Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Características do Consultor Empresarial

No description
by

Gabriela Rezende

on 3 October 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Características do Consultor Empresarial

Características do Consultor Empresarial Grupo 6
Francyelly
Gabriela
Maria Alice
Natana Turma 19A
Thaís
Ynara 6.2 Vocação de Consultor Questionamento da vocação para o ramo da consultoria empresarial!

Consultor empresarial: é o agente de mudanças externo à empresa cliente que assume a responsabilidade de auxiliar seus executivos e profissionais no processo decisório, não tendo, entretanto, o controle direto da situação. 6.3-Características básicas do consultor Características comportamentais- forma como o consultor se posiciona frente aos diversos tipos de situações;

Características de habilidade-jogo de cintura do consultor para otimizar resultados;

Características de conhecimento-nível de preparo do consultor para otimizar o resultado inerente a situação apresentada. Qual é a sua? Integridade



Valor Felicidade 6.3.1-Características comportamentais A)Ter atitude interativa perante as diversas situações que as empresas colocam a sua frente;
B)Ter uma atitude racional: Consultor depressivo;
Consultor paranoico;
Consultor compulsivo;
Consultor esquizofrênico;
Consultor dramático;
Consultor místico.
Racionalidade importante característica do consultor empresarial! Análise de atitudes irracionais Maria Alice Adequado processo de auxílio na tomada de decisões e do estabelecimento de prioridades O que pode e o que não pode ser feito?
Ter conhecimento efetivo
Gerenciar bem o tempo
Ser proativo e interativo "Não procure defeitos.
Procure soluções"
Henry Ford Estar preparado para imprevistos
Não tomar decisões apressadas e superficiais
Descrever a situação de forma adequada
Definir a situação problema Causa e efeito
Alternativas
Critérios
Planejamento
Acompanhar as etapas
Não impor situações Situação Atual


Situação desejada Pensamento Cartesiano Pilar do trabalho de consultoria Regra da Evidência

Não aceitar nenhum fato como verdadeiro enquanto não houver evidência da verdade Regra da análise

Dividir as dificuldades para melhor resolvê-las Regra da sínteseAvançar em degraus no pensamento: do mais simples para o mais complexo, do conhecido para o desconhecido Regra do controle

Enumerações e avaliações completas e gerais para ter certeza que nada está sendo omitido c. ter processo adequado de autocontrole administrativo e estratégico - O consultor deve sempre manter o autocontrole, o que é responsável pelo planejamento e organização da empresa. Esse controle pode ser dividido em: ideal, o que deve ser esperado de certa ação; e real, que avalia o que ocorreu após determinada ação.
- O controle ideal exige um planejamento: traçar objetivos, cronograma, orçamentos, estratégias, procedimentos e distribuição do poder. Já no controle real as informações são levantadas do mercado ou fornecidas pela empresa-cliente, para análise dos resultados. d. ter pensamento estratégico - Para adquirir o pensamento estratégico é necessário que o consultor tenha um raciocínio e uma lógica para visualizar desde os pequenos problemas até os mais relevantes para a construção de uma estratégia eficiente.
- Esse raciocínio do consultor é conquistado com o tempo e a experiência, porém o auxílio de uma boa equipe também é fundamental. e. ser um agente de mudanças
- Na criação de uma mudança empresarial acontece o estabelecimento de novos objetivos, missões, papéis e interações, para que isso ocorra de forma eficiente é necessário um período de treinamento e capacitação, que deve ser coordenado pelo consultor. f. ter intuição - Uma característica muito importante do consultor empresarial é a intuição e a capacidade de estar a frente dos acontecimentos, para que assim possa tomar as decisões certas para a resolução de determinado problema da empresa-cliente.


- O consultor deve ser firme e seguro em suas decisões, transmitindo a toda equipe confiança e capacidade para diminuir as dificuldades.
g. transmitir otimismo e segurança h. saber trabalhar em equipe - Para a resolução dos problemas da empresa-cliente é necessário que o consultor a reestruture tanto externa quanto internamente, para que isso ocorra com eficiência é necessário que o consultor saiba trabalhar em equipe e respeite as antigas posturas tomadas pela empresa.
- O consultor deve sempre trabalhar com o realismo, já que os problemas da empresa-cliente são reais.
- Frase a ser evitada: “Já tentamos isso, não vai dar certo”.
i. trabalhar com realismo j. saber trabalhar com aspectos quantitativos e qualitativos

- Além da análise quantitativa da empresa-cliente, é necessário que o consultor saiba avaliar as possibilidades de novos mercados, novos produtos e diversificações, o que define a análise qualitativa.


k. saber assumir responsabilidades

- Mesmo que o consultor não tenha responsabilidades diretas com os resultados obtidos pela empresa cliente, ele é responsável pelas propostas e técnicas que apresenta para operacionalizar as mudanças.

l. ter respeito

- O consultor deve respeitar os profissionais da empresa-cliente, para ter condições de propor, explicar e auxiliar a empresa na resolução de problemas.
j. saber trabalhar com aspectos quantitativos e qualitativos

- Além da análise quantitativa da empresa-cliente, é necessário que o consultor saiba avaliar as possibilidades de novos mercados, novos produtos e diversificações, o que define a análise qualitativa.


k. saber assumir responsabilidades

- Mesmo que o consultor não tenha responsabilidades diretas com os resultados obtidos pela empresa cliente, ele é responsável pelas propostas e técnicas que apresenta para operacionalizar as mudanças.

l. ter respeito

- O consultor deve respeitar os profissionais da empresa-cliente, para ter condições de propor, explicar e auxiliar a empresa na resolução de problemas.
Full transcript