Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Alimentação no Primeiro ano de Vida

No description
by

Andreia Filipa

on 20 March 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Alimentação no Primeiro ano de Vida

Alimentação no Primeiro ano de Vida
Leites Adaptados
Biberões
Os pediatras recomendam que a esterilização de todos os objectos do bebé seja feita após cada uso, pelo menos, até ao terceiro mês de vida da criança.
Durante os primeiros meses de vida, o bebé alimenta-se exclusivamente de leite materno e/ou infantil.
A partir dos 4-6 meses deve começar a introduzir-se os novos alimentos na sua alimentação diversificada.
Diversificação
Alimentar

Etapas do Leite Materno
Os primeiros alimentos a partir dos 4 meses
Andreia Filipa Lopes Nogueira nº1 12ºJ
Webgrafia
ÍNDICE
B. Alimentação no Primeiro ano de vida.
Leite Materno;
Leites Adaptados;
Biberões;
Limpeza de materiais.
C. Diversificação Alimentar.
INTRODUÇÃO
CONCLUSÃO
Leite Materno
O leite materno tem tudo a seu favor,satisfaz na perfeição as necessidades nutricionais do bebé e a sua composição vai evoluindo de modo a acompanhar o crescimento e desenvolvimento do bebé, bem como as suas crescentes necessidades nutricionais.
Após o nascimento, o bebé alimenta-se de um "leite" amarelado e espesso que é muito fácil de digerir.
Este "leite" é chamado de colostro, um “leite” que a mãe produz desde o segundo trimestre de gravidez.
O colostro é rico em proteínas e anticorpos e constitui o alimento ideal para o bebé recém-nascido.
Além disso, vai ajudar o bebé a fazer as suas primeiras fezes, chamado de mecónio. O colostro deve ser oferecido ao bebé sem limitação e tão cedo quanto possível.
O colostro dá lugar ao "leite de transição".
Este leite é mais alaranjado e fluido, e é menos rico em proteínas mas mais rico em lactose (açúcar do leite), lípidos (gordura) e cálcio. É este primeiro leite que é comumente referido como "a subida do leite" e que significa que a mãe começa a produzir leite em maior quantidade.
Do 3º ao 14º dia
No final da segunda semana
O leite torna-se "maduro".
O leite maduro tem uma cor branco-azulada é ligeiramente transparente e contém tudo o que o bebé necessita para o seu crescimento: água, proteínas, hidratos de carbono (90% dos quais na forma de lactose, essencial para o desenvolvimento cerebral), lípidos (incluindo ácidos gordos essenciais), minerais (cálcio, ferro, fósforo, etc.) e todo o tipo de vitaminas.
A mãe pode optar pela amamentação,ou não, caso a sua escolha seja não amamentar, a escolha do leite a dar ao bébé é uma tarefa muito importante.
http://www.sweetcare.pt/nutriben-papas-com-gluten-mais-6-meses-p-CR0002NU.aspx
http://www.sweetcare.pt/nutriben-papas-sem-gluten-mais-4-meses-p-CR0001NU.aspx
http://www.sweetcare.pt/nutriben-leites-especificos-p-CR0004NU.aspx
Vidro ou plástico?
Que tamanhos e formas escolher?
Quantos biberões devo comprar?
Tetina de silicone, borracha, látex ou tetinas especiais para facilitar a transição do aleitamento materno para o biberão: qual escolher?
Curiosidade

3520 é o número médio de biberões que um bebé toma durante os primeiros três anos de vida!
Com a Realização deste trabalho pretendo mostrar algumas responsabilidades evidentes na "criação" de um bébé.
Relativamente á alimentação no primeiro ano de vida, vou abordar temas como a importancia do leite materno, e os se nãos dos leites adaptados, bem como, qual o melhor biberão a comprar na hora de escolher, e por ultimo, a limpeza do material, como por exemplo dos biberões.
Como seres indefesos, os bébés, precisam de alguem responsável para seus cuidadores e que tenham em atenção as suas necessidades nutricionais, assim sendo este será também um dos temas que abordarei.
Limpeza do Material
No entanto, é necessário que não se esterilize durante um período de tempo para que as crianças entrem em contacto com as bactérias que vão ajudar a desenvolver as suas próprias defesas.
Após os quatro meses será necessário, por precaução, fazer uma esterilização a cada 15 dias para evitar que os resíduos de leite ou de outros alimentos possam gerar germes.
Mais tarde, lavar com água e sabão será suficiente.
Limpeza do Material
Limpeza do Material
A partir dos seis meses os utensílios de comer do bebé podem ser lavados na máquina mas num programa com uma temperatura acima dos 80 graus. Contudo, recomenda-se que tanto a tetina como o biberão sejam esterilizados de vez em quando para eliminar as possíveis bactérias.
Limpeza da Roupa
A primeira sugestão dos pediatras é lavar todas as roupinhas antes do bébé as vestir.
Dispense produtos químicos usados em roupas de adultos e até mesmo os produtos infantis, que devem ser utilizados somente a partir do quarto ou quinto mês.
Limpeza da Roupa
Para os recém-nascidos, o mais recomendado é o sabão de coco ou neutro, que tem menos ácido e perfume na composição, portanto não causa alergia. Nada de amaciantes, alvejantes, sabão em pó comum ou removedor de manchas.
Papa de cereais sem glúten devido ao seu sabor simples e textura suave, à sua riqueza nutricional e à sua fácil digestão.
Puré de fruta: Preferencialmente da época e bem madura, começando pela maçã, pera, banana e marmelo, etc. Pode ser fruta crua esmagada ou ralada, ou cozida, sem adicionar açúcar.
Puré de legumes: legumes simples por exemplo de batata e gradualmente pode introduzir outros legumes como abóbora.
Os primeiros alimentos a partir dos 6 meses
Papas de cereais com glúten
Carne: Preferencalmente as variedades mais magras como a carne de aves, como frango e peru, e de coelho.
Alimentos lácteos infantis que podem combinar os benefícios nutricionais do leite com o delicioso sabor da fruta ou dos cereais, contribuindo para a ingestão de leite e seus derivados que são ricos em cálcio.
Os primeiros alimentos a partir dos 8 meses
Peixe: Prefira os peixes brancos como pescada, linguado e maruca. O peixe deve ser adicionado triturado à sopa de legumes.




Gema de ovo: A partir dos 9 meses é possível introduzir a gema na sopa de legumes do bebé até 2 vezes por semana.
No início junta-se apenas ¼ gema cozida, ½ na semana seguinte e após um mês uma gema inteira.
Os primeiros alimentos a partir dos 8 meses
Arroz e massa: A partir dos 10 meses introduzir o arroz em bago e a massinha (como estrelinhas e letras) em pequena quantidade e muito bem cozida na sopa de legumes.
Leguminosas: A partir dos 10 meses, as leguminosas, como feijão e grão, podem ser adicionadas à sopa de legumes em pequena quantidade
Os novos alimentos a partir dos 12 meses


A alimentação da criança deve ser dividida em 4 a 5 refeições com intervalos regulares por dia: pequeno-almoço, meio-da-manhã, almoço, meio-da-tarde, jantar, e se necessário, ceia.
O melhor indicador é o bebé: ele vai parar ou recusar comer quando estiver saciado.
Finalmente, e o que dar de beber ao bebé? Água ou sumo 100% fruta, sem adição de açúcar
Com a Realização deste trabalho espero ter elucidado dos os meus colegas para a importancia da diversidade alimentar no primeiro ano de vida bem como outros cuidados relativos a alimentação.
Disciplina: Saúde
Docente: Ana Magalhães
Módulo 9: Saúde Infantil
Ano letivo: 13/14
http://www.nestlebebe.pt
http://www.lindoyaverao.com.br/noticias/11-beneficios-de-beber-agua-mineral/
http://www.maemequer.pt/
http://demaeparamae.pt/

A. Introdução
D. Conclusão
E. Webgrafia
Full transcript