Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Seminário de Neuroanatomia

"Correlações anatomoclínicas das lesões cerebelares e suas repercussões" - Seminário de Neuroanatomia do grupo 5 para a disciplina de Anatomia Topográfica da Escola Paulista de Medicina
by

Marília Ito

on 12 November 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Seminário de Neuroanatomia

Seminário de Neuroanatomia
Grupo 5
Correlações anatomoclínicas das principais lesões cerebelares e suas repercussões
O cerebelo
Latim cerebellum, “Pequeno cérebro”
150 g, 10% peso do encéfalo
Mais da metade dos neurônios do encéfalo
Função principal: coordenar e estabilizar o movimento

Funções
Manutenção do equilíbrio e da postura
Controle do tônus muscular
Controle dos movimentos voluntários (planejamento e correção do movimento)
Aprendizagem motora
Localização anatômica
Fossa posterior do crânio
Abaixo do tentório do cerebelo (prega da dura-máter)
Cobre a face posterior da ponte e do bulbo
Contribui para a formação do teto do quarto ventrículo
O cerebelo
Estrutura mediana = verme
Dois hemisférios laterais
Conexões
O cerebelo se comunica com o resto do sistema nervoso através de seus pedúnculos
Pedúnculo cerebelar superior:
cerebelo mesencéfalo
Pedúnculo cerebelar médio:
ponte cerebelo
Pedúnculo cerebelar inferior:
bulbo cerebelo
Composição
Substância cinzenta = córtex cerebelar
Substância branca: padrão de ramificação referido pelos primeiros anatomistas como arbor vitae.
saliências corticais = folhas (giros)

Um pouquinho de Neuroanatomia...
No centro da substância branca estão 4 pares de núcleos do cerebelo:
núcleo denteado
núcleo emboliforme
núcleo globoso
núcleo do fastígio
Os impulsos que saem do cerebelo derivam desses núcleos


Divisões
Divisão Anatômica
Lobos:
anterior
posterior
(com as tonsilas do cerebelo)
floculonodular

Divisão Filogenética
Arquicerebelo (lobo floculonodular)

Paleocerebelo (lobo anterior + pirâmide e úvula)

Neocerebelo (lobo posterior)

Cerebelo Vestibular (~floculonodular)
Equilíbrio do corpo e dos movimentos dos olhos

Cerebelo espinal (~anterior)
Controle do tônus muscular e dos movimentos do tronco e dos membros

Cerebelo cortical (~posterior)
Papel no planejamento e iniciação dos movimentos e regulação dos movimentos delicados dos membros

Divisão Funcional
Aferências Cerebelares
Recebe informações de:
Sistema vestibular:
equilíbrio corporal

Medula espinal:
posição e condição dos músculos, tendões e articulações

Córtex cerebral:
planejamento e iniciação do movimento

Vascularização do cerebelo
Suprimento Arterial
artéria cerebelar inferior posterior
artéria cerebelar inferior anterior
artéria cerebelar superior
Numerosas anastomoses!

Cerebelo é drenado por 3 veias:

Veia cerebelar anterior (“veia petrosa”) -> seio petroso
Veia cerebelar superior -> veia cerebral magna
Veia cerebelar posterior -> seio transverso/seio reto

Territórios de irrigação
Drenagem Venosa
Organização Somatotópica
O corpo é representado 3 vezes
Tronco é representado na linha mediana
Membros mais lateralmente, nos hemisférios

E quais as aplicações disso?
Correlações Anatomoclínicas
Artéria basilar ->
ACS
-> maior parte da face superior dos hemisférios e do verme, além dos núcleos do cerebelo
Caso da Enfermaria de Neurologia
EXAMES
Caso clínico
3 categorias de sintomas
Correlações com as partes do cerebelo
Síndromes Cerebelares
Causas de alterações cerebelares
Ataxia
Principalmente nos membros (marcha atáxica), incoordenação na fala
Perda de equilíbrio
Diminuição do tônus da musculatura esquelética
Dificuldade em se manter em posição ereta

"base larga"
Síndrome do Paleocerebelo
(lobo anterior)
Perda do equilíbrio (base alargada)
Ataxia de membros inferiores.

Consequência da degeneração do córtex do lobo anterior no alcoolismo crônico.
Síndrome do Arquicerebelo
(Lobo Floculonodular)
Tumores em crianças < 10 anos
Síndrome do Neocerebelo
O neocerebelo
Dissinergia
Movimentos voluntários são trêmulos e espasmódicos.
Disdiadococinesia
Dificuldade de fazer movimentos rápidos e alternados.
Tremor
Acentuado ao final do movimento ou quando o paciente está prestes a atingir um objeto.
Nistagmo
Movimento oscilatório rítmico dos bulbos oculares
Dismetria
Execução defeituosa de movimentos que visam atingir um alvo
Manobra índex-nariz
Disartria
Fala indistinta e hesitante
Quais serão as sequelas?
Funcionalmente relacionado ao córtex cerebral
Planejamento, iniciação e regulação do movimento
Lesões nessa área manifestam-se por uma incoordenação motora (ataxia), que pode ser testada por vários sinais
Voltando para o nosso caso clínico...
Obrigada!
Artéria vertebral ->
ACIP
-> maior parte da superfície cerebelar

Artéria basilar ->
ACIA
-> pequena área da face inferior cerebelar

Dois quadros patológicos principais
É comum o envolvimento global do cerebelo com o aparecimento de todos os sintomas (~embriaguez, labirintite)
Lesões Hemisféricas
Manifestam-se
ipsilateralmente
nos membros e dão sintomatologia neocerebelar relacionada à coordenação dos movimentos.
Lesões do Vérmis
Manifesta-se, principalmente, por
perda de equilíbrio
com alargamento da base de sustentação e alterações na marcha (marcha atáxica).
Síndromes Vasculares
Eventos isquêmicos = 1% de todos os AVEi, mortalidade 20-50%
Eventos hemorrágicos = 10% de todas as hemorragias intracranianas, 50% entra em coma nas primeiras horas/dias
Síndromes do desenvolvimento
Malformação de Chiari
Malformação /Complexo de Dandy-Walker
Hipoplasia cerebelar
Divisão Transversal
ID: EFC, 50anos, masculino, admissão em 14/10
QD: Dor de cabeça há 2 horas
HPMA: Paciente admitido com cefaléia súbita há 2 horas, evoluindo com rebaixamento do nível de consciência. Glasgow de entrada 13 com queda abrupta durante exame de tomografia para Glasgow 6.
EF: MEG, PA 170x110mmHg, FC 66bpm
TC crânio: Hemorragia subaracnoídea, hemoventrículo e hidrocefalia
AngioTC: pseudoaneurisma de artéria cerebelar posterior inferior
Diagnóstico: Hemorragia subaracnoídea secundária a aneurisma intracraniano roto.
Conduta: encaminhado em 16/10 à neurocirurgia para implantação de stent no pseudoaneurisma.
Evolução: Paciente apresentou quadro de isquemia de grande parte do hemisfério cerebelar esquerdo decorrente da cirurgia.
Lesão de hemisfério esquerdo

Ataxia do lado esquerdo
Resumindo...
Distúrbios vestibulares (base larga, instabilidade, SEM alteração de tônus muscular)
Anormalidades dos movimentos oculares (nistagmo).
Lesões em áreas isoladas do cerebelo, produzem um conjunto de sintomas que permite definir síndromes específicas.
Divisão Filogenética
Divisão Funcional
Divisão Anatômica
Arquicerebelo
Paleocerebelo
Neocerebelo
C. Vestibular
C. Espinal
C. Cortical
Lobo Floculonodular
Lobo Anterior
Lobo Posterior
Full transcript