Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Primeira República

No description
by

Mateus Neves

on 4 October 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Primeira República

Primeira República
HB.11
1889 - 1930
República da Espada
República Oligárquica
Governo provisório (1889 - 1891)
Marechal Deodoro da Fonseca

Medidas tomadas:
-Expulsão da família real do Brasil
-Fim da subordinação da Igreja
-Liberdade religiosa
-"Grande naturalização" (cidadania brasileira aos estrangeiros residentes no país)
-Instalação do registro civil e casamento civil
-Bandeira republicana
Bandeira Provisória da República (15 a 19 de Novembro 1889)
Bandeira da República Federativa do Brasil (19 de Novembro de 1889 até os dias atuais)
Regime político adotado: República Federativa

Províncias Estados

Estados Unidos do Brasil

Perfil conservador e oligárquico ("governo de poucos)

Eleições para a Constituinte (15 de setembro de 1890)


Primeira Constituição Republicana no Brasil
Propostas
dos
Militares
Desejo de mudança da economia brasileira

Romper o modelo agrário exportador


Formação e expansão do parque industrial

Taxas alfandegárias sobre importações aumentadas (exceção para matéria-prima e equipamentos)
Ministro Rui Barbosa
Emissão de papel-moeda sem lastro
Especulação financeira
Desvalorização da moeda
INFLAÇÃO
Fevereiro de 1891 Promulgada a Constituição

República representativa presidencialista e federativa




Eleitores: homens maiores de 21 anos
Exceções:
-Analfabetos
-Mendigos
-Militares de baixa patente
-Religiosos e mulheres
"Representantes do povo"
Chefe de estado e também Chefe de governo
Estados tem certa autonomia
Voto direto não secreto (população escolhe seu governante)

Congresso Nacional: Formado pelo Senado (não vitalício) e a Câmara dos Deputados legislativo

Superior Tribunal Federal judiciário

Presidente da República, mandato de 4 anos executivo


A breve presidência de Deodoro da Fonseca
Grupo civil - Republicanos históricos
Federalismo pleno
Militares
Fortalecimento do poder central
Prudente de Morais
Deodoro da Fonseca
Vice: Floriano Peixoto
Eleitos: Deodoro da Fonseca e vice Floriano Peixoto
Convivência difícil entre Deodoro e seu vice, até o fechamento do Congresso

Reação oposicionista:
Marinha ameaça bombardear o Rio de Janeiro

Deodoro renuncia, e o cargo é ocupado pelo vice, Floriano Peixoto
Governo Floriano Peixoto
Constituição de 1891:
Caso o presidente saia antes de 2 anos de mandato, o vice assume e convoca novas eleições

Floriano Peixoto não convoca as eleições e se mantém presidente


"Marechal de ferro"
Revolta da Armada (1893) Líder: Custódio de Melo
Ameaça de bombardear a capital, caso não convocasse eleições

Revolta foi sufocada pelo comando do próprio "marechal de ferro"

Revolução Federalista (ainda em 1893)
Partido Republicano Rio-Grandense ("Marechal de ferro")


Partido Federalista
Resultado: 12 mil mortes





Apelido vem da atuação enérgica contra opositores

Medidas tomadas em seu governo:
Afastamento de governadores leais ao ex-presidente
Reabertura do Congresso Nacional
Tabelamento de preços
Medidas tarifárias protecionistas (acesso ao crédito)
Prudente de Morais
Marca a transferência do poder para os cafeicultores
Realidade do governo de Prudente de Morais:
-Instabilidade financeira e política
-Preocupado em atender às demandas dos grandes proprietários
-Restaurar as finanças públicas, abaladas pelo Encilhamento

Política Oligárquica
Estabilização política veio do pacto entre as elites agrárias:

São Paulo (o mais rico)

Minas Gerais (o mais populoso)

Campos Sales (1898-1902) adotou a "política dos estados" ou "política dos governadores":


Presidente ajudava os governadores em seus projetos


Elegiam políticos de interesse do presidente para a Câmara e Senado


Comissão Verificadora de Poderes ("degola")


Presidente conseguia aprovação de leis que queria
"Política do café com leite": alternavam a presidência entre mineiros e paulistas

Como funcionava:
Coronéis garantiam a vitória de sua região pelo "voto de cabresto"
1910: Rui Barbosa PRP e governo bahiano Campanha Civilista
Hermes da Fonseca PRRS, Pinheiro Machado e PRM



vencedorm quis eliminar todos que foram contra sua candidatura:
"Salvar as instituições republicanas" daí a "política das salvações"

continuaria com a oligarquia regional
PRP e PRM percebem que não podem mais divergir, com o risco de perder o controle da República

1919: Rodrigo Alves morre, diante da fragilidade do vice Epitácio Pessoa assume apoiado pela oligarquia



Questões de Fronteiras
Desacordo com as regiões vizinhas, ocorreu entre 1890 e 1909

Questão de Palmas: Região disputada entre Brasil e Argentina, corresponde, hoje, a Paraná e Santa Catarina. O mediador do impasse foi o presidente dos E.U.A., Grover Cleveland, com decisão favorável ao Brasil. Destaque ao barão de Rio Branco
Questão do Amapá: França questionou os limites da Guiana Francesa, com conflitos armados. Questão arbitrada por Walter Hauser, presidente do Conselho Federal Suíço, com decisão novamente favorável ao Brasil. Destaque, novamente, ao barão de Rio Branco
Questão do Acre: A fim de evitar conflitos, o governo brasileiro deixou a região (atual Acre) para a Bolívia. Porém a exploração de borracha criou um conflito com o governo boliviano. Novamente com a influência do barão de Rio Branco o caso foi solucionado no Tratado de Petrópolis
Outras áreas também foram definidas até 1909
Economia e Finanças
Ainda sofrendo os efeitos do Encilhamento, Campos Sales realizou o fundingloan (renegociação com a dívida externa inglesa):
-Suspensão do pagamento por 3 anos, e um empréstimo de 10 milhões de libras para equilibrar as contas do governo
-Compromisso de retirar papel-moeda de circulação e cortar gastos públicos
-Garantia: Renda alfandegária do Rio de Janeiro, entre outros

Caráter monocultor (café) exigiu controle do governo:
Crescimento da colheita não estava sendo suprido


Comprar e estocar


Desvalorizar a moeda (pagamento em moeda estrangeira)
Toda a sociedade pagava pelos cafeicultores

Taxação anual por pé plantado desencorajar ao plantio

Governo acaba endividando-se com a compra de café

Borracha compensa, em alguns momentos, as perdas com o café desenvolvimento industrial na Europa e E.U.A.

Aumento da demanda por látex, enriquecimento rápido da elite amazonense devido a falta de concorrência

Sem modernizar as técnicas de extração da borracha, Brasil perde mercado para regiões produtoras da Ásia, o que faz cair o preço


Indústria
- Região sudeste, especialmente em São Paulo
- Tranformações sociais
- Surto industrial Expansão da cafeicultura
Ampliação do mercado interno
Desenvolvimento dos transportes
Aumento da produção de energia
Desvalorização da moeda
Escassez de artigos importados
Primeira substituição de importações (Primeira Guerra)


Transformações Sociais
- Nova classe social: operariado

trabalho livre e industrialização
- Imigrantes italianos e espanhóis
- Não recebia atenção do poder público
- Situações de vida e trabalho precárias cortiços
3 - Movimentos Rurais de Constetação do Regime
- Concentração fundiária
- Ruína dos pequenos proprietários
- Desmantelamento da organização familiar tradicional
- Desemprego e fanatismo religioso
Movimentos armamentistas
- Cangaço
- Grande seca (1877 a 1879) Crise
- Bandos armados saqueavam propriedades rurais
"justiceiros" ou criminosos?
- Alguns se aliavam aos coronéis até mesmo o governo
- Mais famoso bando Lampião (Virgulino Ferreira da Silva) em 1920


- Canudos

- Líderes messiânicos: pregravam e davam assistência à pessoas carentes
prática tolerada pela Igreja
- Antônio Conselheiro: percorria o sertão construindo e reformando Igrejas e cemitérios Perseguido pela Igreja e Estado
- Conselheiro na Bahia, o arraial de Canudos (cerca de 30 mil pessoas)
- Governo federal Arraial de Canudos = foco monarquista
- Quatro expedições militares foram necessárias para destruir Canudos
- Guerra do Contestado
- Região contestada divisa de PR e SC
- Vilas santas
beato José Maria: seria construído um reino sob as leis de Deus
- Fim do séc. XIX ameaça a interesses privados
Tropas do exército dizimam a região
Movimentos rurais de contestação ao regime
- Revolta da Vacina (1904)

- Rio de Janeiro
- Metade do séc. XIX a população do RJ dobra
- Aspectos coloniais
- "belle époque" saneamento e modernização do RJ
- Programa gera insatisfação popular:
Resultante da evacuação e demolição das habitações
- Entre outras medidas foi tomada a obrigatoriedade da vacina contra a varíola estopim para a revolta
- Grande número de presos e feridos
- Revolta da Chibata (1910)
- Serviço militar não obrigatório: Marinha e Exército com tropas formadas por camadas populares
- Punições violentas
- Reivindicam o fim das chibatadas João Cândido "Almirante Negro"
- Hermes da Fonseca cede às reivindicações, mas expulsa os envolvidos e ordena a prisão de mais de 120 marinheiros ilha das Cobras
- Semana de Arte Moderna (1902)
- Artistas das camadas média urbanas
- Manifestações iniciadas em 13 de fevereiro de 1922 no Teatro Municipal de São Paulo
não focou apenas a produção artística, mas também a sociedade

- Movimentos Operários
- Operariado crescia desde a Era Mauá
- Precárias condições de vida e trabalho geram reivindicações que procuram abalar o regime oligárquico
- Organização trabalhista trabalhadores de origem européia
- Anarcossindicalismo
Contrários a toda forma de autoridade
Defendiam a autonomia dos sindicatos
Condenavam a interferência política
Total independência em suas lutas
- Lei Adolfo Gordo (1907): expulsão dos imigrantes participantes de movimentos trabalhistas
- Partido Comunista do Brasil
- Mais de 200 greves de 1917 a 1920
- Primeira greve geral (junho de 1917): 200 mil trabalhadores
- "lei de repressão ao anarquismo"
- Lei celerada
Censurava a impresa
Restringia o direito de reunião da população
Atingiu os grupos descontentes com o governo
- Sistema político irredutível
Washington Luis: "para mim questão social é caso de polícia"

- Tenentismo
- Oficiais de baixa patente no exército, principalmente tenentes
- Militares condenavam
Políticos civis, "corrosão das estruturas republicanas"
Sistema eleitoral
"Mandonismo dos coronéis"
Descentralização política
- Movimento autoritário e moralizador
- Consideravam o Exército como a única instituição capaz de pôr fim à imoralidade política e conduzir o país pelo caminha da modernidade
Movimentos urbanos de
contestação ao regime
Full transcript