Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Segregação & Desagregação

No description
by

Alisson Pereira

on 4 August 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Segregação & Desagregação

Segregação & Desagregação
No Concreto

Patologias
Muitas vezes das interações de todos os componentes do concreto resultam anomalias que podem comprometer o desempenho da estrutura, provocar efeitos estéticos indesejáveis ou causar desconforto psicológico nos usuários, são denominadas patologias.
Como Combater
• Preparação da superfície, que deve estar limpa e regularizada, não pode estar muito quente, de preferência levemente umedecida e deve ser uma base sólida e firme;
• A aplicação conjunta destes conceitos deverá evitar o aparecimento desta patologia que acontece com frequência em edificações antigas e até mesmo novas;
• Importante: norma é sinônimo de qualidade e economia, enquanto a falta de qualidade significa desperdício e custo extra.
• Se apenas parte do piso estiver com o problema, pode-se recortar e refazer apenas a área afetada. Caso a patologia se encontre em todo o piso, deve-se estudar a possibilidade de refazê-lo por inteiro.
• Outras alternativas como a aplicação de aditivos endurecedores de superfície, injeções para tratamentos de fissuras, retrofit ou mesmo a técnica conhecida como overlay devem ser estudadas levando-se em conta o custo x benefício da solução, a degradação apresentada no piso etc.
• Overlay: consiste em aproveitar o existente como base e sobrepor uma nova capa de concreto, dando uma nova vida por mais 20 anos.
As Normas
A NBR 14931 em sua novíssima versão de março/2003, estabelece algumas generalidades em seu item 9.5.1:
• O concreto deve ser lançado o mais próximo possível do seu local definitivo;
• Em nenhuma hipótese o lançamento deve ocorrer após o início de pega do concreto;
• O lançamento deve ser feito de maneira uniforme nas fôrmas, evitando a concentração e deformação das mesmas;
• Devem ser observados cuidados no lançamento quando a altura de queda livre for superior a dois metros. Neste caso recomenda-se o uso de funis, calhas ou trombas;
• Lançamento nas fôrmas deve ser feito em camadas de altura compatível com o adensamento previsto.
ºtemperaturas de lançamento (NBR 7212)
º interrupção do lançamento, formação de juntas frias (NBR 14931)
º densidade das armaduras (NBR 14931).

O Concreto
Concreto é basicamente o resultado da mistura de cimento, água, pedra e areia, sendo que o cimento ao ser hidratado pela água, forma uma pasta resistente e aderente aos fragmentos de agregados (pedra e areia), formando um bloco monolítico.

Com a revisão das Normas de concreto, um conceito antigo é colocado no topo das prioridades no Brasil: a durabilidade. Para que este conceito seja realmente implementado em uma obra, tanto o projeto quanto a execução têm parcelas de contribuição e, por isso, alguns cuidados são imprescindíveis em ambas as fases.
Neste trabalho, abordaremos a importância das práticas de lançamento, adensamento e cura na qualidade e durabilidade do concreto, bem como procedimentos que podem minimizar o efeito de segregação e desagregação, que são patologias do concreto que quando não prevenidas, podem trazer gastos futuros com manutenção e retrabalho para o proprietário.

A Segregação
Dentre os vários tipos de patologias, pode-se destacar a segregação. Que ocorre quando a mistura dos componentes do concreto se torna heterogênea. Fato que também ocorre com misturas de concreto por excesso de vibração durante o adensamento ou lançamento em alturas elevadas.

A desagregação é uma patologia caracterizada pela perda da capacidade aglomerante do cimento, ocorrendo o destacamento dos agregados. Via de regra, a desagregação ocorre quando existe um ataque de origem química (por sulfatos ou cloretos, por exemplo).
Daí a importância dos especialistas (engenheiros tecnologistas em concreto), para, em conjunto com o projetista, estabelecer as propriedades requeridas pelo concreto (de acordo com o tipo de estrutura e meio ambiente em que está inserida, bem como o planejamento da concretagem, até a cura final.

Quais as Causas e Como Combater.
º O combate ao problema começa na dosagem
º Quanto melhor o preenchimento entre os agregados menor o volume de vazios e portanto, mais difícil para os grãos se separarem.
º excesso de argamassa eleva o consumo de água, reduzindo a resistência.
º se o transporte for feito por calhas ou bombeamento, é preciso dosar o concreto com um pouco mais de argamassa, prevendo as perdas nesta etapa.
º O teor adicional depende da distância ou altura a serem percorridas, mas costuma variar entre 2 e 4%.
º É incorreto que ao invés de corrigir o teor de argamassa se adicione água em excesso, o que diminui a viscosidade do concreto, facilitando a separação das fases e causando entupimentos das tubulações de bombeamento.
º Já no transporte por carrinho, é recomendável que o equipamento tenha pneu de borracha para diminuir o impacto com o terreno.

Fatores que Causam a Desagregação
• Ataques químicos, como o de sulfatos;
• Reação álcali-agregado;
• Águas puras (águas que evaporam e depois condensam) e as águas com pouco teor de sais (águas de chuva), que arrancam-lhe sais pelos quais são ávidas;
• Águas servidas (esgotos e resíduos industriais) em dutos e canais, em função da formação, dentre outros, do gás sulfídrico (H2S ⇒ bactérias ⇒ H2SO4);
• Micro-organismos, fungos e outros, através de sua ação direta e suas excreções ácidas;
• Substâncias orgânicas como: gorduras animais, óleos e vinho;
• Produtos altamente alcalinos (mais raramente).
• Exsudação do concreto
• Baixo teor de cimento
• Areia contaminada com matéria orgânica
• Excesso de água de amassamento
• Falta de cura
• Aplicação de concreto vencido
• Aplicação de concreto vencido
• Água de amassamento contaminada

Introdução
A Desagregação
Conclusão
A evolução da construção civil vem com o objetivo de reduzir custos desde a parte do planejamento, execução das obras, até o pós-obra. Contudo evitar retrabalhos no pós-obra é essencial para a redução desses custos, que têm como maior vilão as patologias, que quando não prevenidas podem trazer muitos custos ao empreendedor. Com isso em vista, é imprescindível tomar medidas preventivas e estudar novas formas de prevenir essas patologias. O foco nessa prevenção com certeza traria um custo-benefício extremamente relevante ao empreendedor, porém muitos ainda não conseguem ter essa visão e insistem em não tomar essas medidas. O que cabe aos profissionais da área é conscientizar os demais para que tenhamos uma construção civil melhor a cada dia.
Full transcript