Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

A SEMÂNTICA DOS NOMES SEM DETERMINANTES NO PB

No description
by

Rivanildo Silva

on 25 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of A SEMÂNTICA DOS NOMES SEM DETERMINANTES NO PB

PRESSUPOSTOS
REFERENCIAL TEÓRICO
OBJETIVOS
DESCRIÇÃO DO TRABALHO
CORPUS DE ANÁLISE
Porfater – corpus de análise linguística constituído de uma amostra da fala de teresinenses, desenvolvido pelo Centro de Ciências Humanas e Letras da Universidade Federal do Piauí (UFPI)
RESULTADOS
ESPERADOS
A SEMÂNTICA DOS NOMES SEM DETERMINANTES NO PB
Orientadora: Profª Drª Nize Paraguassu Martins
Rivanildo da Silva Borges
A linguagem é uma capacidade inata da espécie humana que resulta de um conhecimento específico que o falante tem;
O significado é resultado da relação da língua com o mundo - sentido e referência;
As denotações obedecem o princípio da composicionalidade.
METAS
Textos de Semântica Formal sobre a denotação dos nomes nas línguas naturais: Müller (1986, 2001, 2002. 2003) e Oliveira & Mezari (2012);
Textos que discutem se os nomes sem determinantes licenciam interpretação genérica e/ou existencial: Schmitt & Munn (1999, 2002), Müller (2001, 2002) e Oliveira & Mezari (2012);
Textos que discutem se os nomes sem determinantes denotam espécie ou são indefinidos genéricos: Schmitt & Munn (1999, 2002), Oliveira & Mezari (2012), Müller (2001, 2002).
GERAL: investigar a semântica dos nomes sem determinantes no PB.
ESPECÍFICO: apontar as interpretações que esses nomes licenciam e os contextos em que eles são empregados no português brasileiro falado em Teresina.
No PB, os nomes podem aparecer sem determinantes na forma de plural nu:
(1) João comprou batatas.
Exemplo
E na forma de singular nu:
Exemplo
(2) O que João fez hoje de manhã?
a. Ele comprou carne.
b. Ele tirou fotografia.

Investigar se esses nomes sem determinantes:
Denotam espécie ou indefinido genérico;
São empregados na posição de sujeito e/ou objeto;
Licenciam interpretações genéricas e/ou existenciais.
Contribuição para a teoria linguística relacionada à denotação dos nomes no PB e nas línguas naturais em geral;
Avanço no conhecimento das abordagens formais .
Full transcript