Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

FÍSICA DO DIA A DIA

No description
by

on 3 June 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of FÍSICA DO DIA A DIA

FÍSICA DO DIA A DIA
Conhecendo um pouco mais
Por que dizemos que não há gravidade nas naves espaciais, mesmo se elas estão mais próximas da Terra do que a Lua, e esta sofre o efeito da atração da Terra?

A Física e o Deserto
No deserto da Namíbia, existe um camaleão capaz de mudar a cor de sua pele, que pode ficar branca ou preta. Como ele pode usar esse fato para se aquecer nas manhãs frias do deserto?
Especificando um pouco mais
Se um passarinho pousar em uma cerca elétrica, ele será eletrocutado?

Descobrindo a Física
Por que nos dias de chuva se tem a impressão de que as pessoas conversam mais alto?
O PROCESSO DA ÁGUA
A água que sai de nossas torneiras foi captada em um reservatório (rio ou lago). Ela chegou ao reservatório por meio da chuva ou de fontes subterrâneas. Antes de ser distribuída para toda cidade, a água foi tratada por filtração, para a retirada de resíduos, e por meio de produtos químicos, para eliminação de micro-organismos.
Flutuando pela Física
Como um astronauta consegue beber água em um ambiente sem gravidade?
Aprendendo um pouco mais
Como é produzido o barulho irritante feito pelo giz no quadro negro?
Aprofundando-se na Física
Por que o céu é azul?
A Física e o pequeno Tomás
O pequeno Tomás está descobrindo como funcionam as coisas e aprendendo a falar. Ele gosta de soltar sua bola e dizer: “Caiu!”. Recentemente, descobriu que a mesma bola fica na superfície da sua banheira cheia de água, mesmo que ele a pressione até o fundo da banheira e a solte desta posição. O que acontece com a bola?
A água rejeitada pela rede de esgotos não ''desaparece''. Ela precisa ser tratada, para a retirada de resíduos sólidos, e diluída com uma enorme quantidade de água não poluída, para que seja novamente descartada nos rios.
As principais atividades humanas que consomem água são a agropecuária, a indústria e o consumo pessoal. Destas, a agropecuária consome 70%, a indústria 20% e o uso doméstico, 10% da água disponível.
Página 69 - 1 a 3
Nos dias de chuva o ar fica úmido, carregado com vapor de água. Isso modifica a sua elasticidade, facilitando a propagação das ondas sonoras. O som se propaga no ar úmido com maior velocidade e com menos perdas do que no ar seco, e por isso se tem a impressão de que as pessoas falam mais alto.
Página(s) 71 - 5; 73 - 1
As fotos da Terra vista do espaço mostram os oceanos, mais escuros, e os continentes, mais claros. Por que há essa diferença nas tonalidades?

Nas fotos da Terra vista do espaço, para que a imagem não seja ofuscada pelo brilho do Sol, evita-se que a luz refletida pelos oceanos chegue à câmara fotográfica. Assim, eles parecerão escuros. Os continentes, por sua vez, refletem a luz do Sol em todas as direções. Parte dessa luz chegará à câmara, e eles parecerão mais claros que os oceanos.

Na terra sentimos força da atração gravitacional porque o chão sobre o qual estamos apoiados exerce em nosso corpo uma reação à força que aplicamos ao solo, impedindo que afundemos. Dentro da nave, a força gravitacional sobre o astronauta faz com que ele se desloque em órbita em torno da Terra, assim como a nave e os outros objetos dentro dela. Como o astronauta está se deslocando da mesma forma que o piso da nave, não há pressão do seu corpo sobre o piso, nem reação do piso sobre o astronauta. A sensação seria a mesma se não existisse força gravitacional atuante sobre ele, e chamamos a isso imponderabilidade.
Página 74 - 3
Sem a gravidade, seria difícil manter a água dentro de um copo: ao abaixar o copo, a água ficaria na posição inicial, aglomerando-se em uma esfera, devido ás forças de atração entre as moléculas de água. Também não teria sentido inclinar o copo para beber, pois a água não seria vertida. Os astronautas usam recipientes fechados e sugam a água por canudinhos.
É possível tomar banho em uma nave espacial?
Um chuveiro não pode funcionar em um ambiente que tenha gravidade, pois a agua não cairia. A solução é limpar o corpo com uma toalha umedecida.
As moléculas da atmosfera dispersam a luz solar, sendo que a radiação com comprimentos de onda menores é mais espalhada. Assim, a luz de tonalidade azul (comprimento de onda menor) será mais espalhada e aparecerá por todo o céu. Embora o violeta tenha comprimento de onda menor que o azul, o céu não aparece desta cor porque nossos olhos são menos sensíveis à radiação dessa tonalidade.
As cores amarelo-avermelhadas, de comprimento de onda maior, serão menos espalhadas e, por isso, o Sol tem a cor amarelada. Nos finais de tarde, com o Sol no horizonte, a luz atravessa um caminho maior pela atmosfera, até chegar aos nossos olhos. O espalhamento de luz é maior, e apenas os tons vermelhos são menos espalhados, dando esta tonalidade ao Sol.
Página 75 e 76 - 4 e 5
Página 77 - 7
A cerca elétrica esta ligada a uma fonte de alta tensão e tem uma grande diferença de potencial elétrico com relação a Terra. Se a tocamos e temos os pés no chão ou muro onde ela esta apoiada, a diferença de potencial fará com que uma corrente elétrica atravesse nosso corpo. O passarinho, no entanto , tem as duas patas apoiadas sobre o fio, e, portanto não há diferença de potencial entre elas.
Conforme a posição do giz com relação ao quadro, ele ficará preso e será preciso fazer alguma força para fazê-lo deslizar. Finalmente, quando for rompido o atrito entre o quadro e o giz este vai vibrar e deslizar ate ficar novamente preso, e assim o ciclo recomeçara. As vibrações do giz se transferem para o ar e são percebidas como ondas sonoras. De acordo com a inclinação do giz com relação ao quadro, a vibração terá frequências diferentes e, portanto, vai gerar sons de tonalidades diferentes.
Quando a bola é solta no ar, a atração gravitacional da Terra a atrai para o chão, com a força que chamamos peso. Dentro da água, a mesma bola está sujeita a duas forças de sentidos opostos: o peso, que a puxa para baixo, e o empuxo da água, para cima.
O empuxo equivale à força que a água faria para manter em equilíbrio uma porção de água com volume equivalente ao da bola. Essa força é, portanto, igual ao peso desta porção de água, e aponta para cima. Se o peso da bola for maior que o empuxo, ela afundará; se seu peso for menor que o empuxo, ela flutuará.
A bola de Tomás tem peso menor que o peso da quantidade de água que ocuparia o mesmo volume, isto é, ela é menor densa que a água, portanto, flutuará. Fazendo essa experiência, Tomás acrescentou mais uma palavra ao seu vocabulário: ele solta a bola no fundo da banheira e exclama: “Subiu!”
Página 79 - 2
Página 80 - 3
Página 82 - 6
Nas primeiras horas da manhã, o camaleão escure a parte do seu corpo que está voltada para o Sol e deixa branca a parte que está na sombra. Objetos de cor preta absorvem de forma mais eficiente a radiação do Sol, inclusive no infravermelho próximo, que produz aquecimento. Ao mesmo tempo, a cor preta irradia luz e calor para o ambiente com mais facilidade. A cor branca, por sua vez, reflete a radiação, havendo pouca absorção, e também irradia com pouca eficiência, minimizando a perda para o ambiente. Assim, enquanto o lado preto absorver a radiação e aquece o corpo do animal, o lado branco evita que o calor seja perdido para o ambiente.
Página 83 - 8
Full transcript