Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Realismo

No description
by

Andresa Notari

on 1 August 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Realismo

Realismo
Realismo
Os românticos idealizaram uma sociedade, uma nação, para fortalecer o sentimento nacionalista. A estética romântic acabou cansando, tanto os leitores, quanto os autores.
Assim, surgiu um movimento artístico que buscou retratar fielmente a realidade, tal qual uma descoberta desse mesmo período: a fotografia.
Contexto histórico e social
O Realismo surgiu num momento de grandes conquistas científicas e de novas formas de pensar o mundo, de novas ideologias. A crescente industrialização incrementou a economia das grandes nações do mundo; o avanço tecnológico e científico gerou alterações na estrutura econômica dos países; a burguesia urbana vivia em meio ao luxo, aproveitando-se das regalias dde seu poder aquisitivo. O capitalismo ganhou forças e o operariado travou importantes lutas, reivindicando melhores e mais justas condições de trabalho. Nesse período também começaram as contradições da urbanização, visto que as cidades cresciam, sem o devido planejamento. As classes menos privilegiadas viviam sem as míninas condições de conforto e higiene, enquanto a burguesia desfrutava de conforto e luxo. Assim, a literatura realista emergiu com uma postura crítica em relação à burguesia e à degradação das condições de vida da nova classe social, o proletariado, que sustentava e mantinha aqwueles pelo trabalho.
Características
As características do Realismo são praticamente às opostas ao Romantismo:
O foco de interesse deslocou-se de dentro para fora, do interior do dujeito para a realidade que o modela, incluindo-se aí as classes sociais inferiores e as funções triviais do dia-a-dia.
O Realismo surge na Arte em meados do século XIX, refletindo a necessidade do artista abandonar uma visão subjetiva e emotiva da vida. Camposneses e trbalhadores apareceram nas pinturas desse período.
O Realismo na Arte
La Belle Époque
A industrialização, o capitalismo e o progresso econômico contriuíram para a maneira de agir na França no final do século XIX até a Primeira Guerra Mundial. A peocupação com o luxo, os bens materiais, eventos culturais e um relaxamento moral caracterizaram a burguesia urbana da belle époque.
No Brasil a ligação com a França é profunda nesta fase da História. Entre os membros da elite brasileira, era inconcebível não ir a Paris ao menos uma vez por ano, para estar sempre a par das mais recentes inovações. Mudanças profundas marcam o cotidiano da Belle Époque, provocadas pelo aparecimento de novas tecnologias como o telefone, o telégrafo sem fio, o cinema, a bicicleta, o automóvel, o avião, entre outras invenções. Paris se torna o centro cultural mundial, com seus cafés-concertos, balés, operetas, livrarias, teatros, boulevards e a alta costura inspirando e influenciando várias regiões do Planeta. Toda a elite intelectual consome avidamente os livros de Baudelaire, Rimbaud, Verlaine, Zola, Anatole France e Balzac, uma referência existencial para os que estavam sintonizados com os ares da Belle Époque.
Objetividade e impessoalidade: neutralidade diante do que está sendo narrado;
Racionalismo: influenciados pelo racionalismo científico da época, fazem uma investigação objetiva dos indivíduos;
Visão do todo-social: busca encadear os acontecimentos socioecômicos (tipos sociais);
Retrata a vida contemporânea: o homem de seu tempo, dos cortiços, das fábricas, da política, ao contrário dos românticos que tinham fascínio pelo passado histórico;
Detalhes das cenas: atenta para o ridículo que perpassa aos olhos comuns. Com isso, desenvolve a tecnica da narrativa lenta, minuciosa.
Full transcript