Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Extra baixa tensão de segurança

No description
by

Allan Ferreira

on 12 November 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Extra baixa tensão de segurança

Extra Baixa Tensão
de Segurança
Riscos elétricos
Proteção contra choques elétricos
SELV (do inglês "separated extra-low voltage"): Sistema de extrabaixa tensão que é eletricamente separado da terra, de outros sistemas e de tal modo que a ocorrência de uma única falta não resulta em risco de choque elétrico.
PELV (do inglês "protected extra-low voltage"): Sistema de extrabaixa tensão que não é eletricamente separado da terra mas que preenche, de modo equivalente, todos os requisitos de um SELV.
Proteção contra choques elétricos
Locais contendo banheira ou chuveiro

Em banheiros, essencialmente, é necessária a observação de distâncias seguras entre os pontos de tomada e “áreas molhadas” como boxes de chuveiro e banheiras.
Classificação dos volumes
Choque elétrico
O choque elétrico é a pertubação de natureza e efeitos diversos que se manifesta no organismo humano quando este é percorrido por uma corrente elétrica. Os efeitos do choque elétrico variam e dependem de:
percurso da corrente elétrica pelo corpo humano;
intensidade da corrente elétrica;
tempo de duração;
área de contato;
frequência da corrente;
condições da pele do indivíduo.
Extra baixa tensão
É comum o emprego da tensão de 24 V para condições de trabalho desfavoráveis, como trabalho em ambientes úmidos. Tais condições são favoráveis a choque elétricos nestes tipos de ambiente, pois a resistência do corpo humano é diminuída e a isolação elétrica dos equipamentos fica comprometida. Equipamentos de solda empregados em espaços confinados, como solda em tanques, requerem que as tensões empregadas sejam baixas.
Segurança em Instalações Elétricas
Acidentes fatais
ocorridos no SEP
segundo a
Fundação COGE
(Comitê de Gestão
Empresarial)
Segurança em Instalações Elétricas
136 (7,84%) de 1736 acidentes do trabalho analisados em 2003 estavam associados à corrente elétrica.

Reforça que a eletricidade é "perigosa" com grau risco que pode levar a acidentes fatais.
Segurança em Instalações Elétricas
Aplicam-se as indicações das normas:

- ABNT NBR 5410 (Instalações elétricas de baixa tensão)

- Nr 10 (Norma Regulamentadora nº10)

Portaria Nº 598, do MTE, em vigora a partir de 7 de dezembro de 2004.
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG

Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Candidato: Allan Ferreira Pinto
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Referências Bibliográficas
ABNT. Normas de Instalações Elétricas de Baixa Tensão – NBR 5410.
CREDER, H. Instalações Elétricas. 15ª ed. Rio de Janeiro: Ed. LTC, 2007.
LIMA Filho, Domingos Leite. Projetos de Instalações Elétricas Prediais. 9ª ed. São Paulo: Editora Érica, 2005.
MAMEDE Filho, João. Instalações Elétricas Industrias. 6ª ed. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos Editora, 2002.
NISKIER, Julio; MACINTYRE, Archibald Joseph. Instalações Elétricas. 4ª ed. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos Editora, 2000.
NR 10 – SEGURANÇA EM INSTALAÇÕES E SERVIÇOS EM ELETRICIDADE - Portaria GM n.º 598, de 07 de dezembro de 2004.
Segurança em Instalações Elétricas
A NR 10 estabelece requisitos e condições mínimas objetivando a implantação de medidas de controle e sistemas preventivos, de forma a garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores que, direta ou indiretamente, interajam em instalações elétricas e serviços de eletricidade.
Análise preliminar de riscos - Conceitos básicos
Perigo: condição que pode provocar danos.
Risco: medida de perda econômica e/ou danos para a vida humanda.
Análise de risco: estimativa, qualitativa e quantitativa do risco.
Avaliação de riscos: comparação do resultado da análise de riscos com critérios de tolerabilidade previamente estabelecidos.
Gerenciamento de riscos: formulação e execução de medidas e procedimentos com o objetivo de prever, controlar ou reduzir os riscos.
AT - BT - EBT

Alta Tensão (AT) - tensão superior a 1000 VAC ou 1500 VCC.
Baixa Tensão (BT) - tensão superior a 50 VAC ou 120 VCC
Extra Baixa Tensão (EBT) - tensão não superior a 50 VCA ou 120 VCC.
Proteção por extra baixa tensão
A proteção por extra baixa tensão consiste em empregar uma fonte da baixa tensão ou uma isolação elétrica confiável, se a tensão extra baixa for obtida de circuitos de alta-tensão.
A tensão extra baixa é obtida tanto através de transformadores isoladores como de baterias e geradores.
Esta situada abaixo de 50 V.
Proteção por extra baixa tensão
Certos critérios devem ser observados quanto ao uso deste tipo de proteção, como por exemplo:
não aterrar o circuito de extra baixa tensão;
não fazer ligações condutoras com circuitos de maior tensão;
não dispor os condutores de um circuito de extra baixa tensão em locais que contenham condutores de tensões mais elevadas.
Proteção contra choques elétricos
Locais contendo banheira ou chuveiro
No Volume 0, somente é admitida uma tensão máxima de 12 V, sendo que essa fonte deve ser instalada fora do Volume 0.
Nenhum dispositivo de proteção, comando ou seccionamento pode ser instalado nos Volumes 0, 1, e 2. Desta forma, quaisquer tomadas, excetuando-se a TUE do chuveiro, devem ser colocadas no Volume 3. O mesmo é válido para comandos de iluminação (interruptores).
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Medidas de controle do risco elétrico
Desenergização;
Aterramento;
Equipotencialização;
Seccionamento automático da alimentação
Dispositivo de proteção DR;
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Proteção por barreiras ou invólocros
Proteção contra choques elétricos
Locais contendo banheira ou chuveiro
Os equipamentos de iluminação instalados neste locais, devem ser especialmente projetados para esse uso, de forma que, quando instalados não permitam que o excesso de umidade se acumule em condutores, porta-lâmpada (receptáculo) ou em outras partes elétricas.
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Conclusão
Na execução de determinados trabalhos em locais úmidos ou encharcados, deve-se usar tensão não superior a 24 V, ou transformador de segurança (isola eletricamente o circuito e não permite correntes de fuga).
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
Campus X - Curvelo - MG
Zona Tempo x Corrente – Gráfico
Choque elétrico
Zona Tempo x Corrente – Zonas de gravidade

Zona 1– Normalmente, nenhum efeito perceptível.
Zona 2 – Sente-se a passagem da corrente, mas não se manifesta qualquer reação do corpo humano.
Zona 3 – Zona em que se manifesta o efeito de agarramento. Todavia, não há sequelas após interrupção da corrente.
Zona 4 – Probabilidade, crescente com a intensidade e duração da corrente, de ocorrência do efeito mais perigoso do choque elétrico, que é a fibrilação ventricular.
Full transcript