Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Estrutura da palavra

No description
by

Isabella Antunes

on 17 September 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Estrutura da palavra

MORFEMAS são as partes de uma palavra, é a menor partícula significativa da língua portuguesa. Quando analisamos uma palavra morfologicamente, ou seja, quando analisamos a sua forma, podemos separar as partes desta palavra, seus morfemas.
Chamam-se morfemas: RAIZ, RADICAL, DESINÊNCIA, VOGAL TEMÁTICA, TEMA e AFIXOS.
Estrutura da palavra
Raiz
É o morfema que contém o núcleo significativo comum a uma família linguística, ou seja, é a partir da raiz da palavra que se associa ela a outras da mesma família e que identificamos o seu significado.
Estrutura e formação da palavra
Radical
Resumo para o avaliatório
morfema
O QUE É MORFEMA?
Exemplo: Em uma palavra como SOL temos apenas um morfema (o sol é uma palavra primitiva), mas já na palavra insolação, podemos encontrar três:
in+sol+ação.
.
É a parte que se repete em toda a palavra da mesma família.
São chamadas de palavras cognatas aquelas formadas pelo mesmo radical.
Desinências
Pode existir dois tipos de desinências:

que
estão ligados a nomes
, são chamados de desinências nominais (número, gênero).
que
estão ligados a verbos
, são chamados de desinências verbais (modo temporal e número pessoal).
desinência de número:
carro-carro
s
papel-papé
is
homem-home
ns
obs: indica o singular e o plural dos nomes.
desinência de gênero:
menin
o
-menin
a
alun
o
-alun
a
marqu
ês
-marqu
esa
obs: indica o feminino e o masculino dos nomes.
Exemplo de palavras que não variam

Palavras que não variam no gênero: mesa, cadeira, cruz, igreja, papel, etc.
Palavras que não variam no número: lápis, vírus, etc
desinência verbal modo temporal:
fala
va
(
-va
): desinência que indica o pretérito imperfeito do indicativo.
fala
sse
(
-sse
): desinência que indica o pretérito imperfeito do subjuntivo.
fala
ria
(
-ria
): desinência que indica o futuro do pretérito do indicativo.
obs: são as desinências que indicam o tempo e o modo do verbo

desinência verbal número pessoal:
fala
mos
(
-mos
): desinência que indica a primeira pessoa do plural.
fala
s
(
-s
): desinência que indica a segunda pessoa do singular.
fala
m
(
-m
): desinência que indica a terceira pessoa do plural.
obs: são as desinências que indicam a pessoa e o número do verbo.
Fontes:

http://www.soportugues.com.br/secoes/morf/morf3.php
http://www.flip.pt/FLiP-On-line/Gramatica/Morfologia-Partes-do-discurso/Verbo/Elementos-do-verbo/Desinencias-pessoais.aspx
http://www.brasilescola.com/gramatica/estrutura-e-formacao-de-palavras-i.htm
http://www.algosobre.com.br/gramatica/estrutura-das-palavras.html
http://www.brazilianportugues.com/index.php?idcanal=243
http://linguaberta.blogspot.com/2010/10/desinencias-verbais.html
afixos :
existem três tipos de afixos:
prefixo: é aquele quem vem antes da palavra.
Des
confortável
Re
fazer
Des
leal
sufixo: é aquele que vem depois da palavra.
Folha

gem
Legal

mente
Livra

ria
infixo (parassintética): é aquele que está no meio da palavra.
Gas
ô
metro
Cafe
z
al
Cafe
t
eria
Todas essas palavras formadas pelo esquema juntas são chamadas de palavras cognatas.
Qual a diferença entre vogal temática e vogal de ligação
Vogal de ligação, representa um morfema que apenas surge por motivos eufônicos, ou seja, para que a palavra seja pronunciada corretamente como por exemplo
GAS
Ô
METRO
TECN
O
CRACIA
INSET
I
CIDA
A vogal temática, indica a que conjugação pertence à forma verbal ligando o radical com a desinência , por exemplo:
Cant
a
r: o A é a vogal temática e indica que o verbo é da primeira conjugação.
Beb
e
r: o E é a vogal temática e indica que o verbo é da seguda conjugação.
Formação das palavras
As palavras podem ser classificadas em:


Primitivas
: são palavras ''puras'' não são originadas de nenhuma outra.
Pedra
Livro
Flor
Derivadas
: são formadas por outras palavras:
desalinhar (des+linh[a]+ar)
marítimo (mar+rítimo)
composta
: formada por duas ou mais palavras
rodapé (roda+pé)
minissaia (mini+saia)


Composição



justaposição: é quando os radicais da palavra não mudam ao se unirem:
sempre-
viva
passa
tempo
ponta

aglutinação: é quando pelo menos um dos radicais da palavra são alterados
planalto (plano + alto)
embora (em + boa + hora)
aguardente (água + ardente)

Derivação das palavras
Na derivação temos três tipos, a imprópria, a regressiva, e os afixos.
derivação imprópria: ocorre quando a classe gramatical da palavra muda:

Vamos olhar a mercadoria para apreciação


Este teu olhar, quando encontra o meu, fala de uma coisa.

derivação regressiva: quando a palavra nova é a redução da primitiva:
chorar-choro
castigar-castigo
verbo
substantivo
Analise atentamente o poema a seguir, atentando-se para as questões pertinentes ao mesmo:

F o r m a
R e f o r m a
D i s f o r m a
T r a n s f o r ma
C o n f o r m a
I n f o r m a
F o r m a
José Lino Grünewald
De acordo com o processo ligado à formação de palavras, conceitue-o, levando em consideração o radical.
Exercícios
Relacione a 2ª coluna de acordo com o seguinte código:

( I) Derivação prefixal ( ) pombo-correio
( II) Derivação sufixal ( ) os guerrilheiros efetuaram ataques relâmpagos
(III) Derivação parassintética ( ) retroagir
(IV) Derivação imprópria ( ) deslocamento
(V) Aglutinação ( ) planalto
(VI) Justaposição ( ) entristecer

Exercício 2
Responta:
2-) VI, III, I, II, V, IV
Tendo em vista que o radical é “forma” ,ocorreu uma derivação prefixal
Exrcício 1:
Isabella Antunes
1° I
Full transcript