Joana é muito bonita". A dica para fugir desse erro é: lembrar que o verbo concorda com o núcleo do sujeito. “Nas frases anteriores, 'participação' é o núcleo do sujeito da primeira frase, por isso, o verbo fica no singular. Na segunda frase, 'roupas' é o núcleo do sujeito, então o verbo fica no plural”.
Escreva um resumo de suas aulas esta semana sobre o tema "O que é história?" -15 a 20 linhas
“Estava assistindo ao debate na televisão dos candidatos ao governo de São Paulo, eles mais se acusavam moralmente do que mostravam suas propostas de governo, em um certo momento do debate dois candidatos quase partem para a agressão física. Dessa forma, isso nos leva a concluir que o homem não consegue conciliar idéias opostas é por isso que o mundo vive em guerras freqüentemente.”

“Estava andando sozinho na rua, ouvi passos atrás de mim, assustado nem olhei, saí correndo, era um homem alto, estranho, tinha em suas mãos uma arma...”

A falta de coerência se dá normalmente: Na inverossimilhança, falta de concatenação e argumentação falsa.


Fonte: Coesão e coerência. Disponível em: http://www.tudosobreredacao.com.br.
Mecanismos de coesão
"O Presidente foi a Portugal em visita. Em Portugal o presidente recebeu várias homenagens."
* por referência: "O Presidente foi a Portugal. Lá, ele foi homenageado."
* por elipse: "O Presidente foi a Portugal. Lá, foi homenageado."
* lexical: "O Presidente foi a Portugal. Na Terra de Camões foi homenageado por intelectuais e escritores."
* por substituição: "O presidente viajou para Portugal nesta semana e o ministro dos Esportes o fez também."
*por oposição: Empregam-se alguns termos com valor de oposição (mas, contudo, todavia, porém, entretanto, contudo) para tornar o texto compreensível.
* por concessão ou contradição: São eles: embora, ainda que, se bem que, apesar de, conquanto, mesmo que.
* por causa: São eles: porque, pois, como, já que, visto que, uma vez que.
* por condição: São eles: caso, se, a menos que, contanto que.
* por finalidade: São eles: para que, para, a fim de, com o objetivo de, com a finalidade de, com intenção de.
Full transcript