Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

EPIDEMIOLOGIA DESCRITIVA

PESSOA, TEMPO E LUGAR
by

Cassia Moraes

on 4 September 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of EPIDEMIOLOGIA DESCRITIVA

EPIDEMIOLOGIA DESCRITIVA PESSOA, TEMPO E LUGAR Disciplina FAR02030 Epidemiologia
Mestranda Cassia G. Moraes
Setembro de 2012 “disciplina científica que estuda
o processo saúde-doença nas coletividades
humanas, analisando a distribuição e fatores
determinantes de doenças, danos à saúde e
eventos associados e propõe medidas específicas de prevenção, controle ou erradicação…”
Almeida Filho O que é mesmo epidemiologia? A epidemiologia pode ser classificada como descritiva e analítica. Epidemiologia Analítica "Nos estudos epidemiológicos analíticos se avaliam hipóteses relacionadas com associações entre possíveis exposições a certos fatores de risco e os resultados de processos relacionados à saúde..."
Szklo Descritiva "Estudo da distribuição da freqüência das doenças e dos agravos à saúde coletiva, em função de variáveis ligadas ao tempo, ao espaço – ambientais e populacionais – e à pessoa, possibilitando o detalhamento do perfil epidemiológico, com vistas à promoção da saúde".
Rouquayrol, 2000 Avaliação das tendências em saúde e doença, comparações entre diferentes regiões, países;

Monitoramento de doenças conhecidas bem como a identificação de problemas emergentes;

Fornecimento das bases para o planejamento, organização e avaliação de serviços de saúde; (definição de grupos mais vulneráveis e de áreas de risco para intervenções em saúde);

Identificação de problemas a serem investigados por meio de estudos analíticos (geração de hipóteses). Principais Usos: OBJETIVO:

Conhecimento das circunstâncias sobre as quais ocorrem as doenças.

 
Circunstâncias referem-se às variáveis:

PESSOA - TEMPO - LUGAR Epidemiologia Descritiva O que está ocorrendo? Um elemento essencial e inicial de um estudo descritivo é a definição da doença ou agravo em questão: O estudo descritivo responde à três questões básicas: Há grupos especiais mais vulneráveis?

Indivíduos idosos são mais atingidos do que crianças? Existe alguma época do ano em
que aumenta o número de casos? Em que áreas do município ou regiões do país a doença é mais freqüente?

Há disparidades regionais ou locais? O estudo da distribuição de um agravo à saúde exige, previamente, a organização das informações referentes às características das pessoas, do tempo e do lugar. PESSOA – TEMPO – LUGAR Variáveis relacionadas às pessoas PESSOA Demográficas Socias Culturais Estilo de vida Hábito de fumar Sexo Idade Etnia Renda Escolaridade ESTADO CIVIL Prática de
exercício físico Usos:

- Expor a situação de saúde de subgrupos da população;

- Fornecer subsídios para explicações causais, ou para levantamento de hipóteses, que constituem ponto de partida para outros estudos sobre o tema;

- Definir prioridades de intervenção, com vistas a proteger os grupos de enfermos ou em maior risco de adoecer. Sexo Proporção do consumo de bebida alcóolica entre homens e mulheres em São Paulo, segundo o Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas Explicações para diferenças entre os sexos a)Explicações biológicas

b)Explicações sociais e comportamentais Idade Grupo Étnico Renda Escolaridade Classe Social Ocupação Estado Civil Estilo de Vida USOS:

1.Indicar os riscos aos quais à população está exposta.

2.Acompanhar a disseminação dos eventos.

3.Fornecer subsídios para explicações causais.

4.Definir as prioridades de intervenção.

5.Avaliar o impacto das intervenções. Variáveis Relacionadas à Lugar PRINCIPAIS TIPOS DE COMPARAÇÃO GEOGRAFICAS: •Entre países/continentes/ países desenvolvidos X em desenvolvimento
•Entre unidades administrativas num mesmo país
•Entre áreas urbanas e rurais
•Em nível local Estudo descritivo da variação de freqüências de agravos à saúde e como estas evoluem com o passar do tempo. Variáveis Relativas ao Tempo  SÉRIES TEMPORAIS ou CRONOLÓGICAS:

Conjunto de observações ordenadas no tempo USOS:
•Indicar os riscos que as pessoas estão expostas
•Monitorar a saúde da população
•Prever a ocorrência de eventos
•Subsidiar as explicações causais
•Auxiliar planejamentos de saúde
•Avaliar o impacto das intervenções
• Geral (histórica ou secular): a tendência do evento à longo prazo.

• Cíclica: flutuações que se repetem com certa regularidade.

• Sazonal: oscilações periódicas e regulares que se repetem a cada ano, conhecidas pelas denominações sazonal ou estacional.

• Irregular (acidental): configuram epidemias, que importa diagnosticar precocemente para que sua evolução possa ser alternada.
Tipos de variações relativas ao tempo:
Full transcript