Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Psicopatologia na Análise do Comportamento

No description
by

Simone Oliani

on 25 March 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Psicopatologia na Análise do Comportamento

Pesquisas de laboratorio
Comportamento operante e respondente
principios de aprendizagem
aplicabilidade aos problemas humanos - problemas sociais
Exemplos:
cça for
positivamente
reforçada:
comportamento opositor ao professor e pais em relação as tarefas.
comportamento de aceitação de fazer tarefas.

A análise de patológico está no
produto de aprendizagem
e não no processo pelos quais os comportamentos foram aprendidos.

"Psicopatologia na Análise do Comportamento"

Não importa qual é o modelo de aprendizagem, e sim a concepção de que todo comportamento aprendido pode ser mudado.
Análise do Comportamento
Ciência que vem tentando responder a seguinte pergunta: “Por que as pessoas se comportam da maneira como o fazem?” (Skinner, 1974)

Modelo Alternativo
Pesquisadores que se destacaram:
Ferster
Ullmann
Krasner
Sua formulação se tornou conhecida como
Modelo Psicológico da Análise da Anormalidade

Psicopatologia na Análise do Comportamento
Objeto de estudo
comportamento das pessoas em suas interações com seu ambiente – sociocultural
DSM e CID
A extensão da AC para problemas psiquiátricos descrito nas publicações exigiu dos behavioristas uma tomada de posição conceitual diante destes.

Fundamentados em pressupostos da teoria de aprendizagem, behavioristas formularam crítica consistente ao conjunto de conceitos médicos (modelo médico) relativo às
“doenças mentais"
Modelo Psicológico da Análise da Anormalidade
O principal fundamento
é
de todo comportamento é
aprendido
– seja ele “patológico ou saudável”, “normal ou anormal”.

paradigmas respondentes e operantes, com destaque para os princípios dos operantes que permitem a
modelagem de novos repertórios comportamentais


Todo comportamento aprendido segue algum ou alguns princípios e que, uma vez descritos tais princípios,
eles serão úteis na produção de procedimentos que permitam alterar comportamentos quando houver interesse de fazê-lo.

1- O que é Psicopatologia em Análise do Comportamento?
2- Como faz um diagnóstico?
3- Qual o manejo clínico?
4- Psicopatologias mais comuns (sintomas)

nem mente – nem doenças

Como um comportamento pode vir a ser considerado patológico quando não há uma patologia biológica subjacente, quando a doença é “mental”?

Se é um processo de avaliação social extrínseco aos processos comportamentais, eles seguem normas socioculturais?



passou a ser conhecido como
MODELO PSICOSSOCIAL DA ANÁLISE DA ANORMALIDADE.

Pressupõe que antes de explicar o comportamento anormal é preciso explicar o comportamento normal a partir de uma teoria geral do comportamento.

Cpto humano responde ao seu ambiente físico, social e interpessoal experimentando alterá-lo.
É sempre interativo.

Respondem ao ambiente da melhor forma que podem.
(comportamento funcional mantido pelas suas consequências)
É adaptativo.

Papel da herança genética e biológica: (cor, raça, sexo, altura).
A genética pode limitar o potencial de cpto humano, MAS A VARIABILILIDADE E A ESPECIFICIADADE que caracteriza cada pessoa são basicamente
produtos de aprendizagem.

As variáveis genéticas e biológicas não explicam por si mesmas o comportamento,
será a
reação social
a estas condições que podem facilitar o aparecimento de transtornos emocionais.

Resumindo:
1 -O que a pessoa aprende depende de seu ambiente físico e social;
2 -O que aprendeu no passado interfere naquilo que aprenderá no futuro;
Resumindo:
3 - Mantidas constantes as variáveis demográficas e biológicas, as diferenças entre as pessoas podem ser consideradas, como
diferenças na aprendizagem em lidar com seu ambiente
;

Resumindo:
4 - Comportamentos podem ser mantidos pela sua funcionalidade em contextos específicos;

Resumindo:
5 - Não há processo de aprendizagem em si mesmo que seja certo ou errado, doente ou saudável.
Os processos de aprendizagem são neutros.
Resumindo:
6 -Não há comportamento (considerada a morfologia da resposta) que possa ser funcional em si mesmo.

A funcionalidade só pode ser considerado dentro da condições específicas nas quais ocorre.

Como é feito o diagnóstico?
Manejo Clínico


Análise funcional
Análise da relação terapeutica - FAP
Análise Contextual - ACT
Principais transtornos:

déficits de habilidades
fuga e esquiva
desamparo aprendido
dúvidas?
obrigada!
Full transcript