Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

FARC-Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia

No description
by

Felipe Hardy

on 16 April 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of FARC-Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia

O que é a FARC?
Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia – Exército do Povo, FARC, é uma organização de inspiração comunista, auto-proclamada guerrilha revolucionária marxista-leninista, que opera mediante táticas de guerrilha. Lutam pela implantação do socialismo na Colômbia e defende o direito dos presos colombianos.
Áreas ocupadas pela FARC na Colômbia
As consequências geopolíticas vindas com a FARC
As ações da FARC trazem consequências para toda a América Latina, através de ataques diretos, ou incentivando o narcotráfico pela venda de drogas como cocaína e maconha.

Em 1991, 40 elementos que se declararam membros da FARC invadiram o Brasil e atacaram de surpresa um destacamento militar brasileiro de 17 homens. Como resposta o Exército Brasileiro intensificou o patrulhamento nas fronteiras com a Colômbia.
O movimento armado
Os sequestros e o contrabando de drogas, em especial da cocaína, são práticas comuns nas Farc, pois através desses recursos, a organização obtém dinheiro para se equipar militarmente. Segundo estimativas do governo colombiano, a organização possui entre 6000 a 8000 membros, dos quais aproximadamente 20 a 30% deles são recrutas com menos de 18 anos de idade. Além disso, ela propõe utilizar a luta armada como parte de uma estratégia política para chegar ao poder. 
As Razões do Conflito
O principal motivo é a fundação de um estado socialista colombiano. Um dos objetivos do grupo é tomar o poder do país pela força. Além disso, as FARC propõe 4 reformas nas negociações de paz com o governo:
1.criação da assembleia nacional constituinte na Colômbia aprovada por referendo.
2.Reforma fiscal.
3.Reforma Agrária.
4.Desprivatizar instituições públicas que foram concedidas a iniciativa privada.

FARC-Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia
Segundo a liderança das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), existem atualmente cerca de 6 mil mulheres em suas fileiras. Segundo Guerrilheiras, há um respeito mútuo entre os membros, as mulheres que não querem se relacionar intimamente com ninguém são respeitadas. De acordo com ela, as Farc realizam cotidianamente uma série de cursos que promovem o respeito entre seus integrantes.
Hoje, a guerrilha acredita que 30% a 40% da sua força de combate, com 17 mil integrantes, seja feminina.
Mesmo que o número de homens seja maior, a participação das mulheres é considerada importante para as Farc, em comparação com as Forças Armadas da Colômbia. Comparativamente, o Exército colombiano, por exemplo, conta com apenas 2% de mulheres e, mesmo assim, quase todas elas desempenhando funções administrativas, longe dos combates.
"Nas Farc, não há discriminação. Aqui, homens e mulheres, somos todos iguais. Todos temos as mesmas obrigações e direitos. Muitas vezes sentimos medo antes de irmos para um combate, porque somos humanos e não por causa de uma diferença de sexo.”
Depoimento de uma das guerrilheiras
Movimento armado
As mulheres na FARC
Relação da Farc com o narcotráfico na Colômbia e no mundo
As FARC começaram no início da década de 1980 com os primeiros movimentos em relação ao cultivo e tráfico de drogas.
Acredita-se que em 406 municípios da Colômbia, operam grupos criminosos e que estes fizeram uma aliança estratégica com outros grupos e gangues criminosas como as FARC, o ELN, entre outros. A aliança obedece principalmente o cultivo e tráfico de drogas, uma tarefa que gera renda e sustenta as finanças dessas organizações.
FARC e o governo Colômbiano
Já foram muitas tentativas de estabelecer paz entre as duas organizações, porém, atualmente a negociação de paz entre o governo e as FARC finalmente voltam a acontecer. Esta é a 3ª tentativa em cinquenta anos e está acontecendo em Oslo, Noruega
Os cinco itens da pauta incluem assuntos delicados, como o narcotráfico, os direitos das vítimas do conflito, a propriedade fundiária, a participação política das Farc e o fim da guerra civil.
Apesar disso, os rebeldes não concordaram o cessar fogo durante as negociações e continuam atacando
A Origem da Farc
Em um contexto pós WWII, a construção de um mundo bipolarizado entre EUA e URSS traçou um conjunto de transformações que rompia com o limite de territórios nacionais. O mundo se dividia na Guerra Fria e a América seria um campo de homogênea dominação capitalista. . No entanto, todo esse esforço em prol do total alinhamento político nas Américas sofreu grandes resistências. A iniciativa de grupos políticos comunistas e nacionalistas frente a presença imperialista dos Estados Unidos manifestou-se em varias nações latino-americanas. O caso mais famoso de ação guerrilheiro conhecido foi constituído na Colômbia no final dos anos 60, a FARC.
Referências Bibliográficas

http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2003/030310_colombiaguerrilheirasvr.shtml

http://pt.wikipedia.org/wiki/For%C3%A7as_Armadas_Revolucion%C3%A1rias_da_Col%C3%B4mbia

http://www.brasilescola.com/historia/farc.htm

http://www.dw.de/acordo-de-paz-com-as-farc-traria-economia-e-reduziria-tr%C3%A1fico-de-drogas/a-16304568

http://geografando-conflitosgeopoliticos.blogspot.com.br/2010/10/farc.html


Grupo:
Felipe Hardy - 15
Davi Cardoso - 11
Déborah Dias - 13
Ítalo Carvalho - 19
Fernanda Soares - 17
Full transcript