Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Chikungunya

No description
by

Vitor Laerte Pinto Junior

on 16 December 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Chikungunya

Medidas de Saúde Pública
Introdução
Isolado pela primeira vez em 1952 em epidemia do Leste da África.
Clínica
Epidemiologia
Grande epidemia em Ilhas do Oceano Índico: La Reunion.
Laboratório
- Trombocitopenia moderada – geralmente acima de 100.000/mm3
- Leucopenia – geralmente menor que 5.000 células
- Linfopenia – menor que 1.000 células
- Neutropenia
- Alteração hepáticas
- PCR / VSH aumentados
- Elevação discreta das transaminases
- Elevação da creatinina
- Elevação da creatina quinase (CK)

Chikungunya
Doença febril aguda - podendo cronificar

Intensa artralgia

Incapacitante
Nome oriundo de língua nativa de Moçambique e significa :
"aquele que anda recurvado"
266.000 casos ou 1/3 da população !!!
Casos autóctones na Itália - caso índice viajante virêmico retornando da Índia
Disseminação do
Ae. albopictus
Clínica
Fase Aguda
Período de Incubação - 3 a 7 dias (1 a 12)
Fase Crônica
Acometimento articular pertente ou flutuante nas mesmas articulações atingidas durante a fase aguda
Fase Subaguda
Persistência ou recaída das manifestações articulares
7 dias
12 semanas
Várias semanas a anos
Artralgia bilateral e simétrica:
edema
tenossinovite
piora de quadro articular prévio
Pode preceder a febre
Mialgia
Cefaleia
Náuses e vômitos
Diarreia
Conjuntivite
Exantema
Melhora da febre
Mais frequente em pacientes mais idosos e com doenças articulares prévias.
Pode durar vários anos
Formas Atípicas e
Graves

Manifestações neurológicas
Dermatológicas
Renais etc.
Encefalite :
Alcoolismo
Neonatos - mães virêmicas
Descompensação de
doença de base
Diagnóstico diferencial
Dengue
Casos nas Américas
Dezembro/2014
Prof. Vitor Laerte
vitorlaerte@gmail.com

1.011.548 casos !!!
Havendo persistência por mais de 3 meses, intala-se a fase crônica
Fadiga
persistência do exantema
Diagnóstico Específico
Inoculação
Manifestações
Clínicas
IgM
IgG
D -4 a D-5
D0
D4 a D7
D15
P. Incubação
Isolamento Viral
Etiologia
Três variantes virais:
Mais antigo - Oeste Africano
Sudeste, Leste e Centro Africano
Asiático e Oceano Índico
Ciclos enzoóticos
Outros DDs
Malária
Leptospirose
Febre Reumática
Eritema nodoso
Artrite séptica
Terapêutica
Grupos de Risco
Gestantes
Menores de 2 anos
Maiores de 65 anos
Comorbidades
Alcoolismo
Exames
Resumo:
Lembrar - Febre e dor articular
Diferenciar da dengue
Nunca tratar com AINEs na fase aguda
até 12 semanas
Algumas
Manifestações
Christine Chevillon. The Chikungunya threat: an ecological and evolutionary perspective. Trends in Microbiology Vol.16 No.2
Fabrice Simon. Chikungunya Virus Infection.Curr Infect Dis Rep (2011) 13:218–228
Vírus enzoótico encontrado em regiões tropicais e subtropicais da África, nas ilhas do Oceano Ìndico e no Sul e Sudeste da Ásia
Gênero Alphavírus
Família Togaviridae
Exemplos de Alfavírus:

O’nyong-nyong (ONNV)
Mayaro - Região Amazônica
Weaver SC. PLoS Negl Trop Dis. Jun 2014; 8(6): e2921
Níveis de Resposta:
Nível 0 Notificação de casos importados
Nível 1 Notificação de casos autóctones esporádicos
Nível 2 Transmissão sustentada com aglomerado de casos autóctones
Nível 3 Transmissão sustentada com taxa de ataque de 30%
Reforço na assistência e na capacidade diagnóstica

A partir do nível 2 - não solicitar mais exames específicos.

Reforçar controle vetorial, a partir do nível 2 concentrar o controle ao redor dos locais onde houver detecção de casos.
Uso de Repelentes

Cuidadados com doadores de Sangue
Referências:
MS/SVS - www.saude.gov.br
OPAS - Chikungunya - www.paho.org
CDC - www.cdc.gov
Blog:
Infectologiabr.blogspot.com.br
Full transcript