Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Cogumelos Micorrízicos em Souto

No description
by

Carlos Ventura

on 18 July 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Cogumelos Micorrízicos em Souto


Cogumelos Micorrízicos em Souto
Aumento da produtividade do Castanheiro
Carlos Ventura
Em primeiro lugar, vamos tentar
perceber o que são Micorrizas.
As Micorrizas são associações simbióticas mutualistas que se estabelecem entre os micélios de alguns fungos e as raízes das árvores.
Micélio do
cogumelo
Micélio do cogumelo
Raíz da árvore
Micorrizas.
Pontos de união entre
o micélio e a raíz.
Carlos Ventura
Micélio
Raízes
Micorrízas
Vantagens das Micorrizas
Favorecem a captação de água e nutrientes minerais.
A área de absorção das raízes aumenta até cinco vezes.
A capacidade de absorção de nutrientes é facilitada, na medida em que torna solúveis alguns sais minerais como o fósforo.
Aumenta a resistência ao stress hídrico, na medida em que actua como uma esponja, retendo a água por muito mais tempo.
Protege as raízes contra doenças, na medida em que impede o acesso de determinados patógenos e vermes nocivos às mesmas. Segrega também antibióticos e hormonas protectoras.
Funciona como um filtro, absorvendo metais pesados e outros tóxicos que poderiam contaminar a árvore.
Ajuda na recuperação dos solos ao promover a agregação das partículas, aumentando a permeabilidade à água e ao ar, impedindo a erosão dos mesmos.
Produzem cogumelos comestíveis, para consumo ou venda.
Vantagens para o produtor.
Aumento do aproveitamento dos fertilizantes e nutrientes do solo.
Para o agricultor: Diminuição nos custos de produção.
Favorece a captação de água e nutrientes minerais.
Para o agricultor: Aumento da produção agrícola.
Estimulação do crescimento aéreo " ramos e folhas " da planta, bem como do crescimento radical " raízes ".
Para o agricultor: Ciclo produtivo mais longo, com melhores produções e com maior segurança para o agricultor.
Protecção contra patógenos e vermes prejudiciais.
Para o agricultor: Diminuição nos custos de aplicação de fungicidas e pesticidas.
Hifa de um fungo.
Nemátodo preso à hifa.
Carlos Ventura
Hifas englobando uma raíz.
No Nordeste Transmontano existem espécies lenhosas de grande importância económica, como o Castanheiro, o Pinheiro e o Carvalho, que estabelecem associações simbióticas com fungos, resultando na formação de micorrizas.
Uma pequena fracção destes fungos produz estruturas reprodutoras macroscópicas, os carpóforos ou cogumelos, alguns dos quais com elevada valorização comercial nos mercados internacionais.
A micorrização dos castanheiros visa, por um lado, aumentar o sucesso do processo de plantação/reflorestação e por outro, aumentar o rendimento destas árvores, com a produção potencial de cogumelos silvestres, que possam constituir uma alternativa económica para as populações rurais da região.
Um dado importante a ter em conta, é o facto de o conjunto de fungos micorrízicos que acompanha as diferente espécies florestais, variar com a idade das árvores plantadas.
No geral, podemos dizer que as espécies fúngicas com maior interesse gastronómico e económico como sejam o Amanita Caesarea, Boletus do grupo Edulis e Lactarius em pinhais, surgirem apenas quando as árvores das espécies florestais com que micorrizam, estarem já num estado de desenvolvimento médio.
Nas fases iniciais de florestação, os fungos que podemos encontrar, e que coincidem com os utilizados na micorrização em viveiros são a Laccaria bicolor, Thelephora terrestre, Laccaria lacatta, Scleroderma polyrrhizum e Pizolithus tinctorius.
Pizolithus
Pizolithus tinctorius
Scleroderma polyrrhizum
Laccaria lacata
Numa segunda fase de evolução florestal, surgem os cogumelos micorrízicos mais importantes do ponto de vista gastronómico. Mas não só!!!!!
Boletus edulis
Boletus edulis
Amanita caesarea
Boletus regius
Cantharellus cibarius
Boletus pinophilus
Russula
cyanoxantha
Russula virescens
Amanita rubescens
!!!!
Atenção aos cogumelos que se seguem
!!!!
Paxillus involutus
Mortais em cru.
Amanita phanterina
Cogumelo muito tóxico
Amanita muscaria
Conhecido por ressalgar
E o mortalíssimo...
Amanita phalloides
Para terminar, apenas referir que estes últimos cogumelos que vimos, tóxicos ou mortais, desempenham um papel fundamental na estabilidade da floresta. Não os destrua.
Obrigado pela vossa atenção.
Carlos Ventura
Full transcript