Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Transfusão Sanguínea em Animais

No description
by

Naiara Oliveira

on 30 October 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Transfusão Sanguínea em Animais

Transfusão sanguínea
em Animais Universidade Federal do Pará
Faculdade de Medicina Veterinária
Campus Castanhal
Disciplina: Patologia Clínica
Profa: Vivina Monteiro Cleiciane Damasceno
Cícero Neto
Marcio Alan
Naiara Oliveira
Tamires Viana
Ronys de Campos
Walciane Liz 1665- Richard Lower: Primeira transfusão sanguínea humana;

1667: Retirada do sangue corrupto,doente e a transfusão do sangue "bom",saudável do animal para o homem (imagem)

1900: Descoberta do sistema ABO: estimulou a pesquisa dos grupos sanguíneos dos animais domésticos;

1910- Von Dungern e Hirszfeld: reconheceram os 4 grupos sanguíneos caninos; Histórico O sangue é transplantado do doador para o receptor;

Terapia intravenosa com sangue total ou hemoderivados;

Procedimento de urgência e não deve ser encarado como um tratamento; Hemoterapia Objetivos: Aumentar a capacidade de transporte de oxigênio

Fornecer leucócitos;

Proporcionar expansão do volume sanguíneo, ou combinação destes fatores. Ht = < 15%
Hemoglobina = < 5g/100mg
Hemorragia e perda de 30 mf/kg Transfusão sanguínea: Hemoterapia Cão Com Gato Com Ht=< 12%
Hemoglobina=< 4g/100ml
Hemorragia e perda de 20ml/kg A terapia transfusional é indicada para pacientes em diferentes condições de saúde: Anemia;
Hemorragia;
Coagulopatia;
Hipoproteinemia. Quem Precisa da Hemoterapia??? Realizar: tipagem sanguínea ou teste de compatibilidade sanguínea entre o receptor e o doador; Tipagem sanguínea: Raro nas clínicas do Brasil;
Identifica antígenos presentes nas hemácias do paciente;
Não detecta os anticorpos presentes entre o paciente e o doador. Teste de compatibilidade: Detecta anticorpos no soro do receptor contra as hemácias do doador;
Não detecta anticorpos contra plaquetas e leucócitos; NECESSÁRIO REALIZAR O TESTE DE COMPATIBILIDADE, MESMO QUE A TIPAGEM SEJA REALIZADA!!!! Os Grupos Sanguíneos dos Animais Domésticos Em cães: DEA (8 tipos de determinantes antigênicos);Em gatos: grupo A, B e C;
Em bovinos: grupo A, B, C, F-V, J, L, M, N, S, Z, R’-S’, N’, T’ Problemas de incompatibilidade transfusional: Gatos: a partir da 1ª transfusão
Cães: a partir da 2ª transfusão
Bovinos: duas transfusões com intervalo de uma semana. Seleção de doadores: CÃES Adultos saudáveis;
Entre um e oito anos de idade;
Peso mínimo de 27kg;
Temperamento dócil;
Livres de ectoparasitas;
Vacinação e vermifugação em dias;
Ehrlichia canis, Babesia canis, Dirofilaria immitis, Borrelia burgdorferi, Brucella canis e Leishmania sp.
Hemograma completo;
Bioquímico;
Não podem ter sido submetidos à transfusão;
Fêmeas: nulíparas e castradas
Doar: 450mL (21 a 28 dias) Seleção de doadores: BOVINOS Adulto saudável;
Mesmo rebanho;
Receptor: mãe, irmão ou filho do doador;
Obs: em casos emergenciais em um grande número de animais: pode- se realizar a colheita de sangue de animais saudáveis em matadouro. Seleção de doadores: Gatos Idade: 1 e 8 anos de idade;
Pesar entre 4 e 6 kg ou mais
Vacinados contra Raiva, Leucemia Felina, Imunodeficiência
Felina, Clamidiose, RIF, Rinotrqueíte, Calicivirose e Panleucopenia
Livre de doenças hemotransmissíveis (FeLV, FIV, PIF, Dirofilariose, Haemobartonelose);
Fêmeas nulíparas ou ovariohisterectomizadas
Toxoplasmose e Coronavirose.
Doar:12mL/kg num período de 40 dias Coleta de sangue Jejum de 12h: evitar rouleaux
Veia jugular;
Decúbito lateral;
Palpar e assepsia local;
Manter o animal calmo;
Bolsa de sangue constantemente homogeneizada;
Duração: cão (3 a 10 minutos com vácuo; 5 a 15min, sem vácuo) Coleta de sangue O sangue total é coletado em bolsa de sangue contendo CPDA-1 (citrato-fosfato-dextrose-adenina);

O volume ideal de sangue para cada bolsa é de 450mL em razão da proporção sangue:anticoagulante;

Caso seja necessário coletar um volume menor de sangue, deve-se ajustar a proporção de anticoagulante antes da venopunção (63mL de CPDA-1 para cada 450mL de sangue);

Essas bolsas garantem um sistema fechado de coleta e separação, minimizando o risco de contaminação bacteriana Produtos sanguíneos Quadro: Coleta de sangue Agulha de calibre grosso conectada a um equipo e à bolsa coletora;
Pressionar o local por 5 min para acelerar a coagulação;
Realizar soroterapia: solução salina ou soluções cristalóides;
Alimentar o animal;
Evitar exercícios físicos por alguns dias. Hemoterapia em silvestre – Relato de Caso Hemoterapia em silvestres: Curiosidade Filhote de tigre faz transfusão sanguínea em um zoológico da cidade indiana de Nagpur (2008) Conclusões No Brasil a maioria dos serviços de hemoterapia veterinária disponíveis ainda é pouco especializada;

Sugere algumas modificações na prática dos hospitais veterinários, incluindo em sua rotina programas de coleta de sangue de cães doadores sadios, para atender a demanda dos hospitais e clínicas veterinárias;

O processamento das bolsas de sangue, que vai fracionar o sangue em hemocomponentes, deve ser levado em consideração. OBRIGADO!!!
Full transcript