Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

PNAN - POLÍTICA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO

No description
by

Maiara Kisa Ribeiro

on 20 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of PNAN - POLÍTICA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO

PNAN - POLÍTICA NACIONAL
DE ALIMENTAÇÃO
E NUTRIÇÃO
Introdução

Objetivo
Importância
Definição
Propósito
Universalidade
Integralidade
Equidade
Descentralização
Regionalização
Hierarquização
Participação popular
Diretrizes
Responsabilidades institucionais
Alimentaçao
Saúde
Nutrição
Vigilância
População
Prevenção
Promoção
Cuidado
Principíos
As diretrizes que integram a PNAN indicam as linhas de ações para
o alcance do seu propósito, capazes de modificar os determinantes
de saúde e promover a saúde da população.
1. Organização da Atenção Nutricional;
2. Promoção da Alimentação adequada e Saudável;
3. Vigilância Alimentar e Nutricional;
4. Gestão das Ações de Alimentação e Nutrição;
5. Participação e Controle Social;
6. Qualificação da Força de Trabalho;
7. Controle e Regulação dos Alimentos;
8. Pesquisa, Inovação e Conhecimento em Alimentação e
Nutrição;
9. Cooperação e articulação para a Segurança Alimentar e
Nutricional.
Responsabilidade do ministério da saúde
Responsabilidades das Secretarias Estaduais de Saúde e do
Distrito Federal
Responsabilidades das Secretarias Municipais de Saúde e do
Distrito Federal
Por Juliano, Luciane, Maiara, Maria e Vilson
A Alimentação como elemento de humanização das práticas
de saúde.
O respeito à diversidade e à cultura alimentar.
O fortalecimento da autonomia dos indivíduos.
A determinação social e a natureza interdisciplinar e
intersetorial da alimentação e nutrição.
A segurança alimentar e nutricional com soberania.
Ao fim da capacitação, uma comissão foi constituida para elaborar e promover as ações na unidade e posteriormente atuarem como multiplicadores para os demais profissionais.
Descreve sobre a forma de organização de atenção nutricional. Trata a necessidade de uma melhoria na organização dos serviços de saúde para que se consiga atender as demandas ocasionadas pelos agravos relacionados à má alimentação .
Diz respeito à promoção da alimentação adequada e saudável, esta se mescla com a primeira diretriz em alguns aspectos, mas também relata sobre a importância de incentivos, apoio, proteção e promoção da saúde. Estas ações devem combinar com políticas públicas saudáveis, criação de ambientes favoráveis a saúde, reforço de ações comunitárias, culminando com o desenvolvimento de habilidades pessoais para uma melhor qualidade de vida
Destaca a importância da vigilância alimentar e nutricional no serviço de saúde, e a integração de informações. Esta integração de informações dar-se por meio de uma ferramenta denominada SISVAN (Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional), tendo como objetivo atender toda a população, mas principalmente as famílias beneficiadas por algum programa de transferência de renda.
Destaca a gestão das ações de alimentação e nutrição. Mostra também que cabe aos gestores do SUS, nas esferas de governo, promover a implementação da PNAN por meio de viabilização de parcerias e da articulação interinstitucional necessária para fortalecer a convergência dela com os planos de saúde e de segurança alimentar e nutricional.
Necessidade de participação e controle social, que mostra o SUS como marca da construção democrática e participativa das políticas públicas no Brasil. Esta participação dá-se por meio de setores como educação, trabalho, emprego, habitação, cultura e outros.
Necessidade da qualificação da força de trabalho, isto mediante o desenvolvimento de mecanismo técnico e estratégias organizacionais
Destaca a necessidade de controle e regulação dos alimentos pelos órgãos competentes, SNVS (Sistema Nacional de Vigilância Sanitária) e ANVISA que são responsáveis por garantir qualidade dos alimentos destinados à população.
Fundamentais para o desenvolvimento do conhecimento real da situação nutricional da população. Onde há necessidade de se manter e fomentar investimentos em pesquisas de delineamento e avaliação de novas intervenções e de programas/ações propostas pela PNAN.
Destaca o acesso a alimentação saudável junto ao bem estar social da população. Com finalidade de realizar promoção da saúde.Todos os demais setores juntos ao setor da saúde.Promovendo ações direcionadas como programas de transferência de renda.Alimentação saudável em ambientes institucionais ,todos em articulação com a vigilância sanitária.
PROJETO
Ideia!!!
A ideia surgiu a partir da necessidade de se aprimorar a polÍtica de nutrição e alimentação na unidade.
Como tudo
começou?
Depois de orientados quanto a situação da unidade e o objetivo do estágio, começamos a estudar. E estudar muiiiiitooo!!!
Após muita pesquisa e com o projeto em mãos, o apresentamos para as enfermeiras responsáveis pela unidade.
Depois de apresentado e aprovado pelas gestoras... o próximo passo do projeto, foi a elaboração de um questionário.
Contendo perguntas sobre o tema.
Os profissionais foram entrevistados um a um.
O objetivo deste questionário foi analisar o nível de conhecimento dos profissionais em relação a política.
As respostas foram analisadas e apartir delas foi elaborada uma capacitação.
Anterior a capacitação elaboramos convites para os profissionais, para contar com a participação de todos, a equipe foi dividida em dois grupos, assim a assistência aos usuarios dos serviços da unidade não seria interrompida.
Elaboramos tambem um folder explicativo para facilitar a compreensão de todos.
E assim iniciamos as capacitações... a qual você vai conhecer agora!
Na reunião seguinte as ideias foram desenvolvidas. Onde se destacou a ação que já era realizada: PASTORAL DA CRIANÇA.
E se elaborou uma nova ação chamada: Em busca da saúde, tome uma atitude!
Pastoral da Criança
Caminhada
Covidamos
a todos!
OBRIGADO!
FOTOS
Full transcript