Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Apareço, logo existo.

Apresentação da Tese "Fotografias que revelam imagens da imigração : pertencimento e gênero como faces identitárias"
by

Denise Silva

on 3 April 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Apareço, logo existo.

APAREÇO,
LOGO EXISTO

Fotografias que revelam imagens da imigração :
pertencimento e gênero como faces identitárias

Observar as continuidades e rupturas
ocorridas no tempo e no espaço
a respeito das construções identitárias,
de pertencimento e de gênero,
que envolvem imigrantes e descendentes
através da análise de suas fotografias.
Linguagem visual
Narrativa dos sujeitos
Imigrantes e descendentes:
Histórica
-
Alemanha e Itália no Brasil
Contemporânea
-
Brasil na Espanha
Objetivo principal
Metodologia:
análise sociocultural
Sujeitos Investigados
Contextos Específicos:
Brasil
-
Rio Grande do Sul
-
Porto Alegre e São Leopoldo
Espanha
-
Catalunha
-
Barcelona
Público-alvo:
Mulheres
CAMPO
FORA-DE-CAMPO
Dimensões encontradas no empírico
Enquanto objeto pessoal: relíquia, memória, tesouro familiar.

Enquanto dispositivo midiático: meio de comunicação, testemunho da realidade, memória, herança cultural, vínculo social, código visual.
Fotografia enquanto dispositivo midiático
Vínculo social
Acesso plural
Técnica
Código visual

Implicações inerentes à imagem fotográfica
Institui a era da visibilidade.
Constitui imagens que representam o mundo.
Promove a circulação dos sentidos.
Adquire um estatuto de verdade.
As imagens passam a ser a realidade.
As imagens legitimam as palavras.
Circula nos mais variados suportes.
Implica num modo de interpelar a sociedade fora do espaço-tempo em que foi concebida.
Possibilita uma presença pública e o sentido de permanência.
Estabelece ligações entre passado e presente.
Mantém viva a memória.
A fotografia permite que cada indivíduo construa a imagem que quer ser visto pelas outras pessoas.
Imagem pública (valores forjados no decorrer da história da humanidade, organizados na prática social).
Imagem publicada (o que é dado a conhecer às pessoas segundo os interesses dos MCM).
A fotografia permite uma aparência de participação, pois nos processos de sociabilidade, nos quais são forjadas as identidades, ela aparece como uma forma de resistência para subverter as modalidades de poder dos grandes meios de comunicação.
Fotografia e imigração
A fotografia possibilita aos indivíduos migrantes se reconhecerem como pertencentes a uma determinada cultura, que, mesmo longe, legitima a criação de regras de conduta e valores éticos e estéticos.
Os sujeitos migrantes são portadores de experiências culturais que selecionam momentos específicos para serem registrados, configurando memórias individuais e coletivas.
Retratos de família
Cronologia da vida humana.
Luta contra a finitude (irmãs do lar).
Marca cultural.
Elo de ligação familiar que ignora os limites espaciais e temporais.
Memória individual e coletiva.
Rememoração.
Profª Dra Denise Silva
Introdução à Fotografia
Full transcript