Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Metodologia do Ensino de Artes - Portfólio

No description
by

Camila Ferreira

on 12 June 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Metodologia do Ensino de Artes - Portfólio

Portifolio de experiências estéticas da Camila
No inicio...
A arte na escola
Na USP
Vasculhando, vasculhando, e vasculhando mais um pouco, encontrei uma Camila. Ela fazia muita arte, mas não era a Arte de Picasso...
No ensino fundamental, a arte que podia vir de mim teve que dar espaço para a arte que a escola queria que se tornasse minha... Era um pouco difícil deixar a imaginação fluir...
Na escola, conhecemos todos os grandes artistas, como Picasso; Van Gogh. Faziamos muitas releituras das obras famosas.
No ensino médio, não teve mais aulas de arte, mas tinha excursão para museus...
No lab de narração tive que enfrentar a minha vergonha e o medo de ser julgada pelos outros para narrar estórias...
No lab de dança contemporânea deixei meu corpo fluir...
Hoje eu levo comigo todas as estórias que ouvi, pois elas já fazem parte de mim... Cair e levantar é bem mais fácil quando dentro de você há algo de impulsiona... Andar, correr, pular, mover os braços, enfim, não são mais simples movimentos, são o meu ser fluindo...
Há momentos na vida em que a gente se pergunta: Quem eu sou? Para não se perder numa inundação de dúvidas é necessário vasculhar a nossa mente para encontrar o momento da nossa vida em que nos perdemos, para nos reencontrar...
1998
Eu desenhava muito na escola, mas só podia desenhar o que a professora mandava.
Então, o lugar onde podia ser livre era a minha casa. Lá eu me sentia uma diva...
Como eu adorava posar para fotos...

1995
Porém, às vezes, as pessoas nos lapidam até sobrar a nossa parte manipulável: QUIETA, SILENCIO, NÃO MECHA, NÃO RABISCA. Assim a primeira Camila foi embora...
Essa é a releitura da monalisa de Botero. Não sei por que, mas todo mundo pergunta se é retrato da minha mãe....
No final do ensino fundamental, comecei a ir nos museus de São paulo...
Oca, Parque Ibirapuera
Museu do Ipiranga
Museu da Língua Portuguesa
Entretanto, se expressar era algo muito limitado. Um tanto robótico. Por muitos e muitos anos, vivi sem saber que rumo a minha vida deveria tomar. Na dúvida, segui o fluxo... Entrei no curso de Pedagogia, na USP...
Na faculdade comecei a frequentar o laboratório de experimentação em arte e cultura (lab_art). Meu reencontro começou no núcleo de narração de estórias... Lá eu ouvi tantas estórias que curam almas.
2011
2012
Sarau do lab em 2012
Ensaio para o sarau de 2013
Minha jornada continua...
Full transcript