Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Elementos de Análise Gráfica

No description
by

dora soeiro

on 29 April 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Elementos de Análise Gráfica

Elementos de Análise Gráfica
Módulo 6

Pré-impressão
Conclusão
Com este trabalho fiquei a saber diferentes fases e área da produção de um trabalho gráfico, fiquei a perceber os aspectos técnicos referentes à paginação e composição de texto e descobri como é que um livro é feito, em relação à sua estrutura. Foi um bom trabalho apesar de ter sido um pouco árduo.
Trabalho realizado por:
Dora Soeiro 11º I nº: 7
Impressão
Offset
O offset é um dos processos de impressão mais utilizados. A offset é ideal para grandes quantidades de impressos pois o papel corre pela máquina sem precisar da intervenção humana enquanto o processo é feito, porém o humano continua a ser muito importante pois a máquina precisa de vários ajustes durante a impressão, seja na quantidade de tinta e água ou seja na hora em que um impresso tiver mais do que uma cor.

Cor direta
O processo de impressão mais convencional, a quadricromia, não permite reproduzir determinadas cores, como por exemplo, azuis, laranjas e verdes de saturação extrema, cores com efeitos metalizados e cores fluorescentes. Para isso é necessário usar tintas para impressão directa, também designadas por cores directas ou extra.

Quadricomia
O processo de impressão em quadricromia é o método mais utilizado na reprodução de conteúdos em impressão offset. Este método de impressão oferece um resultado final em termos de qualidade de reprodução que de uma forma geral suficiente e visto que os seu custo ser mais reduzido, é em grande parte das vezes o método preferido. Determinadas cores são impossíveis de reproduzir neste processo de impressão, como por exemplo, cores fluorescentes ou com efeitos metalizados, azuis , verdes e laranjas de saturação extrema.

Acabamentos
Corte
O corte é usado para certos acabamentos que necessitam de lâminas específicas, que não podem ser produzidos nas guilhotinas comuns.

Dobra
Este acabamento é muito usado em folders e cardápios. Dobrar consiste em transformar uma "folha de máquina" num caderno, fazendo um certo número de dobras de maneira adequada.
Existem dois tipos de dobras: paralelas e perpendiculares ou cruzadas.
Vinco
O vinco é aplicado no papel para ser mais fácil de manusear e também para facilitar a realização de dobras.
Ele é utilizado em livros, permitindo a abertura da capa sem forçar o papel.
Tipos de Publicações

Jornais

É um tipo de comunicação impresso. As caracteristicas principais de um jornal são: o uso de papel de imprensa pois é mais barato e de menor qualidade que os outros materiais impressoas; a linguagem propria – dentro daquilo que se entende por linguagem jornalistica; é um meio de comunicação de massas – um bem cultural que é consumido pelas massas. Os jornais têm conteudo genérico, pois publicam noticias e opiniões que abrangem os mais diversos interesses sociais. No entanto, há também jornais com conteudo especializado em economia, negocios ou desporto, entre outros. A periodicidade mais comum dos jornais é a diária mas existem também aqueles com periodicidade semanal, quinzenal e mensal.

Revistas
Uma revista é um publicação impressa que é editada periodicamente, tal como acontece com os jornais , as revistas vão buscar lucro através da venda de exemplares, das subscrições e das publicações. Hoje em dia existem revistas sobre diversos temas dirigidos a cada certo tipo de idade, podem ser infantis, femininas, para homens, de interesse geral, culturais, desportivas, de analise politica, economica e humoristicas.
As figuras femininas de uma revista são chamadas de ‘vedetas’.

Livro
O livro é um produto intelectual e, como tal, encerra conhecimento e expressões individuais ou colectivas.
Existem vários tipos de livros:
Livro de bolso que é um livro pequeno tamanho ou de tamanho mais pequeno em relação à edição origina; livro de ponto, que regista as entradas e saidas dos empregados de uma repartição, fábrica, empresa, entre outros, ou então das atividades letivas.; livros eletronicos, que têm a edição em formato digital do texto de um livro e livros canónicos, que são os livros da Bíblia.



"Um dos principais deveres do homem é cultivar a amizade dos livros."

Estratégias de Comunicação
Publico alvo
O público-alvo é o conjunto de pessoas que possuem as mesmas características ou interesses, para caracterizar os diferentes públicos podemos utilizar vários padrões, como pequeno exemplo: idade, sexo, nível económico, estrato social, interesses, entre outras. O público-alvo é a tradução do termo utilizando no Marteking: target, é precisamente a mesma coisa. Para definirmos um público-alvo devemos tem em conta vários critérios:
-Critérios demográficos
-Critérios mais utilizados: sexo, idade, nacionalidade
-Critérios geográficos
-Critérios mais utilizados: Residência Litoral/interior, zona urbana/rural, localização
-Critérios sócio demográficos
-Critérios mais utilizados: Educação, classe social, profissão, rendimento, dimensão do agregado familiar.
-Critérios Comportamentais: os comportamentos são aqui seleccionados nomeadamente: gostos pessoais, sensibilidade ao preço, sensibilidade à qualidade.
Critérios psicográficos: neste capítulo são definidas as variáveis como: a personalidade, estilo de vida, valores morais.

Faixa etária
No tema faixa- etária existem diversos sub-temas, eles são : a infância, a adolescencia, os adultos e os idosos.
- A infância é o período da vida humana que vai do nascimento à adolescência. Esta é a fase da vivência e percepção do mundo a partir do olhar, tocar, saborear, sentir e agir, tudo isso faz parte do universo infantil. A infância necessita de seres que mantenham a ingenuidade de ser criança, simplicidade do ser humano e a inocência da vida. 

-A adolescencia inicia-se por volta dos 10 anos de idade e termina por volta dos 19 anos, período durante o qual ocorrem diversas mudanças físicas, psicológicas e comportamentais. Esta altura poderá revelar-se como uma fase do desenvolvimento humano particularmente complicada, quer para o adolescente, quer para os seus pais, que muitas das vezes revelam incapacidade em compreender e lidar com as mudanças comportamentais dos seus filhos.



Existem duas teorias para o termo 'adulto'.
Numa delas ser adulto é um ser equilibrado, estável e instável, na outra teoria, um adulto é um sujeito exposto ao imprevisto e à exclusão.

Os idosos são pessoas são consideradas pessoas de terceira idade. Uma pessoas idosa é aquela que tem 60 anos ou mais, em países em desenvolvimento e com 65 anos ou mais em países desenvolvidos. As pessoas desta faixa etária têm habilidades limitadas, mudanças físicas e emocionais que põem em perigo a sua qualidade de vida.


Estrato cultural
Normalmente confunde-se classes sociais com estratos sociais hierarquicamente sobrepostos, desde os inferiores aos superiores, reflectindo diferentes possibilidades de acesso aos bens em função do nível de rendimento.
A adequação é a propriedade da textualidade interliga a relação do texto e com o seu significado e como unidade comunicativa, e se interpreta em relação a uma série de elementos extralinguísticos como sejam os interlocutores, a relação entre ambos, o espaço e o tempo da enunciação, a intenção comunicativa, o mundo compartilhado, o papel e o lugar social.

Adequação
Escolha de gráfismos
A escolha de grafismos é muito importante pois é a área da matriz de impressão que contém as imagens a serem impressas.
Elementos estruturais da paginação






Os elementos estruturais da paginação são:
- Aproveitamento de papel;
- Número de páginas e cadernos;
- Texturas e gramagens;
- Grelha de página;
- Colunas;
- Margens interiores e exteriores;
- Enquadramento de imagem;
- Redução e ampliação;
- Títulos, subtítulos, legendas;
- Guias de leitura.

CABEÇA: é a parte superior de um livro.
CABECEIRA: São os extremos da lombada.
CORTE DIANTEIRO: Lado oposto à lombada.
GRAVAÇÃO: Elementos gravados no material que cobre as pastas e lombada do livro.
GUARDA: é a folha que se coloca antes das folhas ou da capa original do livro a encadernar.
LOMBADA: Parte onde se encontram cosidas as folhas do livro.
PASTA: Interior dos planos. Vulgarmente a Pasta é dado o mesmo sentido de Plano.
PÉ: Parte inferior do livro.
PLANOS: Lados da encadernação.
RÓTULO: Etiqueta colada na lombada, normalmente de cor diferente da encadernação, onde se encontra o nome do autor, título ou outra qualquer indicação.

Elementos estruturais da paginação
Elementos estruturais da composição
Os elementos estruturais da composição são:
- Corpo de letra, caixa alta e caixa baixa- Letra romana - Letra grega;
- Tipos caligráficos;
- Estilo normal, redondo, bold, itálico, outline e batentes;
- Texto justificado ou em bloco;
- Texto centrado ou em espinha;
- Texto alinhado à esquerda;
- Texto alinhado à direita;
- Entrelinhas e espaço entre letras.

Nomenclatura do livro

Como o próprio nome diz, pré- impressão é a fase que vem antes da impressão. Esta fase é muito importante no processo de produção gráfica e é vista como o conjunto de cuidados a ter depois de ser finalizada a impressão. Ou seja, a pré- impressão consiste na preparação de um produto terminado para então se dar a impressão final.



Full transcript