Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Atividade Física

No description
by

Clarissa de Souza

on 23 August 2011

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Atividade Física

Promoção de Saúde Currículo intenso
Carga horária pesada
Pesquisa
Extensão
Internato
Atividade extracurriculares
transporte próprio
não participação de atividades domésticas Heinisch, 2009 (cc) photo by Jakob Montrasio Intro Epidemiologia Orientação da Atividade Física Atividade Física,
Capacidade Funcional e Longevidade Equilíbrio Flexibilidade Fortalecimento
muscular Atividades
aeróbicas Efeitos
metabólicos Efeitos cognitivos
e psicossociais Efeitos
antropométricos Efeito nas
quedas Efeito
terapêutico Referências Heinisch, R H, Zkowiski, C N, Heinisch, L M M. Fatores de risco cardiovascular em acadêmicos de medicina. Arquivos Catarin. de Med., v.3 n.1, 2007

Fiedler, P T. Avaliação da qualidade de vida do estudante de medicina e da influência exercida pela formação acadêmica. Tese de doutorado, São Paulo, USP, 2008.

Mantovani, E P, Forti, V A M. Epidemiologia, Atividade Física e Saúde. Unicamp.

Matsudo, S M, Matsudo, V K R e Barros Neto, T L. Atividade física e envelhecimento: aspectos epidemiológicos. Rev Bras Med Esporte, v7, n1, 2001

Matsudo, S M. Envelhecimento, atividade física e saúde. São Paulo: Bol. Inst. Saúde, n.47, 2009 Maior prevalência de sedentarismo, estresse e consumo de álcool nos acadêmicos de medicina "Quanto mais ocupado o médico, mais valorizado".
Simbiose médico-paciente, pacientes em primeiro lugar"
Insubstituível e onipotente"
não utiliza seus conhecimentos para si, perdendo gradativamente qualidade de vida e satisfação pessoal Rego, 2003
apud Fiedler, 2008 Estratégia Saúde da Família Modelo de organização dos serviços de Atençao Primária à Saúde

Nasceu da descentralização do SUS

Superação do modelo tecnicista hegemônico

Enfoque integral à família Atenção Primária à Saúde (APS)

Primeiro contato, integral e continuado

Prevenção dos agravos

Promoção da Saúde

Construção de uma relação médico - paciente sólida Equipe Multidisciplinar

Retirada do foco no médico

Interdisciplinaridade

Trabalho em equipe é fundamental Ações de Promoção da Saúde

Engloba promoção, prevenção, cura e reabilitação Perspectivas
Saúde: setor que mais se democratizou no Brasil

Aumento na cobertura das ações primárias

Redução da morbimortalidade

Mudanças na formação profissional
- Novo currículo da FAMED Atividade Física Camila S, Clarissa, Diandra, Gustavo, Haiana e Manuel Universidade Federal de Alagoas
Faculdade de Medicina (cc) image by nuonsolarteam on Flickr • Por que a atividade física tornou-se um fator importante para a manutenção da saúde?

Teoria ecológica das doenças infecciosas -> Redes multicausais na determinação das doenças-> Importância do estilo de vida -> Promoção de saúde e redução da mortalidade

•Epidemiologia X Atividade física

•Sedentarismo : Fator de risco!
Ex: Diabetes Mellitus, hipertensão arterial, osteoporose, doenças cardiovasculares, entre outras. Utilização do método epidemiológico na prevenção • Estudos sobre epidemiologia da atividade física
Na maioria dos países em desenvolvimento, como o Brasil, mais de 60% dos adultos que vivem em áreas urbanas não estão envolvidos em um nível suficiente de atividade física.

Sedentarismo Mulheres - 58,9%; Homens – 77,8% Em países em desenvolvimento, a ocupação e a locomoção representam uma proporção substancial do total da atividade física do indivíduo. Sedentarismo de forma global -> Baixa escolaridade x atividade física -> atividades no trabalho, atividades domésticas e deslocamentos Benefícios da atividade física:
- Diminui o risco de aterosclerose e suas conseqüências ajuda no controle da obesidade, da hipertensão arterial, do diabetes, da osteoporose, das dislipidemias e diminui o risco de afecções osteomusculares e de alguns tipos de câncer
- Controle da ansiedade e da depressão
- Proporcionar melhor auto-estima e ajuda no bem-estar e socialização
- No Brasil, as doenças cardiovasculares respondem por 33% das causas de morte e representam os maiores gastos para o SUS. Atividade física em crianças e adolescentes

Alguns fatores de risco para o sedentarismo: pais inativos fisicamente, escolas sem atividades esportivas (quase a metade dos escolares não tem aulas regulares de educação física), residir em área urbana, TV no quarto da criança. Entre aqueles que foram atletas durante a adolescência, a prática de AFL na vida adulta foi maior O que fazer? Educação físicas nas escolas com aulas regulares, programas específicos para subgrupos determinados e campanhas publicitárias incentivando a prática Acadêmicos de Medicina Atividade Física para idosos Atividade física regular melhora a qualidade e expectativa do idoso

Promove um estado de bem-estar A atividade física induz adaptações fisiológicas e pscicossociais nas pessoas, principalmente idosos. Algumas delas são:

melhora do perfil lipídico
melhor controle de glicemia
maiores benefícios circulatórios A atividade física regular diminui a incidência de quedas, o risco de fraturas e a mortalidade em portadores de doença de Parkinson A Atividade física deve ser incentivada e estimulada para indivíduos idosos pelo poder público e privado Merci!
Full transcript