Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Metodologia da investigação sociológica

Sociologia 12ºC
by

Linda Gonçalves

on 13 November 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Metodologia da investigação sociológica

Metodologia da investigação sociológica
Definição do público-alvo da investigação Em sociologia, a investigação decorre por várias etapas que seguem uma determinada ordem:
Etapa 1 - Formular a pergunta de partida, tendo o cuidado de respeitar:
as qualidades de clareza
as qualidades de exequibilidade
as qualidades de pertinência
“Por, que razão alguns alunos faltam sistematicamente as aulas?”

Etapa 2 - A Exploração
A partir do momento que o problema está definido devemos tentar compreendere-lo refletindo sobre este problema e tentar obter informação que nos possa ajudar e resolver esse mesmo problema. È imperioso estudar o problema.

Etapa 3 - A problemática
Neste exemplo concreto é importante conversar com os alunos que faltam sistematicamente as aulas. Etapa 4 - A construção
Uma vez obtida a informação à cerca do problema, elaboramos razões lógicas que possam explicar esse problema, partindo da hipótese:
Os alunos faltam sistematicamente as aulas porque sentem que o diploma escolar, não lhe garante uma inserção qualificada futura no mercado de trabalho.

Etapa 5 - A observação
Depois de definidas hipóteses acerca do problema devemos proceder a seleção e aplicação dos instrumentos de observação.
Neste caso devemos entrevistar um ou dois alunos e analisar cada caso em profundidade.

Etapa 6 - Analises de informações
Depois obtida a informação, a fase seguinte é a análise da informação recolhida, tentar encontrar regularidades e repetições nas respostas, de modo a que possamos tirar algumas conclusões.
Etapa 7 - As conclusões
Finalmente a análise dos dados permite-nos a retirar conclusões que correspondem às razões, porque o problema que estudámos acontecia. Essas conclusões poderão corroborar e validar as nossas hipóteses ou pelo contrário demonstrar que as razões subjacentes ao problema em estudo não são as razões que iniciámos à partida. Etapas de investigação Estratégias de investigação As etapas estruturantes de uma investigação científica, implicam necessariamente a construção do conhecimento, que passa pela formulação de hipóteses explicativas sobre os factos em estudo, a sua experimentação e verificação.

As etapas do procedimento a seguir implicam, a rotura com o senso comum, com os preconceitos, com o que julgamos natural e óbvio (por sermos seres sociais e portadores de uma espécie de intuição sobre aquilo que nos rodeia) e com o nosso etnocentrismo cultural. Uma vez despidos de todos os elementos enganadores de uma observação neutra da realidade social vamos percorrer novas etapas. Principais estratégias de investigação

Método de medida ou estratégia intensiva: este método “consiste no exame intensivo, tanto em amplitude como em profundidade, de uma amostra representativa de um determinado fenómeno social, recorrendo a todas as técnicas disponíveis”.

Nota: C. Greenwood, “Métodos de Investigação Empírica em Sociologia”, Análise Social n.11.

Método de medida ou estratégia extensiva: este método implica “ a observação, por meio de perguntas diretas (entrevistas) ou indiretas (questionários), de populações relativamente numerosas, colocadas em situações reias, a fim de obter respostas suscetíveis de serem manejadas, mediante uma análise quantitativa”.

Nota: P. Lazarsfeld, a Sociologia, Lisboa, Bertrand Estratégia de investigação intensiva que se caracteriza por uma investigação em profundidade, procurando-se o maior número de informações e exigindo uma grande proximidade entre investigador e investigado;
Estratégia de investigação extensiva que se caracteriza por um estudo sobre uma população mais extensa, a partir de uma amostra representativa do universo a estudar. É um estudo mais abrangente, generalista e menos profundo;

A escolha da estratégia de investigação:
Suponham que estão interessados em realizar um trabalho de pesquisa sociológica sobre o vosso bairro de residência.Em primeiro lugar terão que definir o objetivo do vosso trabalho, que poderá ser:
1. Conhecer a composição social dos seus moradores.
2. Encontrar causas para a rejeição por parte dos moradores da instalação de uma comunidade étnica nas suas proximidades. Estratégia de investigação-ação que se caracteriza pelo facto de o investigador fazer parte do grupo que pesquisa ,procurando soluções para os problemas a estudar, no decorrer dos trabalhos de investigação que vai realizando. A investigação sociológica,para ter credibilidade científica,percorre várias etapas,recorre a diferentes métodos e utiliza diversas técnicas,consoante o objeto de estudo. Concluindo... Universo e amostra

Quando o universo a estudar (toda a população que interessa considerar para o problema selecionado) é demasiado extenso, recorre-se a uma amostra representativa que é um subconjunto populacional com as mesmas características e distribuição igual à do universo. Quando se inquire uma amostra representativa, diz-se que se faz uma sondagem de opinião.

Definições:
Publico alvo: o público-alvo constitui o conjunto de indivíduos sobre os quais assenta a nossa investigação. À totalidade dos indivíduos que constituem o nosso público-alvo chama-se o universo.

Investigação por amostragem: a investigação por “amostragem” consiste em interrogar um subconjunto da totalidade da população que interessa aos objetivos de investigação. Esse subconjunto populacional , a amostra, deverá apresentar as características da totalidade da população para que, depois de tiradas as conclusões sobre a amostra, seja válido alargá-las a toda a população. Em sociologia, para obter informação sobre os fenómenos em estudo. Utilizam-se basicamente dois processos: a documentação e a observação.

Documentação
Na investigação sociológica, o investigador deverá procurar munir-se de toda a informação. Existente sobre o problema em estudo, para isso deverá fazer uma pesquisa documental.
Feita essa pesquisa, deverá estudar os elementos obtidos analisá-los interpretá-los, para poder fazer, uma análise do conteúdo.
Vamos ver dois exemplos de análise do conteúdo como uma imagem da realidade social:
O primeiro estudo foi realizado, por Lowenthal que se propôs buscar um indício de mudança cultural, baseando-se no conteúdo das comunicações. Através desse estudo conseguiu averiguar as preferências do público em cada período.
O segundo estudo foi realizado por White em 1949 para inquirir o diferente peso dos valores pelos quais Hitler e Roosevelt atraíam os seus públicos, antes do início da segunda guerra mundial.
A análise do conteúdo ocupa um lugar cada vez maior na investigação social porque possibilita o tratamento metódico de informações com um certo grau de complexidade e de profundidade. Modos de produção da informação em Sociologia - Técnicas Observação
A observação compreende o conjunto das operações através das quais o modelo de analise e confrontado com dados observáveis.
Na observação é importante obter informação de uma forma que permita aplicar-lhes posteriormente o tratamento necessário á verificação das hipóteses. Podemos distinguir dois tipos de investigação:

A observação participante/observação direta:
A observação participante é uma técnica que se baseia na recolha de elementos de informação, a partir da observação feita por um pesquisador que se encontra intencionalmente no grupo a observar, ou dele fazendo efetivamente parte.

A observação não participante / observação indireta:
A observação não participante recorre à recolha de informação, sem que o cientista tenha de inserir no grupo a observar. Entre as técnicas que constituem a observação não participante, destacamos a entrevista e o inquérito por questionário. Sintetizando...
Na realização de um questionário devemos seguir algumas fases ou etapas que,não sendo coincidentes para todos os autores e cientistas sociais,resumem-se, a:
definição dos objetivos do questionário e das hipóteses de trabalho que queremos validar;
determinação do número e contrução da amostra;
redação das questões,
formação dos inquiridores, o que implica aprender a dirigir-se aos inquiridos e a não influenciar as respostas;
aplicação do questionário,
codificação dos questionários para que não possam ser identificados;
tratamento das informações recolhidas;
validação da amostra,no sentido de verificar se é válida;
análise dos resultados;
redação do relatório. Amostragem e amostra: a esta técnica, que consiste em inquirir um subconjunto, considerando as suas opiniões representativas de todo o universo, chamamos técnica de amostragem. Ao subconjunto inquirido, tirado do universo, designamos por amostra. A entrevista

•É um processo utilizado para a recolha de dados em investigação social;

•Consiste num método de recolha de informações que decorre de conversas orais. Estas conversas (com pessoas selecionadas) permitem obter informações sobre factos ou sobre a forma como os entrevistados aprendem esses factos;

•Podem ser classificados de acordo com diferentes critérios. Uma das classificações mais divulgadas divide as entrevistas em estruturadas e não estruturadas; As entrevistas estruturadas e não estruturadas

•As entrevistas são estruturadas se obedecerem a um esquema rígido previamente fixado, que o entrevistador deverá respeitar integralmente. Neste tipo de entrevistas, as questões são fechadas (o entrevistado não tem a possibilidade de desenvolver s resposta dada).

•Na entrevista não estruturada, as questões apresentadas são abertas. O entrevistador tem toda a possibilidade de exprimir e justificar livremente a sua opinião.


Costuma chamar-se às entrevistas estruturadas – entrevistas fechadas;
Ao contrário designa-se a entrevista estruturada por entrevista aberta;´
Antes de se fazer a entrevista, é necessário efetuar um conjunto de operações; O inquérito por questionário
•O inquérito por questionário destina-se a ser aplicado a um elevado número de indivíduos.
•Se queremos saber a opinião de meia dúzia de pessoas devemos utilizar a entrevista. Se quisermos saber a opinião não de seis, mas de sessenta pessoas, é impossível realizar entrevistas a todas elas. Nesse caso, torna-se mais fácil aplicar um inquérito por questionário a uma amostra representativa da população que pretendemos inquirir.
•O inquérito por questionário é uma das técnicas de pesquisa utilizada em Sociologia e consiste em apresentar um conjunto predeterminado de perguntas à população. Sociologia geral Sociologias especializadas Novos campos de investigação Sociologia Teoria sociológica que tem por objeto as seguintes áreas de estudo Teorias sociológicas que têm por objeto categorias específicas dos factos sociais Sociologia da família
Sociologia política
Sociologia do trabalho
sociologia da educação
Sociologia rural
Sociologia urbana
Sociologia do lazer
Sociologia do desvio
Sociologia da exclusão
Sociologia da discriminação
Sociologia do quotidiano
... Conceitos fundamentais
Sociologia dos grupos
Organização e estrutura social
Mudanças social
Métodos e técnicas de investigação social A investigação de qualquer fenómeno social,pelo facto de ele ser complexo e denso,exige a interdisciplinaridade, que consiste na ação integradora do contributo da várias ciências que, com "olhos" diferentes, fornecem informações sobre o fenómeno em estudo. Sociologia
12. Ano
Turma C
2012/2013




Prof.: Helena Fernandesºª Sabem quem fez este fantástico prezi?
Ana Rita Sarmento
Filipa Pinto
e Linda Gonçalves!
Obrigada pela vossa atenção! :)
Full transcript