Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

A importância da relação médico-paciente

Seminário de bioética
by

Emanuel Augusto

on 11 December 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of A importância da relação médico-paciente

Problemas no sistema de saúde O problema na formação O importante para a formação A IMPORTÂNCIA
da comunicação na relação médico-paciente BARREIRAS À COMUNICAÇÃO: •Progresso científico e tecnológico da medicina;
•Problemas no sistema de saúde;
•Pacientes de baixo nível de escolaridade;
•O uso da internet pelos pacientes;
•Despreparo no ensinamento da arte de ouvir durante a formação médica. Dados •O Brasil ocupa a 20ª posição na avaliação geral médico-paciente (Ibope-2011);
•10 a 12 queixas contra médicos por dia no estado de São Paulo (Cremesp-2011);
•No Brasil, o paciente é interrompido 3 segundo depois de começar a explicar seu mal (Conselho Federal de Medicina). COMPONENTES
Deborah Gibson
Dennis Menezes
Dúnia Isabel
Emanuel Augusto
Elvis Bessa Medicina 2012.2 -Maior ênfase no conhecimento técnico Falta de disciplinas com foco na relação com o paciente -Sobrecarga do estudante;
-Limitação ao aparato tecnoló-gico durante a formação; Humanização da faculdade Disciplinas
com enfoque
na comunicação “O que dificulta é quando às vezes eu vou explicar uma receita, e a mãe tem uma escolaridade limitada ou uma compreensão limitada, que preciso explicar, explicar, explicar e depois ela pergunta de novo [...] Nossa, eu tenho que ter uma paciência tão grande e, às vezes, eu não tenho não!” (Médico) O uso da internet pelos pacientes •O paciente expert;
•Informações disponíveis na internet, independente de sua veracidade;
•Potencialmente menos disposto a acatar passivamente as determinações médicas;
•Perda de autoridade do médico? - Menos reclamações por negligência médica;
- Maior satisfação do paciente;
- Maior adesão ao tratamento;
- Mais fácil de emitir diagnóstico;
- Maior satisfação do médico com o trabalho e diminuição do estresse. Benefícios de uma relação saudável “O médico nem olhou pra mim".
"Não me examinou e já foi escrevendo a receita".
"Foi frio".
"Muito seco, não conversa nada”.
"Escuta, anota, não explica nada e logo dá a receita".
"A gente fica duas, três horas esperando e quando chega a nossa vez, em dois ou três minutos o médico diagnostica, dá a receita e manda a gente embora". Queixas COMUNICAÇÃO MÉDICO-PACIENTE: Linguagem verbal Linguagem não verbal: gestos e posições Contato visual Confiança A confiança que ele passa pra gente a ponto de você falar dos seus problemas mais íntimos [...] a gente se sente à vontade pra contar tudo. (Paciente)

A minha relação, eu tento que seja a de mais confiança possível, que o paciente se sinta confortável comigo e eu me sinta confortável com ele. Tento ouvir o paciente o máximo que eu puder, deixo-o com o discurso livre [...] as dores, as angústias [...] acabo ganhando maior confiança com ele e também pego mais facilmente as queixas pra poder chegar ao diagnóstico. (Médico) Introdução à
medicina e bioética “O jeito que ele conversa com você, a simpatia dele. Como olha pra você [...] Ele só anota a receita depois que você entendeu tudo que ele explicou. Ele pergunta tudo. Eu gosto muito da maneira como ele consulta as pessoas. [...] Passa meia hora escutando, olhando, pegando na gente.” (Paciente) Capacidade de escuta, comunicação e empatia: PROGRESSO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DA MEDICINA: •Uso de exames como principal fonte para diagnóstico.
•Há a necessidade de alterar o foco da atenção médica voltada para doenças, exames, números e taxas; para se voltar mais em prol do próprio doente. "Escute o paciente e ele lhe dirá o diagnóstico". Osler (1904) "A arte de tomar conta dos pacientes, de ouvi-los e de cuidar de suas necessidades não é algo novo. Isso se chama ser um médico”. (Jerry Sayre) Visão dos pacientes:
• Tempo de espera prolongado;
• A falta de profissional médico;
• O difícil acesso a consultas, exames e medicamentos. Visão dos médicos:
•Excesso de demanda;
•O número insuficiente de médicos nas equipes;
•A sobrecarga de trabalho;
•O tempo de consulta (de menos de 15 minutos). Medicina 2012.2 Saber ouvir
Full transcript