Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Copy of Discurso e Cultura na Aula de Língua (Serrani, 2005)

Capítulo 2 - Currículo: Proposta Intercultural e Discursiva.
by

maria riera

on 2 April 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Copy of Discurso e Cultura na Aula de Língua (Serrani, 2005)

Capítulo 2
CURRÍCULO: PROPOSTA INTERCULTURAL
E DISCURSIVA

"O conhecimento linguístico não é o único abjetivo do ensino de língua". (pag. 29)
"Para que a língua seja um bom instrumento,
é preciso considerá-la muito mais
que um mero instrumento. Ela é matéria prima da constituição identitária" (pag.29)
"Quem aprende uma nova língua,
adquire uma nova alma"
Juan Ramón Jiménez
Há necessidade que o professor proporcione espaços de discussões sobre a
cultura
, a
memória
, a
identidade
, atreladas ao ensino de língua materna/estrangeira para levar os futuros professores a planejarem atividades fundamentadas em uma
abordagem integrada
entre os
componentes culturais
e os de
língua-discurso.
Proposta:
Modelo multidimensional e Inteculturalista para os cursos de Línguas (LM ou LE)
1° PASSO:
Partir sempre da cultura de origem dos estudantes!
Objetivo: estimular o estabelecimento de
pontes culturais
entre a cultura de origem e a cultura alvo, e, assim, garantir que o componente sócio-cultural tenha de fato um
papel significativo
nas aulas de língua, e não um simple
pretexto
!
Currículo Multidimensional = Currículo Unidimensional
Planejamento que segue somente uma progressão (ensino das regras, da descrição linguística,...)
Planejamento que enfoca não apenas uma, mas várias dimensões relacionadas entre si;
Inclusão da pluralidade e da diversidade;
Requer um olhar profundo sobre os conteúdos e as práticas em sala de aula
Proposta Intercultural
3 Componentes:
Componente Intercultural;
Componente Língua-discurso;
Componente de Práticas Verbais.
1) Componente Intercultural
O componente intercultural deve aconteçer
antes
ou
concomitantemente
ao componente específico de linguagem.

Assim, ao invés de partir de elementos do sistema
da língua em questão, as reflexões iniciais são:

Que conteúdos e contextos sócio-culturais estão previstos?

Quais gêneros discursivos estarão em foco?
Espaço no qual o sujeito-aprendiz terá oportunidade em estudar não somente a cultura da língua estrangeira, mas também os grupos sociais e sujeitos pertencentes a esse mundo novo.
Três eixos temáticos:
1) Componente Intercultural
(1.1) Territórios, espaços e momentos: refletir sobre os diferentes contextos sociais, temporais e espaciais.

(1.2) Pessoa e grupos sociais: não só a identificação de grupos socias, mas também a identificação de distintas perspectivas discursivas de dentro quanto de fora dos grupos considerados.
(1.3) Legados Socioculturais. É preciso pensar uma didática de línguas na qual "funcionar em uma língua" seja uma finalidade necessária, mas não suficiente. É preciso compreender, no estudo da língua, a dimensão dos legados culturais e da relação identitária, social e emocional com contextos regionais ou nacionais
2) Componente Língua-Discurso
Interdipendência entre MATERIALIDADE LINGUÍSTICA e PROCESSOS DISCURSIVOS
Representa o sistema fonológico e morfossintático, o que se representa no fio do discurso (intradiscurso)
as posições enunciativas, que ocorrem em contextos sociohistóricos e subjetivos; eixo vertical do dizer (interdiscurso)
O sujeito-aprendiz terá consciência em relação à :
diversidade lingüística de uma língua,
heterogeneidade que a constitui,
diferentes condições de produção do discurso,
de como é realizada a tomada de palavra pelos falantes e em quais situações é permitido dizer determinados discursos
(em uma escola, em uma instituição jurídica, comercial... ).
3) Componente de Práticas Verbais
Referente às atividades mais recorrentes em uma aula de língua:
produção oral e escrita, compreensão auditiva, leitura e também tradução
Para que a propriedade multidimensional do Curriculo se concretize, as práticas verbais devem ser
interdipendentes
com os componentes intercultural e de língua-discurso.
Full transcript