Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Análise do Poema "Cristalizações

No description
by

ricardo ribeiro

on 25 May 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Análise do Poema "Cristalizações

Fig 1. Calceteiros
-Poema cosntituido por quintilhas.

-Todos os versos têm 10 silabas métricas, exepto o primeiro de cada estrofe que tem 12.

-Todas as estrofes têm rima cruzada, rima emparelhada, e rima enterpulada.

-Todas as rimas são graves.

-Coesiste a rima rica e a rima pobre em todas as estrofes.
Análise Formal

Tema e assunto
Todo o poema é um hino a estes trabalhadores que abandonaram as lezírias, os montados, as planícies, as montanhas para com "os grossos maços" partirem a pedra "com que outros" fazem a calçada. Trata-se de um trabalho duro, moroso, ininterrupto - "
O posicionamento do sujeito poético face aos calceteiros, embora lhes reconheça aspectos quase que animalescos, é de uma empenhada solidariedade.
Dimensão Social
Neste poema é nos mostrado a classe trabalhadora, que é pobre e que vive em ruas com poucas condições, ao contrário do poema "Num Bairro Morderno"
Espaço e Tempo
-O espaço é a rua por onde o poeta diambulava, por vezes o poeta também pensa no campo.

-No tempo este poema situa-se na Primavera:


"Faz frio, Mas, depois duns dias de aguaceiros
Vibra uma imensa claridade nua."
Cesário Verde
Análise do Poema "Cristalizações"
Tema e assunto
Tema: Quadro dos trabalhadores pobres

Assunto: O título deste poema poderia ser "Num Bairro Proletário", como contraste a "Num Bairro Moderno". Enquanto nessse poema o sujeito poético nos conduz através de um bairro burguês com as suas casas apalaçadas e os seus mordomos, em "Cristalizações", deambulamos por entre "Uns barracões de gente pobrezita / E uns quintalórios velhos com parreiras" que se situam nuns "sítios suburbanos, reles!"
Aspetos da Linguagem
"Rijos, ásperos, cantantes": verso 20
"Morosos, duros": verso 21

Nestes 2 versos existe a tripla e a dupla adjetivação tal como acontecia nos Maias.
Aspetos da Linguagem
"As árvores despidas." : Metáfora

Este recurso Linguístico também é frequentemente utilizado nos Maias.
Aspetos do Realismo
Este poema pertence ao realismo porque retrata a realidade como ela é, porque fala da realidade de trabalho dos calceteiros e dos restantes trabalhadores daquela rua usando muita adjetivação, e ainda podemos ter uma comparação entre as classes mais ricas e as pobres.
Imagem
Exemplo:
1-Faz frio. Mas depois, duns dias de aguaceiros,
a /nome
2-Vibra uma imensa claridade crua.
b / adjetivo
3-De cócoras, em linha os calceteiros,
a /nome
4-Com lentidão, terrosos e grosseiros,
a /adjetivo
5-Calçam de lado a lado a longa rua.
b /nome

1-3-Rima cruzada/Rima pobre
2-5-Rima enterpulada/Rima rica
3-4-Rima emparelhada/Rima rica
Full transcript