Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Educação:

No description
by

Luciana Albuquerque

on 31 July 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Educação:

Interesses
Educação
Redes Sociais
Experiências
Bibliografia
Luciana Albuquerque
Objetivos:
Uma visão panorâmica:
Pierre Lévy
PLATAFORMAS
SOCIAL
SMS
As novidades tecnológicas são atuais mas se baseiam em mudanças que vieram antes.
Tema: Relações entre as novas tecnologias de comunicação/informação e o conhecimento: ensino, aprendizagem e práticas de estudo.
CENTRO DE ESTUDOS
Paula Sibilia
Livro como tecnologia.
O hábito da leitura em silêncio.
Perigo do vício!
Estar sozinho com o livro ou um caderno era novo! Era necessário um isolamento.
O quê mudou?
Como é o tipo de sujeito que está se fazendo em contato ativo com esse referencial tecnológico?
Contemporâneo
Presente em transformação
Relações / conexões;
Provocar diálogos.
Ensino, aprendiagem e
prática de estudo.
Reflexão pedagógica /práticas na escola.
Comunicação Linguagem
"...é nossa maneira particular de ser humanos e estar no fazer humano. Por isso a linguagem é nosso ponto de partida, nosso instrumento cognitivo e nosso problema."
(Maturan & Varela, 2001, p. 32)
Lemos, A. & Lévy, P.
(2010) O futuro da Internet: Em direção a
uma ciberdemocracia planetária. São Paulo: Paulus, 258p.
Lévy, P.
(1956) O quê é o virtual? Tradução de Paulo Neves, São Paulo, Ed. 34, 1996.
Maturana, H.R. & Varela, F. J,
(2001) - A árvore do conhecimento: as bases biológicas da compreensão humana. Tradução: Humberto Mariotti e Lia Diski. São Paulo, Palas Athena
Saléh Amado, L. A.
Entre a criação e a obediência: a judicialização invade a escola. Psicologia em Estudo [online] 2014, 19 (Julio-Septiembre) : [Date of reference: 19 / junio / 2015] Available in:<http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=287132694005> ISSN 1413-7372
Sancovschi, B. e Kastrup, V.
- Práticas de estudo contemporâneas e a aprendizagem da atenção. Psicol. Soc. [online]. 2013, vol.25, n.1, pp. 193-202. ISSN 1807-0310. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-71822013000100021.
Sibilia, P.
(2012). Redes ou paredes: a escola em tempos de dispersão. Rio de Janeiro: Contraponto.

http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2015/05/mundo-tem-32-bilhoes-de-pessoas-conectadas-internet-diz-uit.html - acesso em 18/06/2015


* Problematizar as relações entre as novas tecnologias de comunicação/informação com a produção do conhecimento na contemporaneidade;

* Provocar reflexões sobre as nossas práticas pedagógicas.
Abordaremos o tema de forma abrangente e introdutória, apresentando pistas e conexões.
O que é o virtual?
O mundo digital faz absolutamente parte da realidade.
Os computadores são reais assim como nós humanos.
O que é imaterial é a significação.
O mundo da significação é o verdadeiro mundo virtual, que começa com a linguagem e não com os computadores.
Eles são capazes de manipular de maneira automática os signos da linguagem.
A abstração do virtual é o conceito.
Noticia vinculada em 26/05/2015: O número de internautas já é de 3,2 bilhões no mundo (43%), segundo dados divulgados nesta terça-feira (26) pela União Internacional das Telecomunicações, órgão vinculado à Organização das Nações Unidas (ONU).
Indivíduos conectados em 2000 eram apenas 400 milhões (6,5% da população mundial).
Apesar do avanço, ainda há 4 bilhões de pessoas fora da internet.
Em 1994 apenas 1% da população mundial estava conectada.

Não há como prever os efeitos da velocidade dessa transformação.
Características dessa mídia:
Ubiquidade das informações (NOVO)
Interconexão (entre as informações e os documentos - hiperlinks. Temos um hiperdocumento gigantesco sempre sendo desenvolvido e entre as pessoas, formando uma interconexão geral;
Automatização da transformação dos símbolos.


"Raciocinar em termos de impacto é condenar-se a padecer. De novo, a tecnica propõe, mas o homem dispõe. Cessemos de diabolizar o virtual (como se fosse o contrário do real!). A escolha não é entre a nostalgia de um real datado e um virtual ameaçador ou excitante."
(Lévy,1956, p. 161)
Pierre Lévy
Paula Sibilia
"Os celulares invadem a escola"
Exemplo 1
Estudo de duas horas: sobre a temporalidade da atenção
Exemplo 2
A vivência de um concurso público - entre as novas e as antigas tecnologias
Análise de atividade
Artigo "Entre a criação e a obediência: a judicialização invade a escola"- Prof. Luiz Antonio Saléh
Artigo - "Práticas de estudo contemporâneas e a aprendizagem da atenção" (Beatriz Sancovschi e Virgínia Kastrup)
Desenvolvimento
"
Todo fazer é um conhecer e
todo conhecer é um fazer
"
(Maturana e Varela, 2001, p.32)
Full transcript